10 Fatos Rápidos sobre o Conflito em Israel



1. Israel se constituiu como nação em 1312 AC, duzentos anos antes de o Islã surgir.

2. Desde quando as conquistaram em 1272 AC, os Judeus tiveram domínio sobre essas terras por mil anos, com uma presença constante nessas terras nos últimos 3.300 anos.

3. Jerusalém é a capital dos Judeus por mais de 3 séculos, porém nunca foi a capital de nenhuma organização árabe ou muçulmana.

4. Jerusalém é citada mais de 700 vezes nas Escrituras Sagradas Judaicas, porém não é citada nenhuma vez no Alcorão muçulmano.

5. Os Judeus oram de frente para Jerusalém. Os muçulmanos oram dando as costas para Jerusalém.

6. Refugiados árabes, propositadamente, não foram assentados nas terras dos árabes para as quais eles fugiram, apesar da abundância de terras árabes. Dos mais de 100.000.000 refugiados, desde a Segunda Guerra Mundial, os refugiados árabes são os únicos que até hoje não foram assentados nas terras do seu próprio povo árabe.

7. Os refugiados Judeus foram forçados a fugir das terras árabes embaixo de extrema brutalidade, perseguição e massacres de Judeus, oficialmente patrocinados e executados pelos árabes.

8. Os árabes são constituídos por oito nações diferentes, sem contar os palestinos. Há somente uma única nação de Judeus. As nações árabes já começaram 5 guerras contra os Judeus e perderam todas elas. Em todas, Israel teve que se defender e ganhou cada uma delas.

9. A Organização para a Libertação da Palestina, organização política e paramilitar tida, pela Liga Árabe desde outubro de 1974, como a "única representante legítima do povo palestino”, até hoje ainda pede a destruição total do Estado de Israel.

10. Das 690 resoluções das Assembleias Gerais das Nações Unidas votadas antes de 1990, 429 foram contra Israel, mas a ONU ficou calada enquanto os terroristas Jordanianos destruíam 58 Sinagogas de Jerusalém, violavam sistematicamente o Cemitério Sagrado localizado no Monte das Oliveiras (Gethsemane) e ainda instituíam um regime similar ao apartheid para impedir que os Judeus visitassem o Monte do Templo e o Muro das Lamentações.


Enviado por Teno Groppi

Traduzido por Eliana A. M. Moreira (esposa do Ayrton Moreira)
 



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em BibliaLTT.org, com ou sem notas).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ EscatologiaEDispensacoes/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )