Como Se Conduzir Enquanto Um Servo de Deus Prega

David Cloud





"Mas, se tardar, para que saibas como convém andar na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, a coluna e firmeza da verdade." (1 Timóteo 3:15).



1. Esteja atento e alerta

Exemplos do que não fazer: Se apoiar em seus cotovelos com a cabeça para baixo e mascando chicletes. Essas coisas enviam sinais de que você não está interessado no que o pregador está dizendo. Lembre-se que os outros estão lhe olhando. Sua atitude e sua postura corporal afeta muito o pregador, os que estão ao seu redor, e toda a atmosfera do culto.



2. Não distraia os OUTROS

Exemplos de coisas que distraem os outros:

Falar ou escrever recados para quem está atrás ou ao seu lado, fazer ruídos do tipo “estralar os dedos”, brincar com bebês, crianças olhando para os outros e chamando a atenção delas, os pais precisam ter ciência do que seus filhos estão fazendo e se certificar de que eles não estão atrapalhando alguém.

Outro exemplo é deixar o culto para ir ao banheiro. Os pais devem ter certeza que suas crianças não desenvolvem este péssimo hábito de se distraírem. É extremamente desonroso à Palavra de Deus que está sendo pregada. Há tempo de sobra para ir ao banheiro antes e após os cultos. Claro que, se um indivíduo tem uma instrução médica ou um problema de saúde que exige que ele vá ao banheiro, é um assunto completamente diferente. Essa pessoa pode sentar-se no fundo e sair tranquilamente.



3. Escute bem

OUÇA COM compaixão para com o pregador.
Deus usa todos os tipos de homens e nem todos são poderosos, fascinantes oradores. Parece que Paulo não era (2 Coríntios. 10:10). Jonathan Edwards pregou um dos mais famosos sermões, "Pecadores nas Mãos de um Deus Irado", mas Edwards não era um grande orador. Na verdade, ele simplesmente leu o sermão. O pregador que foi fundamental na conversão de Charles Spurgeon não era um orador poderoso. Spurgeon descreveu-o como um simples alto-falante, desinteressante, mas o quanto Deus o usou! Lembre-se que Deus pode usar homens fracos. Um exemplo é Salomão. Ele teve problemas enormes, mas Deus o usou para escrever três livros importantes da Bíblia, incluindo o livro de Provérbios, que é o livro da sabedoria. Nossos olhos devem estar em Deus e não sobre o pregador. Escute o pregador como você gostaria que as pessoas o ouvissem. Evite uma atitude crítica.

OUÇA e ore.
Nada de significativo pode ser feito sem a oração (Rm 12:12, Ef. 6:18; Col. 4:2; 1 Tessalonicenses. 5:17). Ore por você mesmo. Ore pelo pregador. Ore por outras pessoas que estão no culto.

OUÇA atentamente.
Ouça como se Jesus Cristo estivesse falando. 1 Pedro 4:11 diz que o orador é o mensageiro de Deus, ou seja, seu porta-voz. Se você ouvir atentamente e procurar algo do Senhor, você pode ser edificado até mesmo através de uma mensagem aparentemente “chata”. Não deixe sua mente vagar para outras coisas. Não faça outra coisa enquanto deveria ouvir a pregação. Eu já vi pessoas lerem romances na igreja! Você não vai extrair nada da pregação, se você não ouvir atentamente.

Ouça com o CORAÇÃO aberto e submisso.
O convite de Deus é durante toda a mensagem, e não apenas no final. Deixe Deus falar com você, reprovar, repreender e exortar. Não pense que a pregação é para alguém. Não dê desculpas para seus pecados e defeitos.

OUÇA com fé (Hb 4:1-2)
A Palavra de Deus é ineficaz a menos que seja "misturada com a fé". Alguns ouvem a pregação como uma forma de entretenimento. Eles gostam, mas eles não acreditam que é suficiente para alterar a forma como eles vivem. Foi assim que os judeus ouviram o profeta Ezequiel: “31 E eles vêm a ti, como o povo costumava vir, e se assentam diante de ti, como meu povo, e ouvem as tuas palavras, mas não as põem por obra; pois lisonjeiam com a sua boca, mas o seu coração segue a sua avareza. 32 E eis que tu és para eles como uma canção de amores, de quem tem voz suave, e que bem tange; porque ouvem as tuas palavras, mas não as põem por obra.” (Ez 33:31-32 ACF)

OUÇA com discernimento.
A Bíblia nos adverte que não devemos colocar nossa confiança no homem (Jeremias 17:5). Temos de testar cuidadosamente toda a pregação da Palavra de Deus (Atos 17:11; 1 Coríntios. 14:29, 1 Tessalonicenses 5:21).

OUÇA como um estudante (2 Tm. 2:15).
Tenha papel e caneta pronta para que você possa capturar algo da mensagem. Escreva coisas na sua Bíblia (coisas importantes, como referências cruzadas, as definições, pensamentos importantes). Não se esqueça, você deve ter sua própria Bíblia e não apenas acompanhar a leitura com alguém. Faça anotações dos pontos importantes. Anote as coisas para estudar mais tarde, as coisas a verificar mais tarde, e as coisas para compartilhar com os outros. Isso o ajudará a lembrar o que é pregado.



4. TRATE o apelo a sério

Responda ao convite do Senhor segundo Ele lhe dirigir, e ore pelos outros. Tenha cuidado para não distrair outros durante o apelo. Esteja consciente de suas necessidades.






Traduzido por Luiz Ribeiro, 2009.



 


Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org/ )


Retorne a solascriptuta-tt.org/EclesiologiaEBatistas/
Retorne a solascriptuta-tt.org/