UMA PROFECIA IGNORADA [pelas seitas: Verão o anticristo assentado sobre o Templo a ser reconstruído]

 

Pr. Miguel Ângelo L Maciel.




“O qual se opõe, e se levanta contra tudo o que se chama Deus, ou se adora; de sorte que se assentará, como Deus, no templo de Deus, querendo parecer Deus.” – II Tess 2.4


As seitas, em sua ânsia na aquisição de “novas” profecias, novas revelações e afirmações de seus pseudo-profetas, acabam, em consequência, desprezando a Palavra Eterna de DEUS.

Um dos exemplos diz respeito à reconstrução do templo judaico em Jerusalém, por ocasião dos 7 anos em que o Anticristo dominará o mundo.

O primeiro templo foi construído por Salomão (960-586 a.C., ver I Reis cap 6 a 8) e foi destruído por ocasião da invasão do império Babilônico.

O segundo templo foi construído por ocasião do retorno do exílio (536 a.C) descrito nos livros e Esdras (sacerdote) e Neemais (governador). Este templo sofreu reforma no tempo de Herodes, o Grande (37 a.C. – 4 d.C.) e foi destruído no ano 70 d.C.

O Senhor Jesus Cristo predisse essa destruição, 40 anos antes em Mateus 24, profetizada também por Daniel.

      “...e o povo do príncipe, que há de vir, destruirá a cidade e o santuário, e o seu fim será com uma inundação; e até ao fim haverá guerra; estão determinadas as assolações.” – Daniel 9.26b

      “Jesus, porém, lhes disse: Não vedes tudo isto? Em verdade vos digo que não ficará aqui pedra sobre pedra que não seja derrubada.” – Mateus 24.2


O historiador Josefo relata que os romanos reviraram as pedras em busca de ouro [que tinha se derretido e escorrido pelas brechas entre e debaixo das pedras, no incêndio provocado por um soldado romano que não tinha recebido ordem para pôr o Templo em fogo, o fez por sua própria culpa] e que o lugar ficou tão completamente destruído que parecia que nada havia existido naquele lugar antes, não ficando, portanto “pedra sobre pedra”.

O Senhor Jesus Cristo afirma que o anticristo tomará para si a posição que pertence ao Filho do homem, e o chama de a “abominação da desolação”, fazendo referência ao Profeta Daniel:
      
“Quando, pois, virdes que a abominação da desolação, de que falou o profeta Daniel, está no lugar santo; quem lê, atenda;” - Mat. 24.15.
     
 “E desde o tempo em que o sacrifício contínuo for tirado, e posta a abominação desoladora, haverá mil duzentos e noventa dias.” – Dan. 12.11
(ver também 11.31)

Portanto, o terceiro Templo será reconstruído durante os 3 anos e meio (1260 dias), metade dos sete anos em que o Anticristo dominará sobre a terra. Quando a metade da semana terminar, ele adentrará o templo e exigirá para si adoração como DEUS.

É esta a “abominação da desolação” que se estabelecerá em Jerusalém durante a última semana da qual fala o profeta Daniel.
     
“E ele firmará aliança com muitos por uma semana; e na metade da semana fará cessar o sacrifício e a oblação; e sobre a asa das abominações virá o assolador, e isso até à consumação; e o que está determinado será derramado sobre o assolador.” Dan 9.27


Os judeus, antes da quebra do pacto, o aceitarão como o Messias e todo o mundo gentílico que negará a Jesus (apostasia) e o terão como substituto, outro Cristo.

“E adoraram-na todos os que habitam sobre a terra, esses cujos nomes não estão escritos no livro da vida do Cordeiro que foi morto desde a fundação do mundo.” – Apo.l 13.8

Mas quando o Anticristo reivindicar essa adoração de si mesmo, se assentando no templo de DEUS, os judeus o rejeitarão e pregarão o Evangelho do Reino (nós gentios pregamos o Evangelho da Graça).

      “E este evangelho do reino será pregado em todo o mundo, em testemunho a todas as nações, e então virá o fim.” – Mateus 24.14

Inicia-se a angústia para Jacó (os salvos terão sido arrebatados antes do início dos sete anos do domínio do Anticristo e não passarão pela Tribulação).
    
  “Ah! porque aquele dia é tão grande, que não houve outro semelhante; e é tempo de angústia para
Jacó; ele, porém, será salvo dela.” – Jeremias 30.7
    
  “Porque não quero, irmãos, que ignoreis este segredo (para que não presumais de vós mesmos): que o endurecimento veio em parte sobre Israel, até que a plenitude dos gentios haja entrado.  E assim todo o Israel será salvo, como está escrito: De Sião virá o Libertador, E desviará de Jacó as impiedades.” – Rom 11.25-26


As seitas desprezam a profecia da construção do terceiro templo, o que os leva outros erros, tais como acreditam e pregam que:

- Suas denominações substituíram Israel.

- Que eles mesmos serão perseguidos e não os judeus.

- Que suas denominações passarão pela grande tribulação, pois negam o arrebatamento.

- Que a vinda [já se aproximando] da literal abominação da desolação é outra verdade negada sendo que, a Bíblia fala que a negação última (apostasia) é a negação de que Jesus é o Messias, o Cristo de DEUS vindo em carne, para que o mundo aceite o anticristo. As seitas impõem outro foco para fazerem suas perseguições: quem negar o papado, negar Maria como mediadora, negar o sábado hebdomadário, negar que o homem é divino, negar o  anjo Moroni, negar suas novas revelações, negar seus profetas...entre outros falsos ensinos que disseminam.

As seitas, portanto, desprezam a profecia que nos afirma que o Templo será reconstruído (em breve) em Jerusalém.

Aguardemos, portanto, com esperanças revigoradas, o chamado de Nosso Senhor Jesus Cristo, servindo-O em amor e submissão, obedecendo à Sua Palavra e pregando o Evangelho da Graça a toda criatura, para que o nome d’Ele seja exaltado, glorificado e honrado.

DEUS nos abençoe a mais amá-lO e a melhor servi-lO.



Pr Miguel Ângelo L Maciel.
Ago. 2012.




*****************************************

PERGUNTA DE HÉLIO:

Se alguém no mundo batista ou reformado (não do catolicismo, nem dos adventistas, nem dos testemunhas de Jeová, não de nenhuma denominação usualmente considerada como uma seita) ensina que todos os eventos da Tribulação já ocorreram de forma total, plena e definitiva, e que o próximo evento que esperamos é a segunda do Cristo até à terra para reinar, ou para trazer o julgamento final e fazer começar o estado final e eterno de todas as coisas, então não tenho por objetivo desafiá-lo e provocar a sua ira, mas fiquei muito curioso, muito interessado em SER INFORMADO sobre que argumentos usa para explicar como a profecia, feita em II Tes 2:4 (palavras que o Espírito Santo de Deus inspirou, assoprou para dentro da mente de Paulo e o fez escrever, em cerca do ano 53 dC), foi ou será cumprida (literalmente, tomando cada palavra no seu sentido usual). Só quero saber, ser informado. Pode escrever diretamente para mim, se quiser, eu prometo que não vou lhe ser injurioso, grosseiro, mal-educado, indelicado, nem mesmo vou lhe responder, só vou (no coração) lhe agradecer a gentileza. Só quero a informação de que não disponho. Estou intrigado, curioso.

1 ¶ Rogamos, porém, ó irmãos, quanto à vinda do nosso Senhor Jesus Cristo e quanto ao nosso reunirmos-nos- juntamente a Ele, {* episunagoge = o ato de reunirmo-nos juntamente, acrescido de uma ênfase. Algo como super- reunirmo-nos- juntamente, reunirmo-nos- juntamente de um modo acima e além do usual}
2 Para vós não serdes facilmente e cedo abalados- e- movidos para- longe- do vosso entendimento, nem clamardes- de- medo (quer através de espírito {*}, quer através de palavra, quer através de epístola como se fora através de nós), como se o dia de o Cristo [1] [2] tem chegado anteriormente. {* alguém que diz que tem uma revelação de o Espírito de Deus}
3 Que ninguém vos engane, segundo maneira nenhuma, porque não será assim sem que primeiramente venha A retirada (dos crentes) [3], e tenha sido revelado o homem do pecado [4], o filho da perdição,
4 Aquele que está se opondo e se exaltando sobre tudo que está sendo chamado de Deus, ou (que está se opondo e se exaltando) sobre tudo recebedor de devoção religiosa; com- o- propósito- de ele (vir a) se assentar (como- se- fosse Deus [5]) dentro do lugar- santo (do Templo) de Deus, apresentando a si mesmo como que é Deus. Dn 11:36; Ez 28:2
5 Não vos lembrais de que eu vos dizia estas coisas, ainda estando eu junto a vós?
6 E agora vós tendes percebido Aquele {*} que o {**} está detendo, a fim de ele {**} (somente) ser revelado no próprio tempo dele {**},
{* “aquele”(neutro) é O ESPÍRITO SANTO. "Aquele" é neutro, mas lembremos que neutros são frequentemente (embora não sempre) usados para o Espírito Santo, pessoa da tri- una Divindade} {** “o” (itálico) = “ele” (masculino) = “dele”(masculino) = O HOMEM DO PECADO, isto é, O ANTICRISTO. "Ele" e “dele” são masculinos, referem-se a quem é detido, não a Quem detém, que está no neutro.}
7 Porque o mistério {*} do desprezo- às- leis já efetivamente- opera; somente Ele {**} que agora o está detendo até que Ele {**} tirado seja para- fora- do meio, {* "musterion": algo do propósito- decreto eterno de Deus que era desconhecido até dos profetas e anjos, e, nesta passagem, foi revelado e registrado. Neste caso, é a operação de Satanás, o qual, após o arrebatamento dos salvos, virá a derramar todo o seu poder sobre o Anticristo.} {** “Ele” (masculino) = “Ele” (implícito) = “o ESPÍRITO SANTO”. Gramaticalmente, este segundo "Ele" refere-se a "Ele que o está detendo" (v.7), que é o masculino mais próximo. Não se refere ao "desprezo- às- leis" ou ao "mistério" (ambos são femininos)}
8 E então será revelado aquele desprezador- da- lei (a quem o Senhor "consumirá" (o poder) [6] "pelo assopro da Sua boca", e anulará (o poder) [7] pelo esplendor da Sua vinda), Is 11:4
9 A vinda de quem (do Anticristo) é segundo a energizada- operação de Satanás, em todo o poder e sinais e prodígios de mentira,
10 E em todo o engano da injustiça naqueles que estão se fazendo perecer, porque não receberam o amor da verdade a- fim- de serem eles salvos.
11 E, por causa disso, Deus lhes enviará a energizada- operação do enganar, para eles crerem na mentira,
12 Para que sejam condenados todos aqueles não havendo crido na verdade, mas (, ao contrário,) havendo tomado- prazer na injustiça.
13 Nós, porém, temos a dívida de sempre expressar toda a gratidão a Deus a respeito de vós, ó irmãos tendo sido amados pelo Senhor, porque, desde o princípio (da criação) [8], Deus vos escolheu- e- tomou para a salvação, em santificação de o Espírito e fé da verdade,
14 Para dentro da qual (finalidade) vos chamou através do nosso evangelho (as boas novas), para obtenção da glória do nosso Senhor Jesus Cristo.
15 Assim, pois, ó irmãos, permanecei vós postados firmes e retende os preceitos que vos foram ensinados quer por palavra, quer por epístola nossa.
16 Ora, que Ele mesmo (o nosso Senhor Jesus Cristo), e Deus (a saber, o nosso Pai) (Aquele nos havendo amado e em graça nos havendo dado uma eterna consolação e boa esperança),
17 ConsolE os vossos corações e vos firmE em toda a boa palavra e obra.

 


[1] 2Ts 2:2 Diferenciemos “O DIA DE O CRISTO” de  “o dia do Senhor”:
-      O "dia de o Cristo", logo após o Arrebatamento pré-tribulacional que formará a assembleia local totalizada futura, será o começo da eterna presença do crente, no seu corpo já glorificado, junto ao Cristo (antes, o crente estava conscientemente gozando da presença de o Cristo, no Paraíso, mas estava sem seu corpo glorificado, Lc 16:20-31).
-      O "dia do Senhor" será quando a Trindade soltará sua ira acumulada contra a humanidade rebelde, no Armagedom, ao final da Tribulação, para, depois, começar a dispensação do Reinar Milenar.

[2] 2Ts 2:2 Mss Alexandrinos/ TC/ bíblias moderninhas aqui roubam dEle o título "O CRISTO" (o Messias, o prometido Ungido de Deus) (adulteram para "SENHOR"). Confundem e adulteram “O DIA DE O CRISTO” para “O DIA DO SENHOR”.

[3] 2Ts 2:3 - “a RETIRADA (dos crentes)” O grego "646 apostasia" muitas vezes não significa "apostasia DA FÉ".

. Quando aparece isoladamente (sem ser seguida de "da fé"), então “646 apostasia” somente significa "SEPARAÇÃO" ou "RETIRADA", e é o contexto que esclarece a que ela se refere: em At 21:21, é "separar [de Moisés]"; somente em 1Ti 4:1 (acompanhado de "da fé"), é que "aposthsontai tinev thv pistewv" deve ser entendido como "alguns se separarão da fé" ou "alguns apostatarão da fé".
. A palavra relacionada "apostasion" é "carta de separação [divórcio]" em Mt 5:31 e 19:7 e Mr 10:4.
. A palavra relacionada "868 aphistemi" é "separar [do Templo]" em Lc 2:37; é "ausentar" em Lc 4:13; é "apartar" em Lc 13:27 e At 12:10 e 15:38 e 22:29 e 1Ti 6:5 e 2Ti 2:19 e He 3:12; é "levar" em At 5:37; é "deixar" em At 5:38; é "retirar" em At 19:9, e é "desviar" em 2Co 12:8.

Portanto, neste presente verso 2Te 2:3, tudo indica que "646 apostasia" se refere ao ARREBATAMENTO dos verdadeiros salvos da dispensação das assembleias, se refere à retirada deles para- fora- deste mundo.
- Todas as 7 traduções (e respeitamos muitíssimo a Tyndale-1522) da Bíblia para o inglês anteriores à KJB traduziram “646 apostasia” para “partida”, somente à partir da KJB-1611, infelizmente, a palavra foi transliterada ao invés de traduzida, isto sempre tem o perigo de causar confusão...

[4] 2Ts 2:3 Mss Alexandrinos/ TC/ bíblias moderninhas adulteram "PECADO" {266 hamartia} para "DESPREZO ÀS LEIS" {458 anomia} (ou “iniquidade”).

[5] 2Ts 2:4 Mss Alexandrinos/ TC/ bíblias moderninhas aqui extirpam/ destroem (por nota/ [colchetes]) que o Anticristo se assentará "COMO- SE- FOSSE DEUS" {hôs Theon} no Templo de Deus.

[6] 2Ts 2:8 Mss Alexandrinos/ TC/ bíblias moderninhas aqui adulteram "CONSUMIRÁ" {analôsei} para "MATARÁ" {anelei}, contradizendo frontalmente Rv 19:20, que diz que o Anticristo será lançado VIVO no lago de fogo!

[7] 2Ts 2:8 {355 analisko}, aqui traduzido como “CONSUMIR”, tem a ideia de usar até o fim, esgotar o poder e a ação, mas nem sempre tem a ideia de retirar a vida. {2673 katargeo} tem a ideia de deixar inoperante, sem ação, mas, também, nem sempre tem a ideia de retirar a vida.
Ao final da Tribulação, o Anticristo e o falso profeta são lançados VIVOS no Lago de Fogo (Rv 19:20), inaugurando-o (todos os outros seres perdidos só irão para o Lago de Fogo depois do Milênio, pois, durante ele: o Diabo estará acorrentado no Poço sem Fundo; os demônios estarão em tormento no Tártaro; os homens perdidos estarão em tormento no inferno [só ao final do Milênio e do julgamento do grande trono branco é que serão arremessados para eternamente sofrerem no Lago de Fogo]).

[8] 2Ts 2:13 Mss Alexandrinos/ TC/ bíblias moderninhas tomam o fato que fomos eleitos "DESDE {ap 575} O PRINCÍPIO" {archês 746} (da criação) para a salvação”, e adulteram tudo isto, dizendo que fomos eleitos “[como] PRIMEIROS FRUTOS {aparchên 536} para a salvação”!


Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em BibliaLTT.org, com ou sem notas).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de 
http://solascriptura-tt.org)



(retorne a http://solascriptura-tt.org/ EscatologiaEDispensacoes/ 
retorne a http:// 
solascriptura-tt.org/ )