Imago Dei

 

Introdução

Teologia Patrística

 

Teologia Católica ( Medieval e Moderna)

Os Católicos Romanos possuem diversas concepções teológicas acerca da Imago Dei e a que predomina é que Deus dotou o Homem de certos dons naturais como a Espiritualidade da alma, a Liberdade da Vontade e a Imortalidade do Corpo, constitutivos da Imagem Natural. A harmonia dos constituintes acontece através da justitia, perdida na Queda do Homem. Para a Teologia Católico-Romana, o Homem ainda é Ícone em Essência de Deus embora desarmônica em seus constitutivos.

 

Teologia da Reforma

 

Teologia Moderna e Contemporânea

Nossa Opinião

É expressamente afirmado que o Homem foi criado à Imagem de Deus e Deus sendo um Ser Triúno em Sua natureza constitutiva, o Homem possui uma natureza triúna constitutiva: Corpo, Alma e Espírito que administram a matéria física do Homem, a mente do Homem e a Comunhão do Homem com Deus. Isto é estranho à Teologia Hebraica que apenas vê o Homem de uma forma única mas é verdade que o Homem só pode ser apresentado unitariamente, independente de sua natureza constitucional. Da mesma forma que há um só Deus, Ele é Triúno e ninguém possui apenas o Espírito Santo, por exemplo. Por isso, não estamos muito longe da concepção hebraica.

A Imago Dei abrange toda a pessoa do Homem e foi apagada em sua Essência, embora a Ícone permaneça pois o Homem ainda é Senhor da Terra como em Salmo 8, manifesta sua Ícone na administração familiar quando o homem é o Cabeça da mulher e, quando Deus condena o homicídio, condena por tirar a vida de Seu Ícone, embora desprovido da Essência ( pois os animais selvagens já não lhe respeitam; pois ao invés de considerar, na família, a mulher como parte mais frágil, ou a coloca em posição de escravo ou aceita sua subversão).

Cristo existe como Ícone Essencial do Deus Invisível, ou seja, é a Ícone Existencial e Essencial. Ele é Completo e por Sua Completude nós podemos ser recompletados e voltarmos à situação original. Somos reconstituídos como Imago Dei pelo Decreto do Pai, pelo Sacrifício de Cristo e pela Visitação do Espírito, embora ações diferentes em termos existenciais possuem a mesma essência ( da mesma forma a constituição humana: existe tríplice em essência una). Nada há em nós que possibilite a recepção da Palavra: Cadáver não ouve nem pensa!




JosiaS Macedo Baraúna Jr. Página 1 24/11/98

Assunto: Imago Dei - Pesquisa de Teologia Bíblica do Antigo Testamento.

Prof.: Rev. Isaías Cavalcanti. Seminário Teológico Presbiteriano do Rio de Janeiro, 1998.

Criado em 24/11/98 15:59 Criado por JosiaS Macedo Baraúna Jr.




(retorne à página ÍNDICE de www.solascriptura-tt.org/AntropologiaEHamartologia )