O CHAMADO PARA O MINISTÉRIO


 

Pr. José Láerton 

TEXTO: Hebreus 5:4 - “Ninguém, pois, toma esta honra para si mesmo, senão quando chamado por Deus, como aconteceu com Arão.”

 

TESE:

INTRODUÇÃO:

I – A NATUREZA DISTINTIVA DO MINISTÉRIO DE TEMPO INTEGRAL

Mt 9:38 – “Rogai, pois, ao Senhor da seara que mande trabalhadores para a sua seara.”

1 Co 9:14 – “Assim ordenou também o Senhor aos que pregam o evangelho que vivam do evangelho;

à O ministro do evangelho (Pastor ou missionário) têm o dever de dar tempo integral e exclusivo para o ministério da Palavra, para poder desempenhar bem o seu ministério, e é isso que Deus exige dele.

II Tm 2:4 “Nenhum soldado em serviço se envolve em negócios desta vida, porque o seu objetivo é satisfazer àquele que o arregimentou.”

At 6:2 – “Então, os doze convocaram a comunidade dos discípulos e disseram: Não é razoável que nós abandonemos a palavra de Deus para servir às mesas.”

I Co 9:11 – “Se nós vos semeamos as coisas espirituais, será muito recolhermos de vós bens materiais?”

I Tm 5:17-18 – “Devem ser considerados merecedores de dobrados honorários os presbíteros que presidem bem, com especialidade os que se afadigam na palavra e no ensino. Pois a Escritura declara: Não amordaces o boi, quando pisa o trigo. E ainda: O trabalhador é digno do seu salário.

I Pe 5:2 – “Apascentai o rebanho de Deus, que está entre vós, tendo cuidado dele

Ora, nem todos de uma igreja podem superintender ou governar; alguns têm que ser dirigidos ou governados. E cremos que o Espírito Santo designa na igreja de Deus alguns para agirem como superintendentes, e outros para se submeterem á vigilância de outros, para o seu próprio bem. Nem todos são chamados para trabalhar na palavra e na doutrina, ou para serem presbíteros, ou para exercerem o cargo de bispo. Tampouco devem todos aspirar a essas obras, uma vez que em parte nenhuma os dons necessários são prometidos a todos. Mas aqueles que como o apostolo (Paulo), crêem que receberam “este ministério” [II Co 4:1], devem dedicar-se a essa importantes ocupações. “

Homem nenhum deve intrometer-se no rebanho como pastor; deve Ter os olhos postos no Sumo Pastor, e esperar Seu sinal e Sua ordem. Antes que um assuma a posição de embaixador de Deus, deve esperar pelo chamamento do alto. Se não o fizer, mas se se lançar às pressas ao cargo sagrado, o Senhor dirá dele e de outros semelhantes: “Eu não os enviei, nem lhes dei ordem; e não trouxeram proveito nenhum a este povo, diz o Senhor” ( Jr.23:32)

II – O QUE O V.T. DIZ SOBRE A CHAMADA DIVINA

- Os profetas [ministros do V.T.] todos baseavam seu ministério na especifica chamada divina:

III – O QUE O N.T. DIZ SOBRE A CHAMADA DIVINA

à Por isso deve haver chamada [autorização] antes de alguém poder tornar-se legítimo bispo, “dispenseiro da casa de Deus”(Tt. 1:7)

- Não se dizer ministro (pastor ou missionário) tem de provar isto:

Tt 1:5 - “...constituísses presbíteros, conforme te prescrevi: alguém que seja irrepreensível..”

I Tm 5:22 – “A ninguém imponhas precipitadamente as mãos. Não te tornes cúmplice de pecados de outrem.”

II Tm 2:21 - “vaso para honra, santificado e idôneo para uso do Senhor, e preparado para toda a boa obra

At. 9:15 - “Este é para mim uma vaso escolhido, para levar o meu nome diante dos gentios.

Ef 4:11 – “E ele mesmo concedeu uns para apóstolos, outros para profetas, outros para evangelistas e outros para pastores e mestres,”

At 20:28 - “Atendei por vós e por todo o rebanho sobre o qual o Espírito Santo vos constituiu bispos [pastores], para pastoreardes a igreja de Deus, a qual ele comprou com o seu próprio sangue.”

Gl 1:1 – “Paulo, apóstolo, não da parte de homens, nem por intermédio de homem algum, mas por Jesus Cristo e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos,”

Jr 3:15 – "Dar-vos-ei pastores segundo o meu coração, que vos apascentem com conhecimento e com inteligência . ”

IV – SINAIS QUE AJUDAM A IDENTIFICAR A CHAMADA DIVINA

à Multidões tem errado quanto a chamada para o ministério, isso pode ser observado no número de pessoas que entram para o ministério pastoral ou missionário e fracassam e também do número de igrejas que tem sofrido a ação danosas de falsos pastores ou de pastores que se enganaram quanto a chamada e trouxeram grandes prejuízos a obra de Deus.

à É preciso ter certeza da chamada de Deus, antes de se aventurar em tão importante e exigente obra. De fato, a bíblia a tem como a obra mais excelente, porém a que exigirá a maior responsabilidade, e que atrairá os maiores perigos.

à “Para se constatar um verdadeiro chamamento para o ministério é preciso que haja:

ele tinha infinita e insaciável avidez pela conversão de almas”.

c) Spurgeon disse: “Não entre no ministério se puder passar sem ele “ – “...A Palavra de Deus deve se um fogo em nossos ossos, do contrário, se nos aventurarmos ao ministério, seremos infelizes nisso, seremos incapazes de suportar as diversas formas de abnegação que lhe são próprias, e prestaremos pouco serviço àqueles aos quais ministramos

- O ministro só pode segurar-se e fortificar-se na graça (força) que lhe foi dada na sua chamada e se não tem essa chamada do alto, não tem em que segurar-se (II Tm 2:1; II Ts 1:7-8)

à Ou poderá concluir que cometeu um engano -

- Daí poderá retornar pelo melhor caminho que encontrar.

CONCLUSÃO

 

PR. JOSÉ LAÉRTON
(IBR EMANUEL – 30/abril/99)


Fone: (085) 296-9151

 





 



Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ EclesiologiaEBatistas/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )