AS    IgrejaS    de    Deus

Arthur W. Pink



"Pois vós, irmãos, vos tornastes imitadores das igrejas de Deus em Cristo Jesus que estão na Judéia" (1 Tes. 2:14)




Uma Igreja Neotestamentária é um corpo local de crentes. Muita confusão tem sido o resultado de se utilizar adjetivos que não se encontram no Novo Testamento. Se fossemos perguntar a alguns Cristãos: a que igreja você pertence? Contestariam: à grande igreja invisível de Cristo - uma igreja que é intangível e invisível. Quantos repetem o Credo dos Apóstolos, "Creio na santa igreja católica? ”, que certamente não era parte alguma no credo que os apóstolos mantiveram. Outros falam de uma “igreja militante” e de uma “igreja triunfante”, porém nenhum destes termos se encontram nas Escrituras, e os empregarmos somente cria dificuldade e confusão. No momento que deixamos de reter “o modelo das sãs palavras” (2 Timóteo 2:13) e usamos termos não-escriturísticos, somente nos confundimos ainda mais. Não podemos melhorar as Sagradas Escrituras. Não há necessidade de inventar mais termos, fazê-lo é criticar o vocabulário do Espírito Santo. Quando alguns falam de uma igreja católica de Cristo, empregam um termo anti-escriturístico. O que querem dizer é "a família de Deus" (Ef 2.19). Esta última expressão inclui toda a companhia dos eleitos, porém a palavra "igreja" não tem o mesmo sentido. O tipo de igreja que é enfatizado no Novo Testamento, não é nem invisível nem universal, mas visível e local. A palavra para "igreja" é ekklesia e os que conhecem a língua grega estão de acordo que significa uma assembleia. Uma assembleia é uma companhia de gente que, na verdade, se reúne [corporal, fisicamente]. Se nunca se reúnem, então isso seria um mau uso da linguagem dizer que são uma assembleia. Por isso, como todo o povo de Deus nunca tem estado [reunido] em uma assembleia, juntos [em corpos], então não há uma Igreja ou assembleia universal. Essa igreja é, todavia, futura porque ainda não tem uma existência corporal. (Hb 12.23)

Arthur W. Pink



Enviado pelo Pr. Miguel Ângelo Maciel, Out.2013.



Nota de Hélio: desaprovo como antibíblicos alguns pontos de alguns escritos de Pink (sempre muito bem escritos), mas aqui ele bem expressou importante ponto bíblico da Doutrina das Igrejas: que as igrejas do Novo Testamento são locais e não há, atualmente, nenhuma igreja universal.