Quem São os Nefilins que Voltaram Bem Depois do Dilúvio?




Hélio de M.S., 2015






PERGUNTAS:

Depois de ler Gênesis 6, tenho algumas perguntas sobre os nefilins.
Gênesis 6:4 diz: "
Havia naqueles dias gigantes na terra; e também depois, quando os filhos de Deus entraram às filhas dos homens e delas geraram filhos;
estes eram os valentes que houve na antiguidade, os homens de fama."



a) Se o dilúvio de Noé extinguiu todo os nefilins, então de onde é que vieram os nefilins que aparecem após o dilúvio, referidos em Nu 13:33? Os espias voltaram e prestaram o seguinte relatório sobre Canaan:

Nu 13:33 Também vimos ali gigantes, filhos de Anaque, descendentes dos gigantes; e
éramos aos nossos olhos como gafanhotos, e assim também éramos aos seus olhos.]

b) Se os "filhos de Deus", de Gn 6, foram anjos caídos e se esses anjos mal- comportados foram presos no abismo, tal como Judas 1:6 declara
Judas 1:6 "
E aos anjos que não guardaram o seu principado, mas deixaram a sua própria habitação, reservou na escuridão e em prisões eternas até ao juízo daquele grande dia,"
então como eles puderam voltar, em Nu 13:33, para de novo entrar às filhas dos homens, e de novo gerar gigantes, cada um sendo metade homem, metade demônio?

c) Se os "filhos de Deus", de Gn 6, foram homens da santa linhagem de Sete, homens que se misturaram com as mulheres da ímpia linhagem de Caim, mas os filhos desta mistura foram todos extintos, então de que fonte de genes vieram os novos nefilins, de Nu 13? É possível que alguns dos nefilins pré-diluvianos realmente sobreviveram à catástrofe do dilúvio?







RESPOSTA
(de Hélio):

1) - Na Bíblia, sempre, todas as   raças/ tribos/ clãs/ famílias/ descendências dos homens   sempre são designadas pelo nome do primeiro homem de quem herdaram o nome e distinção (por exemplo, os "cananitas" receberam tal nome como derivação do nome "Canaan" (que significa "filho de Cão"), que foi um dos filho de Cão e um dos netos de Noé, todos os quais netos nasceram depois do dilúvio.
- Na Bíblia (quer em Gn 6 ou Nu 13), nefilins nunca são descritos como descendentes de nenhum homem que os tenha originado, o primeiro da família ou clã.
- Portanto, na Bíblia,
nefilim de modo nenhum é um nome de uma raça/ tribo/ família/ clã/ descendência dos homens.



2) Nefilim não podendo ser um nome de uma raça/ tribo/ clã/ família/ descendência de homem, então
nefilim apenas significa "alguém que é um GIGANTE, tem enorme estatura, muito acima dos limites esperáveis." Nas 3 ocorrências da palavra hebraica em toda a Bíblia, o dicionário dos dicionários, o dicionário que prevalece sobre todos os outros, que é a King James Bible, sempre a traduz por "gigante". Idem no Léxico de Strong.



3) Se eu fosse um ratinho anão de 7 cm e 115 gramas (http://cutiepieacresrats.weebly.com/dwarf-rats.html ), diria que um tigre siberiano de 3,30 m e 320 kg é um gigante, e também diria que um "rato gambiano gigante de bochechas como bolsa" ("Gambian Giant Pouched Rat", https://en.wikipedia.org/wiki/Gambian_pouched_rat), de 45 a 90 cm e de 3 a 6 kg, é um gigante. Mas tigre siberiano e tal roedor não têm nenhum parentesco ou relação entre si. Da mesma maneira, os gigantes de Gn 6 (sem nome mencionados e sem descenderem de um único homem de nome dado) e os gigantes de Nu 13 (que eram três e eram chamados de Aimã, Sedai e Talmai (Nu 13:22), e eram filhos de outro gigante, Anaque, o qual era filho do maior gigante da família, Arba (Jos 14:15), tendo este sido fundador de Quiriate-Arba ("cidade de Arba"), mais tarde chamada de Hébron) podem, ambos os grupos de gigantes, ser chamados simplesmente de gigantes, sem terem parentesco nem relação entre si.
Portanto,
os nefilins de Gn 6 e os de Nu 13 podem não ter nenhuma relação ou parentesco uns com os outros. A seguir, provarei, pela Bíblia, que não apenas podem não ter, mas, de fato, não têm nenhuma relação ou parentesco uns com os outros.



4) A sua pressuposição na pergunta (a) corretamente reconhece que "
o dilúvio de Noé extinguiu todos os nefilins". Na verdade, 2Pe 2:5 e todo o capítulo 7 de Gênesis ensinam que todos os ímpios (inclusive, mas não somente, os nefilins) foram totalmente aniquilados no dilúvio de Noé.
2Pe 2:5
5 E não perdoou ao mundo antigo, mas guardou a Noé, a oitava pessoa, o pregoeiro da justiça, ao trazer o dilúvio sobre o mundo dos ímpios;
Gn 7 4 ... e desfarei de sobre a face da terra toda a substância que fiz. ... 19 E as águas prevaleceram excessivamente sobre a terra; e todos os altos montes que havia debaixo de todo o céu, foram cobertos ....21 E expirou toda a carne que se movia sobre a terra, tanto de ave como de gado e de feras, e de todo o réptil que se arrasta sobre a terra, e todo o homem. 22 Tudo o que tinha fôlego de espírito de vida em suas narinas, tudo o que havia em terra seca, morreu. 23 Assim foi destruído todo o ser vivente que havia sobre a face da terra, desde o homem até ao animal, até ao réptil, e até à ave dos céus; e foram extintos da terra; e ficou somente Noé, e os que com ele estavam na arca. ....

Somente sobreviveram ao dilúvio universal as 8 pessoas de estavam dentro da arca: Noé e sua esposa; seus 3 filhos (Sem, Cão, e Jafé) e as 3 esposas deles (uma para cada um deles, claro); depois do dilúvio, filhos e noras deram a Noé os 16 netos citados em Gn 11.
Todas as pessoas sobreviventes ao dilúvio universal vieram da arca de Noé e cada uma dessas pessoas veio 100% da santa semente de Sete, 0% da de Caim, nenhuma delas tendo nem mesmo 1 gene característico de nenhum dos prévios nefilins.



5) Há batistas independentes- fundamentalistas (só- igreja local e visível, literalistas, só-TT, só- música não dançável) e há reformados conservadores que creem e ensinam que os "filhos de Deus" (de Gn 6) foram homens da santa linhagem de Sete, os quais, contrariando o desejo e ordem de Deus, se misturaram e casaram com as mulheres da ímpia linhagem de Caim, delas gerando filhos tão gigantescos em estatura (nefilins) e tão inexcedivelmente maus e violentos, que Deus os extinguiu a todos, no dilúvio universal, sem lhes deixar semente, e também creem e ensinam que os gigantes (nefilins) de Nu 13 não têm nenhum parentesco, relação ou semelhança com os gigantes (nefilins) de Gn 6. No entanto, embora tal crença e ensino não seja alvo de meu combate, eu firmemente creio e ensino diferentemente, a saber, que
os gigantes (nefilins) de Gn 6 foram resultados de "cruzamentos" de demônios que tomaram carne (ou possuíram, endemoninharam homens) para entrarem a mulheres e delas geraram gigantes (provavelmente de mais de 3 ou 4 metros de altura e com uma malignidade, força e poder sem nada comparável em toda História), e que os gigantes (nefilins) de Nu 13 simplesmente foram homens (100% descendentes de Sete através de Canaan e de Noé, e 0% descendentes de Caim) de gigantesca estatura, provavelmente de mais de 3 metros de altura, com força e poder e violenta maldade muito maiores que os dos demais homens, mas muito menores que os gigantes de Gn 6, não tendo tais gigantes de Nu 13 nenhum relacionamento ou parentesco com os gigantes de Gn 6.


Por favor, leia http://solascriptura-tt.org/Angelologia/FilhosDeDeusGn6-Ruckman.htm .


Hélio de M.S., 2015.

 



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em http://BibliaLTT.org, com ou sem notas.



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ Angelologia/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )