Louvai ao Senhor com a Dança


David Cloud




“Louvai ao Senhor com o tamboril e a dança”
(Salmo 150:4).



O Salmo 150 não é uma ordem para que todo cristão dance, mais do que o Salmo 69 é uma ordem para que os cristãos amaldiçoem os seus inimigos. Considerem o Salmo 69:27-28:

“Acrescenta iniquidade à iniquidade deles, e não entrem na tua justiça.
Sejam riscados do livro dos vivos, e não sejam inscritos com os justos”.

Os cristão não devem orar neste sentido.
Ver Lucas 9:54-56.
“54  E os seus discípulos, Tiago e João, vendo isto, disseram: Senhor, queres  que digamos que desça fogo do céu e os consuma, como Elias também fez? 55  Voltando-se, porém, repreendeu-os, e disse: Vós não sabeis de que espírito  sois. 56  Porque o Filho do homem não veio para destruir as almas dos homens, mas  para salvá-las. E foram para outra aldeia.” (Lc 9:54-56)


De fato, a maior parte das coisas que Israel fazia, nós não fazemos na era da igreja. Isto inclui a circuncisão de bebês do sexo masculino, ofertas de sacrifício, adoração no Templo, restrições alimentares, leis sobre o sábado, festivais religiosos, múltiplos dízimos e muitas outras coisas.

Retiramos lições espirituais de cada parte do Antigo Testamento, mas determinamos qual a parte do Antigo Testamento que devemos obedecer, comparando-a com o Novo Testamento. A maneira de viver do crente é encontrada na fé do Novo Testamento.

E não existe exemplo algum de dança nas igrejas do Novo Testamento. Em nenhuma parte dos evangelhos encontramos Jesus dançando. Não existem exemplos dos apóstolos dançando. Não existe um só exemplo de dança nas igrejas primitivas. Os crentes do Novo Testamento são ordenados a cantar canções espirituais, mas não a dançar.

A dança no Antigo Testamento estava associada ao Reino de Deus (Salmo 149:3-5). Quando Jeremias descreveu a Nova Aliança com Israel e o estabelecimento do Reino de Deus [o Milênio] na terra, ele mencionou a dança duas vezes:

“Ainda te edificarei, e serás edificada, ó virgem de Israel! Ainda serás adornada com os teus tamboris, e sairás nas danças dos que se alegram.

 Então a virgem se alegrará na dança, como também os jovens e os velhos juntamente; e tornarei o seu pranto em alegria, e os consolarei, e lhes darei alegria em lugar de tristeza”. (Jeremias 31:4, 13).

O motivo pelo qual dança não é mencionada nas igrejas do Novo Testamento é, provavelmente, por ser uma período de rejeição a Cristo e de exílio. O esposo está longe, em um país distante. (Mateus 9:14-15). “14 ¶  Então, chegaram ao pé dele os discípulos de João, dizendo: Por que jejuamos  nós e os fariseus muitas vezes, e os teus discípulos não jejuam? 15  E disse-lhes Jesus: Podem porventura andar tristes os filhos das bodas,  enquanto o esposo está com eles? Dias, porém, virão, em que lhes será tirado o esposo, e então jejuarão.” (Mt 9:14-15)

Na Última Ceia, o Senhor Jesus Cristo disse: “E digo-vos que, desde agora, não beberei deste fruto da vide, até aquele dia em que o beba novo convosco no reino de meu Pai. (Mateus 26:29).

Quando acontecerem as bodas do Cordeiro [logo após o Arrebatamento dos salvos e o Tribunal de Cristo para galardoamento], então virá o tempo para “nos regozijarmos a alegrarmos” (Apocalipse 19:7). E, sem dúvida, a dança mencionada nos Salmos 149 e 150, e em Jeremias 31, vão começar! "Ora, vem Senhor Jesus!"

Quando o Reino de Deus for novamente estabelecido na terra, após a volta [corporal] de Cristo, nós dançaremos, mas não uma dança do tipo "rock & roll” !!!



David Cloud – Praise God in Dance - 19/06/14

Traduzido por Mary Schultze, em 19/06/14.