Pais do Romanismo Premilenaristas

Eu não dou o menor valor aos assim chamados "Pais da Igreja" porque 99% deles são de depois da fundação da Igreja Católica por Constantino (organizou o Concílio de Nicéia em 325 d.C.) e Teodósio I (decretou a Igreja Católica ser a única legal, em 395 d.C.), portanto são meros pais ou apoiadores das heresias católicas. Também não dou o menor valor aos credos dos concílios, pois todos eles, sem exceção, foram depois dessa fundação, são odiáveis concílios e credos católicos. Só dou valor (todo valor) ao que está escrito na Palavra de Deus, a Bíblia. Nada mais.
Mas, como muitos dos opositores do Premilenarismo veementemente negam a existência da menor sobra dessa doutrina nos escritos daqueles "Pais", será muito divertido mostrar que isto é enorme, deslavada inverdade, pois mesmo aqueles hereges e pais das heresias católicas muitas vezes reconheceram que a Bíblia ensina, sim, um milênio literal, 1000 anos literais de Cristo reinando visível, física, corporalmente, sobre toda a terra, com todas as profecias à Israel literal cumprindo-se literalmente.

A tradução abaixo é muito sofrível, feita por computador. Rogo que alguém com suficiente competência à corrija à mão e me envie de volta.

Hélio.






Pre-Millennialism

Premillennialists believe the 1000-year reign of Christ mentioned in Revelation 20:5-6 (known as the Millennium) is literal and is yet to come. Postmillennialists believe the church will create a utopia (the Millennium) and it is yet to come. Amillennialists believe the Millennium is the church age, which started 2000 years ago and continues.

Since the 1000 years is mentioned only in the book of Revelation, the focus is on how Revelation should be properly interpreted. Most of the older denominations do not believe it is literal, or at least never talk about it. The Eastern Orthodox Church, for instance, teaches that the book of Revelation was added to the canon of scripture only on the condition that it would never be read in a public service. They still observe this rule today. There is no written record of this but the Muratorian Canon Fragment, (170 AD), states "We receive the Apocalypses of John and Peter only. Some of us do not wish the Apocalypse of Peter to be read in church." This may explain where the legend comes from.

Some teach Premillennialism, also called Chiliasm, was condemned as heresy at the council of Constantinople in 381, however the full record of the "Tome and Anathemas" of this council no longer exists. And there seems to be no other written record of this either.

Eusebius' Ecclesiastical history, 3:39 records Papias' (140AD) testimony that John the apostle taught him that Jesus would literally come back in the flesh and reign for 1000 years. 
Justin Martyr (165AD) was a disciple of Polycarp. Polycarp worked with John the Apostle in ministry for over 20 years. Justin states in his Dialogue chapters 32 & 110 that their would be a literal 7 year tribulation, and chapter 81 there will be a literal 1000 year reign of Christ.
Irenaeus (177AD), who also studied under Polycarp and  talked with John when he was young, teaches in his 'Against Heresies' 5:25-30 a literal tribulation and 1000 year reign of Christ. He goes on to say in 5:35 that Christians who try to allegorize these things are immature Christians.
Tertullian (202AD) taught in his 'Against Marcion' 3.5 that the 1000 year reign of Christ is real. 

In Eusebius' Ecclesiastical history (325AD) states in 7.25 the Gnostic Cerinthus started teaching not only is the 1000 years literal but it would be for gratifying the sensual appetites like, food, drink, sex, ect. This perverse teaching lead some early Christians to reject the book of Revelation and others to accept it but view the 1000 years as symbolic.
In Ecclesiastical history 7.24 we learn when allegorical interpretation became the normal style of interpretation Nepos, a bishop in Egypt, around 295 AD, wrote a book entitled "Refutation of the Allegorists" In which he interpreted the millennium as literal. This led some to think he was trying to revive the old teaching of Cerinthus. This caused more Christians to begin to hold to the millennium among other things as allegorical. Others began to avoid the issue all together.
Dionysius, in his "Promises," also mentions Nepos and Millennialism. ECF 6.81 
Victorinus commentary on Revelation chapter 22 also mentions Cerinthus.

Eusebius (325AD) and Augustine (597AD) taught the Millennium was not literal. But remember at the council of Nicea, instead of taking the position that Jesus was homousos or heterousos, Eusebius tried to make a compromise stating Jesus was neither, which of course did not work. This shows his tendency toward avoiding the controversy. Augustan taught what would later be called Calvinism. All the first and second century fathers taught it was a Gnostic perversion to say man is not given a choice in salvation.


Several early church fathers teach the Millennial Reign of Christ would start in the year 6000 AM.

  • Irenaeus (77 AD)
  • Against Heresies 5.28




copiado de http://biblefacts.org/history/pre1000.html

Pais do Romanismo Premilenaristas
 





Pré-milenistas acreditam que o reinado de mil anos de Cristo mencionados no
Apocalipse 20:5-6 (conhecido como o Milênio), é literal e é ainda
vir. Postmillennialists acredito que a igreja irá criar uma utopia (o
Millennium) e ele ainda está para vir. Amilenistas acreditam que o Millennium
É a era da igreja, que começou há 2000 anos atrás e continua.
Desde os 1000 anos só é mencionado no livro do Apocalipse, o
foco está em como Apocalipse deve ser interpretado corretamente. A maioria dos
denominações mais antigas não acredito que é literal, ou pelo menos nunca falar
sobre ele. A Igreja Ortodoxa Oriental, por exemplo, ensina que o
livro do Apocalipse foi colocado no cânon da Escritura somente no
condição de que nunca seria lida em um serviço público. Eles ainda
observar essa regra hoje. Não há nenhum registro escrito deste, mas a
Canon Muratorian Fragment, (170 AD), afirma: "Nós recebemos o Apocalipse
de João Pedro e só. Alguns de nós não queremos o Apocalipse de Pedro
ser lido na igreja. "Isto pode explicar de onde vem a lenda.
Alguns ensinam Premillennialism, também chamado Chiliasm, foi condenado como
heresia no Concílio de Constantinopla, em 381, porém o registro completo
de Tomé "e anátemas" deste conselho não existe mais. E não há
Parece não haver outro registro escrito dessa também.
Eusébio história 'Eclesiástica, 3:39 registros Papias (140D.C.) depoimento
que o apóstolo João ensinou que Jesus iria literalmente voltar no
da carne e do reinado de mil anos.
Justino Mártir (165AD) foi um discípulo de Policarpo. Policarpo trabalhou com
João, o Apóstolo no ministério por mais de 20 anos. afirma Justin em sua
Diálogo capítulos 32 e 110 que a sua seria um ano 7 literal
tribulação, o capítulo e 81 haverá um reino literal de mil anos
Cristo.
Irineu (177AD), que também estudou com Policarpo e conversou com John
quando ele era jovem, ensina em seu "Contra as Heresias um 5:25-30" literal
tribulação e 1000 anos de reinado de Cristo. Ele continua a dizer que em 05:35
Cristãos que tentam alegorizar essas coisas são cristãos imaturos.
Tertuliano (202D.C.) ensinou em seu "Contra Marcion" 3.5 que o ano 1000
reinado de Cristo é real.
Na história do Eusébio "Eclesiástico (325AD) afirma em 7,25 Gnóstico
Cerinto começou a ensinar não é só a mil anos literais, mas
Seria gratificante para os apetites sensuais como, comida, bebida, sexo,
ect. Este ensinamento perverso levar alguns cristãos para rejeitar o livro
do Apocalipse e outros a aceitá-lo, mas ver a 1.000 anos como
simbólico.
Em História Eclesiástica 7,24 aprendemos quando interpretação alegórica
tornou-se o estilo normal de Nepos interpretação, um bispo no Egito,
em torno de 295 AD, escreveu um livro intitulado "A refutação do alegoristas" Em
que ele interpretou o milênio como literal. Isso levou alguns a pensar que ele
estava tentando reviver o antigo ensinamento de Cerinto. Isto causou mais
Cristãos para começar a soltar para o milênio, entre outras coisas
alegórico. Outros começaram a evitar o problema em conjunto.
Dionísio, em seu livro "Promises", também menciona Nepos e Millennialism. ECF
6,81
Victorinus comentário sobre Apocalipse capítulo 22 também menciona Cerinto.
Eusébio (325AD) e Agostinho (597AD) ensinou o Millennium não foi
literal. Mas lembre-se no Concílio de Nicéia, em vez de tomar o
posição de que Jesus era homousos ou heterousos, Eusébio tentou fazer uma
compromisso declarando Jesus não era nem, o que obviamente não funcionou. Este
mostra a sua tendência para evitar a controvérsia. Augustan ensinou o que
mais tarde seria chamado calvinismo. Todos os primeiro e segundo século pais
ensinou foi uma perversão gnóstico dizer o homem não é dado uma escolha de
salvação.
Vários pais da igreja primitiva ensinar o reino milenar de Cristo
início no ano de 6000 AM.
Irineu (77 AD)
Contra as Heresias 5,28

 



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em BibliaLTT.org, com ou sem notas).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ EscatologiaEDispensacoes/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )