"Shekináh": Em hipótese nenhuma use este nome de horrenda divindade pagã, demônio.

Nome inexistente na Bíblia!
Nome da Cabala, paganismo, demonismo!

Hélio M.




A irmã Eliana Cachoeira enviou cópia de 2 artigos demonstrando cabalmente que nunca, em hipótese nenhuma, devemos usar o nome Shekináh (que tentam nos enganar dizendo que significa a "glória de Deus Jeová", e nome que começou a grassar entre os carismáticos/ pentecostais, em está crescentemente entrando, virando moda, em músicas e pregações de igrejas e crentes desavisados).


- “SHEKINÁH” NUNCA FOI USADA NOS ORIGINAIS EM HEBRAICO, POR QUALQUER UM DOS ESCRITORES BÍBLICOS, PARA EXPRESSAR O SIGNIFICADO DAS PALAVRAS “GLÓRIA DE DEUS”!!! ...
- O VOCÁBULO “SHEKINÁH” FOI UMA PALAVRA INTRODUZIDA PELOS RABINOS MUITO DEPOIS DAS ESCRITURAS TEREM SIDO CONCLUÍDAS.
- ALÉM DA SUA CONEXÃO COM A “DEUSA” LILITH-INANA, É PRECISO ESCLARECER QUE A PALAVRA SHEKINÁH FOI TARDIAMENTE CRIADA PELO RABINISMO, NO ÂMBITO DO JUDAÍSMO TALMÚDICO CABALÍSTICO.


O Judaísmo de depois da volta do cativeiro babilônico é uma horrível paródia do judaísmo de Moisés, Elias, etc.
Mistura-se com adoração ao Talmude (tradições humanas) colocado como superior ao Torá e toda Escritura.
Todos os verdadeiros judeus sinceros foram convertidos ao verdadeiro cristianismo, durante e logo após o ministério do Cristo.
O judaísmo de hoje é paganismo e demonismo, disfarçados.

Sim, Deus vai ser fiel à Sua promessa e vai converter muitos judeus, durante a 70ª Semana de Daniel (embora a maioria dos judeus siga o Anticristo e será destruída por Deus). Sim, incondicionalmente devemos orar pelo país de Israel. Sim, incondicionalmente devemos apoiar e lutar pela sobrevivência do país e do povo de Israel, mesmo que ainda descrentes.
Mas os judeus de hoje, mesmo os 1% considerados realmente mais religiosos, não passam de ritualistas cabalistas e talmudistas, e merecem tanto (ou mais) o inferno do que o pior assassino, homossexual, feiticeiro pagão. O cristianismo verdadeiro deve escapar dessa onda de judaização, e condenar e lutar contra toda e qualquer nuance de judaísmo que tenta sutilmente entrar no cristianismo.

Todos os verdadeiros judeus sinceros foram convertidos ao verdadeiro cristianismo, durante e logo após o ministério do Cristo. O que restou do judaísmo, o judaísmo dos tempos neo-testamentários, o judaísmo de hoje, é horrenda deformação do judaísmo inicial, é cabalismo, superstição, tradições vazias, paganismo disfarçado, demonismo disfarçado.


Não envio os artigos porque são longos e grandes, recheados de imagens. Ver http://www.previnasedamarca.com/arquivo.php?recebe=materia/judaismo/05/05.html
e
http://www.previnasedamarca.com/arquivo.php?recebe=materia/judaismo/37/37.html


Hélio, 24.12.2011

*****************************************************************************************


A quem me questiona sobre o artigo
"Shekináh: Em hipótese nenhuma use este nome de horrenda divindade pagã, demônio. Nome inexistente na Bíblia”,
em
http://br.groups.yahoo.com/group/solascripturatt/message/7326




Eu jamais esperei nenhuma reação contrária ao meu e-mail anterior. Nenhuma, mesmo. Mas muitos me escreveram muito zangados e sem apresentarem nenhum versículo em defesa, e outros me escreveram apenas perplexos e solicitando maiores explicações.

Não sou o autor dos 2 longos artigos que encaminhei através do meu curtíssimo artigo acima. Os 2 grandes artigos estão em:
http://www.previnasedamarca.com/arquivo.php?recebe=materia/judaismo/05/05.html
e
http://www.previnasedamarca.com/arquivo.php?recebe=materia/judaismo/37/37.html
(Os artigos não estão assinados. Presumi que devem ser do dono do site, mas não estou certo disso. E ele provavelmente compilou a partir de muitos outros livros e artigos, antigos e novos, em papel ou na internet. E eu não consegui ver o nome do dono do site, embora haja uma maneira de escrever para ele, através de "contato")

Na realidade, logo que os recebi até eu mesmo me surpreendi com os dois artigos, pois uma vez ou outra todos os pastores das igrejas batistas de linha fundamentalista de que fui membro nos últimos 35 anos usaram a palavra "Shekinah" e ensinaram ou deram a entender que a palavra estava na Bíblia e que o sentido dela, em hebraico, é "a glória do Senhor", por isso eu assumia como certo que ela era usada centenas de vezes na Bíblia. Duvidei dos 2 artigos e procurei em Strong's Concordance, na Concordância de Thomas Gilmer, nos dicionários bíblicos, na Online Bible usando o Texto Massorético, depois na internet, depois em artigos sobre o assunto. Não há dúvidas, todas as fontes de avisados e estudiosos, sem exceção, reconhecem que a palavra não existe em local nenhum do VT em hebraico (nem no NT). Também encontrei na internet muitos artigos antigos e de variados setores do cristianismo estudioso, ou de fontes "neutras" consideradas respeitáveis, todos eles unanimemente falando que Shekinah tem o horrível significado denunciado pelo autor dos 2 artigos. Por tudo isso, embora eu não conheça o autor, tenho todas as evidências de que ele está basicamente correto: o nome Shekinah não é bíblico, e é tremendamente malévolo.

Por mim, estou satisfeito quanto à veracidade do conteúdo básico dos 2 artigos, e nunca mais usarei a palavra Shekinah como se significasse a glória do Senhor. Fui convencido de que realmente significa uma horrível deusa do paganismo, um demônio horrível estando por trás dela.

Se, porém, alguém não estiver totalmente convencido mas estiver sinceramente à procura da verdade, de mais provas e evidências, então, com toda gentileza, encarecidamente peço, por favor, que procure por si mesmo ao invés de me pedir que procure por tais informações adicionais. E peça a ajuda do autor do artigo, não a minha, pois ele estudou muito mais sobre o assunto. Use a caixa de mensagens de "Contato", em http://www.previnasedamarca.com/arquivo.php?recebe=contato.html .

Em amor cristão,

Hélio, 27.12.2011.




*************************************************************************


Um dileto irmão amigo, sério estudioso do hebraico junto a alguns dos melhores professores dele em todo o mundo, escreveu-me hoje:

Quero dar-te firme certeza de que SHEKINÁ não está na Bíblia. Qual o argumento que usualmente os Carismáticos (que gostam muito desta palavra...) usam para justificar-se? Usam a semelhança de outra raiz - SQN ou SKN - Shin-Qof-Nun  - que significa "habitação" e é usada, por exemplo, em relação ao Tabernáculo. Neste caso, pela sã doutrina, no Novo Testamento, o Tabernáculo, HMSKN, a Habitação de Deus não seria referida pela Palavra SHEKINÁ e nem seria uma "energia" ou "presença" mística, mas seria o Ha Mishakan (perceba que a raiz é a mesma SKN) que é Cristo Jesus, nosso Senhor e Salvador, a Revelação de Deus para com os homens - uma revelação objetiva e proposicional, não uma "presença", "força" ou "energia". Os Carismáticos tentam forçar uma conexão entre o SKN e o Espírito de Deus, mas a conexão escatológica correta, de tipo e anti-tipo, é entre a habitação de Deus (no Tabernáculo, no Templo, na nuvem, no maná, etc.) e Cristo Jesus, que é o centro da Palavra de Deus, o significado de Sua revelação, o "fio condutor" de toda a história da redenção, de toda a Escritura.


Somente não cito o nome deste irmão, sério estudioso do hebraico, porque ele teme que pareça que ele quer se exaltar sobre os outros, pelo seu conhecimento, e pediu-me para não divulgar seu nome. Mas manterei seu e-mail comigo. Deus abençoe esse precioso irmão.


Hélio, 27.12.2011.

 

 


 

Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).

(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)

 

(retorne a http://solascriptura-tt.org/ Seitas/
http://solascriptura-tt.org/Seitas/Romanismo/
http://solascriptura-tt.org/Seitas/Pentecostalismo/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )