OVELHAS QUE PRECISAM DEPASTOR

Pr. Emidio Viana

e-mail: emidio.viana@digi.com.br

“E dar-vos-eipastores segundo o meu coração, os quais vos apascentarão com ciência e cominteligência” Jeremias 3:15

 

É de seestranhar  porque muitos pastores estãoembarcando na onda do humanismo, buscando conhecimento da psicanálise com ointuito de ser um conselheiro capacitado para ajudar suas ovelhas e de maneirageral o povo de Deus, na resolução de seus problemas. Buscar tal conhecimento éolvidar que Jesus Cristo tem recursos inesgotáveis para satisfazer as maisprofundas necessidades emocionais e espirituais .do seu povo. Buscar talconhecimento  seria como se essesestivessem proclamando de forma altissonante: A Bíblia é “insuficiente”. Elanão tem resposta para todos os nossos problemas e anseios mais profundos!.“Durante os últimos dez anos têm surgido um grande número de clínicaspsicológicas evangélicas. Embora a maioria delas reivindique ofereceraconselhamento bíblico, quase todas ministram, meramente, psicologia secularcamuflada com terminologia espiritual. Além disso, elas estão tirando oaconselhamento bíblico do seu lugar próprio, a igreja, condicionando oscristãos (e pastores) a se verem como incompetentes para aconselhar”[1].Se olharmos boa parte  da literatura queaborda o papel do conselheiro cristão, na íntegra  não defende a plena suficiência das Escrituras. Adota ointegracionismo, que é a junção da Bíblia com a psicologia. Esse material éusado como livro-texto em diversos seminários e cursos de pós-graduaçãoinfiltrando  o letal humanismo na igrejade Jesus Cristo.

. Para ospastores e conselheiros integracionistas há um inter-relacionamento entre Deuse o humanismo. Veja o que Roger F. Huurding, autor do livrointegracionista  A ÁRVORE DA CURA. EdVida Nova, nos apresenta. “... gostariade manifestar a minha  gratidão acolegas das áreas assistenciais, que estimularam a reflexão e o debate sobre ainter-relação entre teologia e a psicologia”[2].Só que para apoiar esse sofisma o autor não tem credenciais de Deus e suaPalavra, que é a nossa diretriz para todo pensamento e comportamento correto.Em contra partida, fico abençoado com a tenacidade de servos de Deus como DaveHunt e T.A . Mcmahon, que combatem veementemente essa linha de aconselhamento.Em seu abençoado livro A SEDUÇÃO DO CRISTIANISMO., há uma advertência contraessa onda letal que tem invadido muitas Igrejas. “Variações dessa psicologia se infiltraram na Igreja, nas escolascristãs e seminários porque pastores e outros líderes aceitaram a alegação deque ela é científica e neutra. A maioria dos crentes não conseguem reconhecerque o cristianismo e a psicoterapia são dois sistemas religiosos rivais eirreconciliáveis. A união dos dois como “psicologia cristã” cria um jugodesigual que introduz na igreja a influência sedutora da psicologia secular”[3].Muitos crentes estão sendo orientados a melhorar sua auto-estima, pais adesenvolver a auto-estima de seus filhos, jovens desenvolvendo a filosofia doamor-próprio. “Você só precisa amar eaceitar a si próprio como você é. Você precisa se perdoar, eu mereço. ...Apesar  da Bíblia não ensinar oamor-próprio , a auto-estima, o valor-próprio ou a auto-realização comovirtudes, recursos ou objetivos, um grande número de cristãos de hoje têm sidoenganados pelo ensino do pró-ego da psicologia humanista. Ao invés deresistirem à sedução do mundo, eles submetem a cultura do mundo. ... Na área doego, dificilmente se pode perceber a diferença entre o cristão e o não-cristão,exceto que o cristão afirma ser Deus a fonte principal de sua auto-estima,auto-aceitação, auto-valorização e valor próprio”[4].Todos esses sofismas fazem parte do “kitda felicidade” a qual o mundo oferece juntamente com o que está sendo proposto no aconselhamento cristão e emmuitos púlpitos através de mensagens psicologizadas. A Bíblia entra como um “PLACEBO”: se funciona, amém! casocontrário, se aplica as técnicas não bíblicas da psicologia.

  Certo dia escutei de um pastor o seguinteconselho para suas ovelhas: “O pastorfulano agora é também psicanalista, se alguém deseja ajuda psicológica  o endereço de seu consultório é: rua ...”Será que os conselheiros bíblicos estão em extinção? Será que as ovelhasprecisam de verdadeiros servos de Deus, ou de militantes usurpadores do papeldo pastor segundo o coração de Deus? Ou estamos desconfiados da eficácia daPalavra de Deus? “Porque a Palavra deDeus é viva e eficaz, mais penetrante do que espada alguma de dois gumes, epenetra até à divisão da alma e do espírito, e das juntas e medulas, e é aptapara discernir os pensamentos e intenções do coração” Hb 4:12.  Continuo crendo na plena suficiência dasEscrituras, e que Deus tem respostas para as nossas mais profundascontusões  emocionais. “A lei do Senhor é perfeita, e refrigera aalma; o testemunho o testemunho do Senhor é fiel e da sabedoria aos símplices.Os preceitos do Senhor são retos e alegram o coração; o mandamento do Senhor épuro, e ilumina os olhos”   Salmos19:7-8.

            Seria bom que os conselheiroscristãos parassem e refletissem: Não há harmonia entre Bíblia e psicologia .Louvo a Deus pelo surgimento da ABCB. Associação Brasileira de ConselheirosBíblicos, que procura capacitar pastores e líderes com a Palavra de Deus. Nãocom Freud e a Pscanálise, ou Alfred Alder e a Psicologia Individual, ou ViktorE. Frankl e a Logoterapia, ou Carl Rogeres e a Psicoterapia Centrada noCliente, ou Abraham Maslow e a Psicologia da Auto-atualização, ou B.F. Skinnere o Behavorismo Radical. Homens desprovidos de Deus e sua Palavra.

         “Não tenho dúvida quanto ao fato de que aobra de aconselhamento deve ser realizada eminentemente por ministros e outroscristãos cujos dons, treinamento e vocação de modo especial os qualificam e ossolicitam a que se dêem a essa obra”[5]Conselheiro capaz pg. 249. Gostariade terminar esse artigo deixando como sugestão alguns livros que podem ajudar oconselheiro bíblico: Coselheiro Capaz, Jay E. Adams, Ed. Fiel. O Manual doConselheiro Cristão, Jay Adams, Ed. Fiel. Nossa Suficiencia em Cristo, John F.MacArtr, Jr. Ed. Fiel. A Sedução do Cristianismo, Dave Hunt e T.A. McMaahon,Ed. Chamada da Meia Noite.  Os FatosSobre Auto-Estima e Psicologia, John Ankerberg e John Weldon, Ed. Chamada daMeia Noite.

 

 

[1] Adams E. Jay. O Manual Do Conselheiro Cristão, SP, Ed. Fiel, Pg. 249, 1994



[1] Macarthur Jon F. Nossa Suficiência em Cristo, SP,Fiel, . 1995, Pg, 47

[2] Hurding F.Roger. Modelos de Aconselhamento e dePsicoterapia, SP, Ed. Vida Nova, 1988, Pg 17

[3] Hunt Dave E. Mcmahon A T. A Sedução doCristianismo, RS, Chamada da Meia-Noite, Pg 33

[4] Martin e Bobgon Deidre. Revista Chamada DaMeia-Noite, Pg. 13, Fevereiro 1999

 



(retorne à PÁGINA ÍNDICE de SolaScripturaTT / EclesiologiaEBatistas)