Trata da falsa e da verdadeira pregação do evangelho, do pragmatismo religioso, métodos baratos, falso crescimento, modernismo, mercado, marketing, show.


ENVERGONHADOS DO EVANGELHO



John MacArthur Jr., "Ashamed of the Gospel"
Tradução e condensação, por Hélio Silva, cerca 1994.

Colchetes [] são inserções comentando o original. Nos textos bíblicos, eventuais sublinhados, Caixa Alta, etc., são adições do condensador, para fins de ênfase.




Rom 1:16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.

2 Tim 1:8, 12 Portanto não te envergonhes do testemunho de nosso Senhor, nem de mim, que sou prisioneiro Seu; antes participa das aflições do evangelho segundo o poder de Deus, ... Por Cuja causa padeço também isto, mas não me envergonho; porque eu sei em quem tenho crido, e estou certo de que é poderoso para guardar o meu depósito até aquele dia.

Mar 8:38 Porquanto, qualquer que, entre esta geração adúltera e pecadora, se envergonhar de Mim e das Minhas palavras, também o Filho do Homem se envergonhará dele, quando vier na glória de Seu Pai, com os santos anjos.

0. PREFÁCIO

0.1. QUE É O PRAGMATISMO RELIGIOSO? Os pastores/igrejas "pragmáticas" são aqueles que assim pensam: "Se uma técnica ou curso de ação tem o efeito desejado, seguramente ele é bom, temos que adotá-lo. Se ele não parece funcionar, seguramente é errado, temos que evitá-lo"...

O Pragmatismo Religioso é inerente relativista...

Ora, o evangelho frequentemente não produz uma resposta positiva [favorável, entusiasmada]:

  • 1 Cor 1:22,23 Porque os judeus pedem sinal, e os gregos buscam sabedoria; Mas nós pregamos a Cristo crucificado [!], que é escândalo para os judeus, e loucura para os gregos. 1 Cor 2:14 Ora, o homem natural não compreende [!] as coisas do Espírito de Deus, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las [!] porque elas se discernem espiritualmente.
  • Por outro lado, mentiras e enganos satânicos podem ser bastante efetivos:

  • Mat 24:23,24 ... surgirão falsos cristos e falsos profetas, e farão tão grandes sinais e prodígios que, se possível fora, enganariam até os escolhidos [!]. 2 Cor 4:3,4 Mas, se ainda o nosso evangelho está encoberto, para os que se perdem está encoberto. Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus..
  • Aceitação pela maioria não é teste de validade:

  • Mat 7:13, 14 Entrai pela porta estreita; porque larga é a porta, e espaçoso o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela [!]; E porque estreita é a porta, e apertado [!] o caminho que leva à vida, e poucos [!] há que a encontrem.
  • Prosperidade e sucesso não são testes do verdadeiro:

  • Jó 12:6 As tendas dos assoladores têm descanso, e os que provocam a Deus estão seguros; nas suas mãos Deus lhes põe tudo.
  • O Pragmatismo Religioso, como uma filosofia para guiar ministérios, é inerentemente falho!... Não é nada menos que satânico!

    0.2. O PRAGMATISMO RELIGIOSO É REALMENTE UMA SÉRIA AMEAÇA? Sim, ele é hoje precisamente a mesma sutil e traiçoeira (e assim a mais perigosa!) ameaça para a igreja, que o Modernismo inicial representou quase um século atrás... (O Fundamentalismo sadio tem que se mover à frente!).

  • Tia 4:4 Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus. 1 João 2:15 Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. Sal 33:16,17 Não há rei que se salve com a grandeza de um exército, nem o homem valente se livra pela muita força. O cavalo é vão para a segurança; não livra ninguém com a sua grande força. Isa 31:1 Ai dos que descem ao Egito a buscar socorro, e se estribam em cavalos; e têm confiança em carros, porque são muitos, e nos cavaleiros, porque são poderosíssimos; e não atentam para o Santo de Israel, e não buscam ao Senhor. Zac 4:6 ... Não por força nem por violência, mas pelo meu Espírito, diz o Senhor dos Exércitos.
  • Todo o foco na questão de Israel ser uma luz para o mundo, é que os filhos de Deus devem, têm que ser diferentes do mundo!... Nosso Senhor atraiu pecadores porque Ele é diferente!...

  • Isa 42:6 Eu o Senhor te chamei em justiça, ... e te darei ... para luz [!] dos gentios; Isa 49:6 ... também te dei para luz [!] dos gentios, e para seres a minha salvação até as extremidades da terra. Jos 24:15 Porém, se vos parece mal aos vossos olhos servir ao Senhor, escolhei hoje a quem sirvais: se os deuses a quem serviram vossos pais, que estavam dalém do rio, ou os deuses dos amorreus, em cujas terra habitais: porém eu e minha casa serviremos ao Senhor.
  • 0.3. O MUNDANISMO É "AINDA" UM PECADO? Sim!: Tia 4:4 Adúlteros e adúlteras, não sabeis vós que a amizade do mundo é inimizade contra Deus? Portanto, qualquer que quiser ser amigo do mundo constitui-se inimigo de Deus. 1 João 2:15,16,17 Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele.

    Que é mundanismo? É acomodarmo-nos aos valores e ao espírito que reina no mundo ao nosso redor: 1 João 2:16,17 Porque tudo o que há no mundo (a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida) não é do Pai, mas do mundo. E o mundo passa, e a sua concupiscência; mas aquele que faz a vontade de Deus permanece para sempre.

    É a Palavra de Deus, não nenhum ardil humano, que planta a semente do novo nascimento:

  • 1 Ped 1:23 Sendo de novo gerados, não de semente corruptível, mas da incorruptível, pela Palavra de Deus, viva, e que permanece para sempre[!].
  • Não ganhamos nada senão o desprazer de Deus, se procurarmos remover a ofensa da cruz:

  • 1 Cor 1:22,23 Porque os judeus pedem sinal, e os gregos buscam sabedoria; Mas nós pregamos a Cristo crucificado, que é escândalo [!] para os judeus, e loucura [!] para os gregos. Gal 5:11 ... se prego ainda a circuncisão, por que sou pois perseguido? logo o escândalo da cruz está aniquilado?
  • 0.4. TODA INOVAÇÃO É ERRADA? Não: qualquer inovação criativa sobre tradições meramente humanas pode ser boa, desde que sugerida pelo bom-senso e aprovada pelo Espírito Santo (exemplos: fugir da rígidez estéril de ricas e impressionantes liturgias, como as Romanistas; usar orgão eletrônico, usar microfone para pregar ao ar livre, etc.). Mas nenhum "pequeno" desprezo/omissão da verdade bíblica com o fim de agradar homens pode nunca ser tolerável (exemplos: evitar pregar sobre inferno, usar ritmos carnais, usar métodos carnais, etc.).

    1. CRISTIANISMO DESCENDO LADEIRA A BAIXO

    A verdade bíblica é como o pináculo de uma montanha escarpada e escorregadia: um passo fora dele, e você começa a descer ladeira a baixo; uma vez que uma igreja ou um crente individual começa a descer, a crescente velocidade de queda o domina; recuperação é rara e ocorre somente quando os crentes árdua e disciplinadamente recomeçam a escalada através de reavivamento verdadeiro, bíblico!

    A vida do crente e da igreja também é como o nadar contra a correnteza, poucos metros à frente de uma queda dágua: se pararmos de nadar, ou mesmo se não nadarmos com suficiente energia, caímos na queda dágua, donde a recuperação também é rara, penosa, e somente possível com nosso reavivamento por Deus.

    1.1. O MINISTÉRIO DEVE SER DIRIGIDO [!] PELO MERCADO?... Não, deve ser dirigido ( controlado) total e somente por Deus!...

    1.2. COMO SE TER UM FILOSOFIA DE MINISTÉRIO [realmente] BÍBLICA? Frequentemente medite ("internalize"), e constante e esforçadamente faça tudo que Paulo ordenou que Timóteo fizesse. Tome (mesmo) 1 dia e faça uma lista dos mais de 20 imperativos: 1 Tim 1:3-5 (... advirtas a alguns, que não ensinem outra doutrina ... ); ...; 1:18,19 (... milites por elas boa milícia [!]; Conservando a fé e a boa consciência, rejeitando a qual alguns fizeram naufrágio na fé.); ...; 6:12 (Milita a boa milícia da fé...); ...; 2 Tim 1:8-11 (Portanto não te envergonhes do testemunho de nosso Senhor,...); ... .

    1.3. MINISTRANDO NUMA ÉPOCA EM QUE OS OUVIDOS COMICHAM.

  • 2 Tim 4:3,4 Porque virá tempo em que não sofrerão a sã doutrina; mas, tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências. E desviarão os ouvidos da verdade [!], voltando às fábulas.
  • Paulo não constrangeu Timóteo a fazer uma pesquisa de mercado/opinião ..., nem a fazer os desejos, o que agradasse o povo! ... Ao contrário, lhe ordenou que pregasse a Palavra -- fiel, sistemática, paciente, e reprovantemente -- e deixasse-a confrontar frontalmente o espírito da época ...

    1.4. COMO DEFINIMOS SUCESSO? Tamanho não significa bênção de Deus. Popularidade não é barômetro indicador de sucesso. De fato, popularidade pode ser razão de condenação:

  • Jer 5:30,31 Cousa espantosa e horrenda se anda fazendo na terra. Os profetas profetizam falsamente, e os sacerdotes dominam pelas mãos deles, e o meu povo assim o deseja [!}: e que fareis no fim disto?
  • Sucesso verdadeiro não é obter resultados a qualquer custo. Não é prosperidade, poder, popularidade, ou qualquer outra noção mundana de sucesso.

    1.5. 2 Tim 4:1-5: O FUNDAMENTO DE UM MINISTÉRIO REALMENTE PRAZEIROSO A DEUS

    * 1.5.1. Relembra teu Chamado, teu Chamador, teu Juiz; teu galardão: 2 Tim 4:1 Conjuro-te pois diante de Deus, e do Senhor Jesus Cristo, que há de julgar ... 1 Tim 3:1; Rom 14:10, 12; 1 Cor 13:11-15. Concentra-te em agradar a Deus, não ao povo. Vive à luz do julgamento iminente.

    * 1.5.2. Prega a Palavra: 2 Tim 4:2a Que pregues a Palavra... Nee 8:8. Pregar a Palavra nem sempre é fácil (1 Cor 1:23; 1 Cor 2:14; Rom 1:16). Mas toda a missão do ministro fiel gira em torno da Palavra de Deus [!]: guardá-la valorosamente, estudá-la dedicadamente, proclamá-la apaixonada, simples-direta, e fielmente. 1 Cor 2:1,2 ... quando fui ter convosco anunciando o testemunho de Deus, não fui com sublimidade de palavras ou de sabedoria. Porque nada me propus saber entre vós senão a Jesus Cristo, e este crucificado. 2 Cor 2:15,16 ... para Deus somos o bom cheiro de Cristo, nos que se salvam e nos que se perdem. Para estes certamente cheiro de morte para a morte; mas para aqueles cheiro de vida para a vida; ... Porque nós não somos, como muitos, falsificadores da palavra de Deus, antes falamos de Cristo com sinceridade, como de Deus na presença de Deus. Deus não quer que cativemos o povo com o encanto de inebriante oratória, com inigualáveis esperteza, humor, novidades, metodologias sofisticadas, etc. - Ele quer que simplesmente preguemos Cristo crucificado! Com simplicidade e ousadias diretas, no poder do Espírito!

    * 1.5.3. Sê Fiel, quer na Estação Propícia, quer não: 2 Tim 4:2b ... instes a tempo e fora de tempo... (quer o "clima" esteja "proprício" ou não...)

    * 1.5.4. Reprova, Repreende, e Exorta: 2 Tim 4:2c ... redarguas, repreendas, exortes, com toda a longamidade e doutrina. Mantem sempre o equilíbrio entre os negativos de reprovar e corrigir, e os positivos de ensinar, equipar-treinar (2 Tim 3:16) e exortar (isto é, animar, encorajar).

    * 1.5.5. Não Fraquejes, não Transijas em Tempos Difíceis: 2 Tim 4:3,4 Porque virá tempo em que não sofrerão a sã doutrina; mas tendo comichão nos ouvidos, amontoarão para si doutores conforme as suas próprias concupiscências; E desviarão os ouvidos da verdade, voltando às fábulas. Quando o povo não tolerar a verdade, então é quando é exatamente mais desesperadamente necessário que pregadores sinceros e corajosos a preguem!... Muitos vão abandoná-los ou perseguí-los, mas uns poucos (os eleitos) vão permanecer (João 6:66-68; João 3:31).

    * 1.5.6. Sê Sóbrio em Todas as Coisas: 2 Tim 4:5a Mas tu sê sóbrio em tudo... Sê alerta, firme, constante, em total controle das tuas paixões, apetites e nervos... tudo isto vindo de uma perspectiva da eternidade.

    * 1.5.7. Suporta-Enfrenta as Adversidades: 2 Tim 4:5b ... sofre as aflições... Nenhum ministério de algum valor foi jamais isento de dores! 2 Tim 3:12 ... todos os que piamente querem viver em Cristo Jesus padecerão perseguições. Infalivelmente, adversidades seguem os passos dos fiéis!

    * 1.5.8. Faze a Obra de um Evangelista: 2 Tim 4:5c ... faze a obra dum evangelista... Um foco importante e indispensável dos deveres de um pastor bíblico é pregar o escândalo da cruz! É, no evangelismo pessoal dos descrentes, no dia a dia e em horários reservados para isto, dar o exemplo para toda a igreja, e incentivá-la, e liderá-la.

    * 1.5.9. Cumpre o teu Ministério: 2 Tim 4:5d ... cumpre o teu ministério. Preenche-o totalmente, de todo o coração e poder.

    1.6. SEGURE A FÉ COM MÃO FIRME. Spurgeon: "Nunca escondamos nossa bandeira! ... Nós que tivemos o evangelho passado até nós pelas mãos de mártires, não ousemos brincar com ele como se não tivesse tanto valor; nem toleremos que seja negado por traidores que fingem amá-lo, mas internamente aborrecem cada uma das suas linhas. ... Eu vos imploro-ordeno-incumbo (não apenas pela honra e exemplo dos vossos ancestrais, mas também pelo futuro da vossa posteridade), que vos esforceis para ganhar o elogio do vosso Mestre, e que, embora habiteis aonde está o assento de Satanás, segureis bem firme o nome do vosso Senhor e não negueis a Sua fé."

    2. IGREJA AMIGÁVEL AO USUÁRIO?

    Este Pragmatismo Religioso tem pouco a pouco levado a cultos:

  • não no domingo (para não atrapalhar...), e não no horário da praia ou de outras atividades populares;

    muito recheados de música "bem aceita" (rock, heavy metal, rap, MPB, Bahia-aché, etc.); de atividades sociais beneméritas misturadas com terapia grupal (como no Rotary?); de entretenimento (palmas com balanços e coreografias, ginástica aeróbica e psico-drama por todos, comédias, mágicos, artistas famosos ou amadores, bingos, boliche, etc.); de novidades da moda ou chocantes; etc.;

    sem (ou quase sem) pregação [ao menos a que assim é apropriadamente chamada].

  • O alvo é oferecer aos descrentes (e membros simplórios/carnais) deslumbrante alternativa, atraente à carne, para os shows e grandes eventos sociais do mundo.

    2.1. ELA PISOTEIA O PÚLPITO. O estilo da mensagem é frequentemente psicológico e motivacional, ao invés de bíblico. Gal 1:10 Pois busco eu agora o favor dos homens, ou o favor de Deus? ou procuro agradar aos homens? se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo.

    2.2. NELA, "O FREGUÊS É O SOBERANO, É QUEM MANDA". O príncipio básico de vendas é: "descubra um 'nicho de mercado' não explorado ou sub-explorado, levante exatamente seus desejos existentes, e simplesmente satisfaça-os, ao invés de tentar persuadir as pessoas a comprarem algo que não desejam."

    2.3. ELA VIRA DE CABEÇA PARA BAIXO O ENSINO SOBRE CRESCIMENTO DE IGREJAS. Atos 17:6 ... Estes que têm virado o mundo [!] de cabeça para baixo [!], chegaram também aquí. Hoje, o mundo é que está virando as igrejas de cabeça para baixo... Como uma consequência do que ocorreu com Ananias e Safira, lemos em Atos 5:11 E houve um grande temor em toda a igreja e em todos os que ouviram estas coisas [!].

    2.4. ELA TOLERA PECADO NO ACAMPAMENTO. Paulo, pela verdade, sofreu terríveis aflições externas (2 Cor 11:24-27), mas culmina dizendo-nos sobre sua intensa, suprema aflição, que era interior: 2 Cor 11:28 Além das coisas exteriores, me oprime [!] cada dia o cuidado [isto é, a intensa e sacificial preocupação] de todas as igrejas. Ele incessantemente guerreou contra a entrada e a tolerância-crescimento do pecado de Acã nas igrejas.

    2.5. AONDE ESTÁ A "AMIGABILIDADE-AO-USUÁRIO" LEVANDO A IGREJA? Ao questionamento/atenuamento/desenfatização de doutrinas cardinais, tais como a de total depravação do homem, a de condenação eterna no inferno literal (substituída pela doutrina da imortalidade sendo condicionada à salvação)! etc, etc, etc.

    2.6. QUE ENSINA DEUS SOBRE A IGREJA:

    Ela deve imitar aquela de Atos 4:32-37. Imitar Pedro repreendendo severamente (Atos 5:3,4) (Ecl 5:4,5; Deut 23:21-23) e Deus julgando (Atos 5:5) o fermento da hipocrisia e santidade fingidas dos fariseus (Mat 6:2-5,16. Luc 12:1), infiltrados em Ananias e Safira. Deve lembrar que o julgamento tem que começar pela casa de Deus (1 Ped 4:17; Mat 18:15-17; 1 Cor 11:32; 1 Cor 11:30). 2 Cor 5:11 ... conhecendo o temor que se deve ao Senhor, persuadimos os homens à fé, mas somos manifestos a Deus...; Atos 5:11,13 E houve um grande temor em toda a igreja, e em todos os que ouviram estas coisas.... Quanto aos outros [os descrentes], ninguém ousava ajuntar-se com eles [os crentes]; mas o povo tinha-os em grande estima. Ao invés de engodar as pessoas fazendo-as sentir-se confortáveis e seguras, Deus usou medo para manter longe os descrentes abertos e os descrentes disfarçados!

    A resposta não está numa igreja inamistosa, mas sim numa vibrante, amorosa, honesta, dedicada, comunhão de crentes que ministram um ao outro como em Atos 4, mas que repele o pecado, considera-se cada um responsável pelo/ao outro, e ousadamente proclama toda a verdade das Escrituras. A bênção de Deus estará sobre esta igreja! E Ele sem dúvida acrescentará à Sua igreja, como em Atos 2:47 ... E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar [!] [todos eles, mas somente eles!].

    3. RELIGIÃO-SHOW

    Não negamos que as artimanhas muitíssimo bem montadas usadas no Pragmatismo Religioso parecem funcionar -- elas trazem multidões aos palcos gigantescos, com gelo seco, canhões de laser e sofisticadíssimos efeitos sonoros-visuais, tudo isto com muita música da moda, artistas famosos, e excelentes animadores de auditórios e comunicólogos dominadores de todas as técnicas de manipulação das massas, falando pouco e somente o que agrada ao povo, tudo acompanhado de fabulosas instalações (boliches, cinemas, SPA's, restaurantes, rinks de patinação, campos de esporte, etc. ... ), sempre lançando, no maior estilo da cidade, as últimas e mais sensacionais novidades, etc.

    Mas que contraste com 1 Tes 3:2-6 ...somos ministros de Deus, cooperadores no Evangelho, ordenados para tribulações. 2 Cor 5:20 ...somos embaixadores da parte de Cristo, como se Deus por nós rogasse [!!!]... [não somos adoradores da popularidade e lucros!] 5:11 ...conhecemos o temor que se deve ao Senhor.. 5:14 Porque o amor de Cristo nos constrange [motiva e impulsiona] ... 5:17 [todo o verdadeiro crente] ... nova criatura é: as coisas velhas já passaram; eis que tudo se fez novo. 5:20 [Porisso] ...rogamo-vos da parte de Deus que vos reconcilieis com Deus.

    Se nós nos preocuparmos com a profundidade do nosso ministério, Deus olhará pela sua amplitude. Se nós fervorosa e apaixonadamente ministrarmos para crescimento espiritual, o crescimento numérico será nada menos que aquele que Deus determinar que seja.

    Jeremias pregou 40 anos sem ver nenhuma significativa resposta positiva. Jer 11:19-23 (ameaçado de morte); 12:6 (até pelos familiares e amigos); 20:14-18 (sobremodo amargurado); 37:15-21 (espancado e privado de comida, no calabouço, quase chegando a morrer). A História diz que, exilado, foi apedrejado até a morte pelos seus compatriotas. Que sucesso aos olhos de Deus, mas não do Pragmatismo Religioso de hoje!

  • 1 Cor 2:1-5 ... quando fui ter convosco anunciando o testemunho de Deus, não fui com sublimidade de palavras ou de sabedoria. Porque nada me propus saber entre vós senão a Jesus Cristo, e este crucificado ... A minha palavra e a minha pregação não consistiu em palavras persuasivas de sabedoria humana, mas em demonstração de Espírito e de poder. Para que a vossa fé não se apoiasse em sabedoria dos homens, mas no poder de Deus [!].

    1 Tes 2:3-6 ... a nossa exortação não foi com engano, nem com imundícia, nem com fraudulência; ... assim falamos, não como para agradar aos homens, mas a Deus, que prova os corações. ... nunca usamos de palavras lisonjeiras, nem houve pretexto de avareza; ... E não buscamos glória dos homens, nem de vós, ...

  • É loucura pensar que um ministério pode ser ambos pragmático e bíblico: a preocupação obsessiva do pragmático é "o que parecerá funcionar, dar grandes resultados, medidos por padrões similares ao do mundo?", enquanto o ministro bíblico cuida constante e somente de "o que manda a Bíblia?" As duas filosofias são irreconciliáveis, são mutuamente excludentes, pois se opõem uma à outra no mais fundamental dos níveis.

    O modelo tomado pelos pastores pragmáticos de hoje não é o do profeta nem o do pastor de ovelhas -- é o do mais bem sucedido executivo ou político, ou, pior que tudo, o do mais bem sucedido apresentador de shows (Sílvio Santos, Faustão, Jô Soares, Hebe, Angélica, etc.). Mas isto discarta e choca-se frontalmente com os métodos (tanto de pregação como de ensino) do próprio Jesus, e de todos os homens de Deus, em todas as páginas do Seu Livro!!! 1 Cor 2:1-5 e 1 Tes 2:3-6, acima.

    Os cultos da igreja, depois de serem voltados para agradar a Deus e somente a Ele, devem ser voltados para benefício dos crentes, não dos descrentes: Heb 10:24,25 E consideremo-nos uns aos outros, para nos estimularmos ao amor e às boas obras. Não deixando a nossa congregação, como é costume de alguns, antes admoestando-nos uns aos outros; e tanto mais quanto vedes que se vai aproximando aquele dia.

    Depois de se reunir para adoração e edificação, a igreja se espalha para evangelização do mundo. A função da igreja não é convidar o mundo para vir aos cultos, é ir até ele: Mat 28:19 Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações...

    É o Senhor que adiciona à igreja: Atos 2:47 ... E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar. Metodologias humanas não podem acelerar ou superar e tomar o lugar do processo divino. Qualquer [aparente] crescimento adicional é como o crescimento desordenado de células, resultando em deformidade e câncer!

    A raiz do Pragmatismo Religioso está na má teologogia do Arminianismo, que faz da vontade humana, não do Deus soberano, o fator decisivo na salvação!...Ver nota de rodapé [4], sobre Charles G. Finney.

    4. "TODAS AS COISAS PARA TODOS OS HOMENS" justifica os Religiosos Pragmáticos, como alegam?

  • 1 Cor 9:22,23 Fiz-me como fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para por todos os meios chegar a salvar alguns. Ora, tudo faço por causa do evangelho, para dele tornar-me co-participante.
  • Paulo ensina Pragmatismo Religioso?... Paulo ensina que a igreja deve começar com "insignificantes concessões" (por exemplo: ...)? Paulo ensina que a igreja deve ignorar as aberrações a que isto sempre e infalivelmente tem levado e levará (tais como, por exemplo: ..., "forró cristão" (para atrair os que estão de fora e conservar os que estão do lado de dentro) ..., "campo de nudismo cristão"..., desvios doutrinários, ...)? Paulo ensina que um evangelista deve se tornar homosexual para ganhar os gays???...

  • Não: Gal 1:10 Pois busco eu agora o favor dos homens, ou o favor de Deus? ou procuro agradar aos homens? se estivesse ainda agradando aos homens, não seria servo de Cristo. Gal 5:11 ... se prego ainda a circuncisão, por que sou pois perseguido? logo o escândalo da cruz está aniquilado? Rom 1:16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego. 2 Cor 11:23-28 ... em trabalhos muito mais; em prisões muito mais; em açoites sem medida; em perigo de morte muitas vezes; Dos judeus cinco vezes recebí quarenta açoites menos um. Três vezes fui açoitado com varas, uma vez fui apedrejado, três vezes sofrí naufrágio, uma noite e um dia passei no abismo; ... em fome e sede, ... em frio e nudez. Além das coisas exteriores, me oprime cada dia o cuidado [isto é, a intensa e sacrificial preocupação] de todas as igrejas.
  • O contexto de 1 Cor 9:22,23 deixa evidente seu significado:

  • 1 Cor 9:19-23 Pois, sendo livre de todos, fiz-me escravo de todos para ganhar o maior número possível. Fiz-me como judeu para os judeus, ... . Para os que estão sem lei, como se estivesse sem lei (não estando sem lei para com Deus...), ... Compare com 1 Cor 8:13 Pelo que, se a comida fizer tropeçar a meu irmão, nunca mais comerei carne, para não servir de tropeço a meu irmão.
  • Paulo não disse que estava disposto a sacrificar a mensagem (o conteúdo e o método de apresenação do Evangelho], mas sim a sacrificar a si próprio para pregar a mensagem, pura!

    Equilibremos

  • 1 Cor 10:31,32 [Depois de falar sobre comer, frente a outra pessoa, o que é vendido no mercado duma cidade idólatra:] Portanto, quer comais quer bebais, ou façais qualquer outra coisa, fazei tudo para a glória de Deus. Não vos torneis causa de tropeço nem a judeus, nem a gregos, nem à igreja de Deus. Rom 14:13b [Depois de falar sobre os crentes fracos se escandalizando com comidas, etc.] ... antes seja o vosso propósito não pôr tropeço ou escândalo ao vosso irmão.
  • com

  • 1 Cor 1:23 nós pregamos a Cristo crucificado, que é escândalo para os judeus e loucura para os gregos. Gal 2:1-5 ... nem mesmo Tito, que estava comigo, embora sendo grego, foi constrangido a circuncidar-se. E isto por causa dos falsos irmãos intrusos, os quais furtivamente entraram a espiar nossa liberdade, que temos em Cristo Jesus, para nos escravizar; Aos quais nem ainda por uma hora cedemos em sujeição [!], para que a verdade do evangelho permanecesse entre vós. Gal 2:11-14 Quando, porém, Cefas veio a Antioquia, resisti-lhe na cara, porque era repreensível... .
  • 5. A LOUCURA DE DEUS

  • 1 Cor 3:18,19 Ninguém se engane a si mesmo; se alguém dentre vós se tem por sábio neste mundo, faça-se louco para se tornar sábio. Porque a sabedoria deste mundo é loucura diante de Deus; pois está escrito: "Ele apanha os sábios na sua própria astúcia;"

    1 Cor 1:17 Porque Cristo não me enviou para batizar, mas para pregar o evangelho [!]; não em sabedoria de palavras, para não se tornar vã a cruz de Cristo. 18 Porque a palavra da cruz é deveras loucura [!] para os que perecem; mas para nós que somos salvos, é o poder de Deus. 19 Porque está escrito "Destruirei a sabedoria dos sábios [!], e aniquilarei o entendimento dos entendidos." 20 Onde está o sábio? Onde o escriba? Onde o questionador deste século? Porventura não tornou Deus louca a sabedoria deste mundo? 21 Visto como na sabedoria de Deus o mundo pela sua sabedoria não conheceu a Deus, aprouve a Deus salvar pela loucura da pregação [!] os que crêem. Pois, enquanto os judeus pedem sinal e os gregos buscam sabedoria, 23 Nós pregamos a Cristo crucificado [!], que é escândalo para os judeus, e loucura para os gregos. 24 Mas para os que são chamados, tanto judeus como gregos, Cristo, poder de Deus e sabedoria de Deus. 25 Porque a loucura de Deus é mais sábia que os homens; e a fraqueza de Deus é mais forte que os homens. 26 Ora, vede, irmãos, a vossa vocação, que não são muitos os sábios segundo a carne, nem muitos os poderosos, nem muitos os nobres que são chamados. 27 Pelo contrário, Deus escolheu as coisas loucas do mundo para confundir os sábios [!]; e Deus escolheu as coisas fracas do mundo para confundir as fortes [!]; ... 2:1 E eu, irmãos, quando fui ter convosco, anunciando-vos o testemunho de Deus, não fui com sublimidade de palavras ou de sabedoria. 2:2 Porque nada me propus saber entre vós senão a Jesus Cristo, e este crucificado. ... 2:4 A minha linguagem e a minha pregação não consistiram em palavras persuasivas de sabedoria, mas em demonstração do Espírito e de poder; 2:5 Para que a vossa fé não se apoiasse na sabedoria dos homens, mas no poder de Deus [!].

  • Aqueles que querem substituir pregação por dramas, músicais, e outras variadas "sofisticações e sutilezas", deveriam lembrar que a mensagem e a metodologia que a sabedoria do mundo considera absolutas estupidez e imbecilidade, foram [elas e nenhuma outra!] propositadamente escolhidas e ordenadas por Deus, o Senhor!

    6. O PODER DE DEUS PARA SALVAÇÃO

  • Rom 1:16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.
  • 6.1. Fomos Separados para o Evangelho

  • Rom 1:1 Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para ser apóstolo, separado [!] para o evangelho de Deus.
  • Todo o ministério na igreja inaugural girava em torno do evangelho, só dele, simples e puro...

    Para aumentar a frequência das igrejas locais, nunca foi cogitado nada parecido com os atuais programas: "bom esporte e bom papo", "engajamento político-ecólogico-etc. do crente moderninho", "como perder peso", "uma comédia leve e divertida", "uma peça teatral de boa mensagem", "como melhor gerenciar seu tempo", etc...

    A igreja e todos seus ministros estavam de um mesmo e todo coração dedicados à tarefa única de fortalecer os crentes para que assim eles promovessem o avanço do puro evangelho.

    6.2 Servimos [adoramos] a Deus por pregarmos [o evangelho]:

  • Rom 1:9 ...a quem sirvo em meu espírito, na pregação do evangelho do Seu Filho, ...1 Cor 9:16 Se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, pois sobre mim pesa essa obrigação; porque ai de mim se não pregar o evangelho! Rom 1:15 ... estou ávido para anunciar o evangelho ...
  • 6.3. Somos, individualmente, devedores a todos [!] os perdidos.

  • Rom 1:14 Pois sou devedor tanto a gregos como a bárbaros, tanto a sábios como a ignorantes. Rom 1:16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.
  • Não deveriam haver ministérios para grupos específicos ("Surfistas de Cristo", "Drogado Jovem", "Brincadeiras da Vida", etc.)... Não devemos nos dedicar a eles...

    Bíblicos congregamentos locais de salvos, no poder do Espírito pregando o puro e simples evangelho a todos os perdidos, são o plano do Deus onisciente e todo poderoso, plano que nunca poderá ser melhorado, nem substituído!

    Não devemos imitar o "marketing com alvo", que dita: "seja tão específico quanto possível na seleção de um nicho inexplorado ou subexplorado do mercado, para o qual você fabricará e venderá o produto ideal aos olhos do comprador. Fazendo com que o grande apelo e destaque do seu produto case com os interesses e necessidades sentidas pelo segmento específico da população, você poderá concentrar-se em levar seu produto aos melhores candidatos a compradores, sem desperdiçar recursos com pessoas que aparentemente não têm interesse ou não sentem necessidade do seu produto."

    6.4. DEVEMOS ESTAR ÁVIDOS PARA PREGAR O EVANGELHO

  • Rom 1:15 ... estou pronto-e-ávido [!] para anunciar o evangelho ...
  • 6.5. NÃO DEVEMOS NOS ENVERGONHAR DO EVANGELHO

    Rom 1:16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.

    Desprezo-como-inferior e zombaria aberta, sempre foram poderosíssimas armas usadas por Satanás!

    Dependamos do poder de Deus e tenhamos uma ousada e estável posição aberta e (fiel) por Cristo.

  • * 6.5.1. O Evangelho é o Poder de Deus:

    1 Cor 1:18 ... a palavra da cruz é loucura [!] para os que perecem; mas para nós que somos salvos, é o poder de Deus. 1 Cor 1:23,24 Nós pregamos a Cristo crucificado, que é escândalo para os judeus, e loucura [!] para os gregos. Mas para os que são chamados, tanto judeus como gregos, Cristo, o poder de Deus e sabedoria de Deus. Rom 1:16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.

    * 6.5.2. O Evangelho Revela a Justiça de Deus

    * 6.5.3. O Evangelho Revela a Ira de Deus

  • 6.6. UMA MENSAGEM DIFERENTE PARA UM TEMPO DIFERENTE?

  • Gal 1:6-9 Admira-me que estejais passando tão depressa daquele que vos chamou na graça de Cristo, para outro evangelho; O qual não é outro, senão que há alguns que vos perturbam e querem perverter o evangelho de Cristo. Mas ainda que nós ou mesmo um anjo vindo do céu vos pregue evangelho que vá além do que vos temos pregado, seja anátema. ... 2 Cor 11:3 Mas temo que, assim como a serpente enganou Eva com a sua astúcia, assim também sejam de alguma sorte corrompidos os vossos sentidos, e se apartem da simplicidade que há em Cristo. (Um verso-chave do livro!..)
  • Se a história da igreja nos ensina alguma coisa, é que diferentes tempos e diferentes sociedades não exigem diferentes mensagens! Spurgeon disse: "A idéia de um evangelho progressivo [ou re-atualizado, re-adequado, melhorado] parece haver fascinado muitos. Mas, para nós, essa noção é um tipo de híbrido de non sense e de blasfêmia. Depois do evangelho ter sido efetivo na salvação eterna de multidões incontadas, parece tardia e despropositada a idéia de alterá-lo; e, uma vez que ele é a revelação de um Deus todo-sábio e imutável, parece algo atrevido tentar melhorá-lo. Quando visualizamos na nossa mente os cavalheiros que se propuseram esta presunçosa tarefa, sentimo-nos meio inclinados a rir, pois esse propósito é muitíssimo similar ao das toupeiras visando melhorar a luz do sol... Será que os homens podem real [e absurdamente] crer que há um evangelho para cada século? Ou uma religião para cada cinquenta anos?"

  • 2 Tim 1:14 Guarda o bom depósito [tesouro], mediante o Espírito Santo que habita em nós.
  • 7. PAULO NO MONTE DE MARTE justifica os Religiosos Pragmáticos, como alegam?

    Não!: ele foi polido, mas verdadeiro-fiel, ousado, direto e confrontativo! Ele esforçou-se para estabeler boa comunicação e bom relacionamento com os ouvintes, mas sem fazer a menor concessão quanto ao evangelho (conteúdo da mensagem e método de proclamação)! Pela maioria, ele foi zombado e desprezado:

  • Atos 17:24 O Deus que fez o mundo e tudo [!] o que nele existe, sendo Ele Senhor [!] do céu e da terra, não habita em santuários feitos por mãos humanas [!]. 25 Nem é servido por mãos humanas, como se de alguma cousa precisasse [!]; pois ele mesmo é quem a todos dá vida, respiração, e tudo o mais [!]. ... 29 ... não devemos pensar que a divindade é semelhante ao ouro, à prata, ou à pedra, trabalhados pela arte e imaginação do homem [ídolos][!] 30 ... Ora, não levou Deus em conta os tempos da ignorância: agora, porém, notifica aos homens que em toda parte se arrependam; 31 Porquanto estabeleceu um dia em que há de julgar o mundo com justiça [!] por meio de um varão que destinou e acreditou diante de todos, RESSUSCITANDO-O dentre os mortos [!].
  • Francis Schaeffer, em "O Grande Desastre Evangélico", escreveu: "[A igreja, o crente] acomodar-se ao espírito do mundo ..., é a mais grosseira forma de mundanismo na própria definição da palavra." [!]

    8. A SOBERANIA DE DEUS NA SALVAÇÃO

    8.1 Deus é soberano absoluto!

    ...Ordena tudo, determina tudo, controla tudo...

  • Isa 46:10 ... desde o princípio anuncio o que há de acontecer, e desde a antiguidade as cousas que ainda não sucederam; que digo: "O Meu conselho permanecerá de pé, farei toda a minha vontade"; Sal 115:3 No céu está o nosso Deus; e faz tudo como Lhe agrada. Sal 135:6 Tudo quanto aprouve ao Senhor Ele o fez, nos ceus e na terra, no mar e em todos os abismos. Efe 1:11 ... fomos ... predestinados segundo o propósito dAquele que faz todas as coisas conforme o conselho da Sua vontade. Rom 11:36 ... dE1e e por meio dEle e para Ele são todas as cousas. A Ele, pois, glória eternamente. Amém. 1 Cor 8:6 ... para nós há um só Deus, o Pai, de quem são todas as cousas e para quem existimos; e um só Senhor, Jesus Cristo, pelo qual são toda cousas, e nós também por Ele.
  • Mesmo fé é gracioso dom de Deus a Seus eleitos:

  • Mat 11:27 ... e ninguém conhece o Pai senão o Filho, e aquele a quem o Filho o quiser revelar. Efe 2:8,9 Porque pela graça sois salvos, mediante a fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus; Não [vem] de obras, para que ninguém se glorie. Jonas 2:9 ... Ao Senhor pertence a salvação!
  • A doutrina da eleição por Deus ...

  • Tit 1:1 ...eleitos de Deus ... Efe 1:11 ... fomos ... predestinados segundo o propósito dAquele que faz todas as coisas conforme o conselho da Sua vontade. Efe 1:4,5 ... nos escolheu nEle antes da fundação do mundo [!], ... nos predestinou para Ele, para a adoção de filhos, por meio de Jesus Cristo, segundo o beneplácito de Sua vontade. Rom 8:28-30 Sabemos que todas as cousas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o Seu propósito. Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de Seu Filho, a fim de que Ele seja o primogênito entre muitos irmãos. E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou. 1 Ped 1:1,2 ... Eleitos segundo o preconhecimento de Deus Pai, em santificação do Espírito, para a obediência e a aspersão do sangue de Jesus Cristo ... Rom 9: ...15,16ss ... "Terei misericórdia de quem me aprouver ter misericórdia, e compadecer-me-ei de quem me aprouver ter compaixão." [!] Assim, pois, não depende de quem quer, ou de quem corre, mas de usar Deus a Sua misericórdia [!]. ... João 6:37, 44, 65 Todo aquele que o Pai Me dá, esse virá a Mim; e o que vem a Mim, de modo nenhum o lançarei fora. Ninguém pode vir a Mim se o Pai que Me enviou não o trouxer; ... Ninguém poderá vir a Mim, se pelo Pai não lhe for concedido! João 15:16 Não fostes vós que Me escolhestes a Mim; pelo contrário, Eu vos escolhí a vós outros, e vos designei para que vades e deis frutos ...
  • 8.2. O Erro Teológico Básico do Pragmatismo Religioso é a total ignorância/rejeição de que Deus é absolutamente soberano [!] na salvação dos eleitos...

    8.3. SALVAÇÃO É DO SENHOR

  • Jonas 2:9 ... Ao Senhor [só a Ele, totalmente a Ele] pertence a salvação!
  • Esta é a essência da Bíblia. Diga-me qualquer coisa contrária a esta verdade, e alí estará uma heresia; diga-me uma heresia, e eu acharei sua essência aquí, no ter se afastado desta rocha fundacional, esta suprema verdade: "Deus [só Ele!] é minha rocha e minha salvação."

    ... 8.11 APLICANDO A DOUTRINA DA SOBERANIA DIVINA. Há apenas um método de evangelismo, a saber: a fiel explanação e aplicação da mensagem do evangelho!...

    O teste para qualquer estratégia ou técnica ou estilo propostos para ação evangelística, tem que ser este:

    9. EU EDIFICAREI A MINHA IGREJA

  • Mat 16:18... e sobre esta pedra Eu edificarei a Minha igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela...
  • Note:

  • O alicerce da edificação: "esta pedra". Não Pedro (1 Ped 2:4); mas sim Cristo, "a pedra angular" de Efe 2:20; e todos apóstolos e profetas [seus ensinos] da Bíblia, que são o "alicerce" de Efe 2:20; e os crentes, as "pedras vivas" de 1 Ped 2:5.

    O edificador: "Eu" [Cristo].

    A certeza da edificação: "edificarei".

    O dono, o íntimo daquilo que edificará: "a minha" (de Cristo).

    A natureza do que será edificada: "igreja".

  • Se um ministro e sua igreja desejam ser fieis a Cristo e à Sua Palavra, não existe nenhuma técnica ou sistema que garanta crescimento numérico, garanta a igreja tornar-se grande!!!!!!!!!! Podemos e compete-nos cuidar para que uma Videira seja saudável e frutífera, não engendrar para que seja gigantesca mas falsa Sequóia!

    ...9.6. AS CARACTERÍSTICAS DE UMA IGREJA SAUDÁVEL

    * 9.6.1. Líderes Realmente Piedosos 1 Tim 3:1-7; Tit 1:5-9. Se falharem gravemente, serão disciplinados exemplarmente (transigir nisto é o maior e mais comum ato de suicídio das igrejas atuais!). 1 Tim 5:19,20. Se arrependerem-se e restaurarem o erro, deverão ser restaurados à comunhão 2 Cor 2:5-11 mas não aos ofícios 1 Cor 9:27 (e 1 Tim 3:1-7; Tit 1:5-9).

    * 9.6.2. Alvos [e meios] Realmente Bíblicos.

    * 9.6.3. Discipulamento, Sólido Treinamento de todos os crentes, para a obra do ministério Efe 4:11,12.

    * 9.6.4. Derramamento de Cada Crente para os Perdidos, com todo coração e compaixão, através de evangelismo pessoal e vidas testemunhantes. Sem esta ênfase, qualquer igreja estará condenada à estagnação, declínio, e finalmente à morte. A Igreja da Comunidade da Graça e seu pastor, John MacArthur Jr., são acusados de não evangelísticos, mas quase que semanalmente têm batismos de pessoas que chegaram a um conhecimento salvador de Cristo nos seus contatos pessoais com seus fieis e testemunhantes membros! Nunca almejaram ser grandes, mas a frequência média nos cultos matutinos dos domingos é de 10000 pessoas!

    * 9.6.5. Cuidado um pelo Outro. Heb 10:24,25; Rom 12:10,16; 14:13; 15:5,7,14; Gal 5:13; Efe 4:2,32; 5:21; Fp 2:3; Col 3:9; 3:13; 1 Tes 5:11; Tia 5:16; 1 Ped 1:22; 4:9,10; 5:5.

    * 9.6.6. Prioridade e Compromisso para com as Famílias Efe 5:25,22; 6:1,4.

    * 9.6.7. Ensino e Pregação (conteúdo e métodos) Realmente Bíblicos.

    * 9.6.8. Aceitar Estudar Mudanças (das meras tradições, devidas aos homens, nunca do menor iota ou princípio bíblico, nunca da pureza do evangelho).

    * 9.6.9. Profunda Adoração, em Espírito e verdade.

    10. EPÍLOGO

  • João 17:14-18 ... o mundo os odiou [!], porque eles não são do mundo como também Eu não sou [!]. Não peço que os tires do mundo, e sim que os guardes do mal. Eles não são do mundo como também Eu não sou ... Assim como Tu Me enviaste ao mundo, também Eu os enviei ao mundo.
  • Sigamos a fórmula que Cristo ensinou (e exemplificou): "no mundo, mas não do mundo". Muitos crentes, inverteram a fórmula, tornando-se do mundo enquanto não estão realmente no mundo. Permitiram que os meios de comunicação (TV, filmes, músicas, palestras, revistas, pressão dos colegas, etc.) moldassem valores mundanos nos seus modos de sentir e pensar, enquanto se isolaram de qualquer envolvimento pessoal com as pessoas do mundo, que tão desesperadamente necessitam do verdadeiro evangelho!

    A maioria das mega-igrejas guiadas pelo mercado diriam, quando pressionadas, que elas nunca comprometiriam doutrinas... Mas a verdade é que essas igrejas não dão nenhuma importância prática a quais são suas posições doutrinárias, quais são as doutrinas certas (realmente bíblicas), porque para elas doutrina simplesmente não é uma questão (não merece ser focalizada)! Centenas de "palestras" dos seus pastores não descortinariam suas reais convicções doutrinárias (se é que as tem), e poderiam, sem grandes modificações, ser adotadas por não crente que tivesse que proferir palestra em outros contextos (uma convenção de vendas, do Rotary, de psicólogos, de frades, de maçons, etc.).

    Spurgeon escreveu:

    APÊNDICE 1- SPURGEON E A CONTROVÉRSIA DA "LADEIRA-A-BAIXO".

    Todo cuidado: o deslizamento para baixo usualmente começa lentamente, quase imperceptivelmente...

    Durante o ataque da apostasia, não basta permanecermos fieis à fé (mas quietos, silenciosos, relutantes e acovardados). Temos que valorosamente lutar pela fé que de uma vez para sempre foi entregue aos santos...

    Não cheguemos perto demais do precipício; poderemos escorregar ou cair sobre ele. Conservemo-nos prudentemente onde o terreno é firme; não nos arrisquemos loucamente sobre o gelo fino...

    Sempre existe um primeiro passo em direção ao erro. Se nós pudermos reconhecer aquele passo, poderemos não dá-lo, e assim evitar todos os seus nefastos e dolorosos resultados...

    Onde ministros e igrejas têm se agarrado firmes à verdade de que as Santas Escrituras foram dadas por Deus como a autoritativa, infalível e todo-suficiente regra de fé e prática, eles nunca se desviaram muito seriamente do caminho direito. Mas, por outro lado, quando quaisquer outras coisas ("experiências", sentimentos, métodos, sofisticados raciocínios, sucesso fácil não importam os meios, etc.) têm sido exaltados acima da revelação, todos os piores tipos de erros e danos têm sido o resultado...

    Não devemos sacrificar a manutenção da verdade, que Deus nos confiou, em benefício da manutenção da assim chamada "unidade e prosperidade da denominação" ... 2 Cor 6:17 ... retirai-vos do meio deles, separai-vos, diz o Senhor; não toqueis em cousas impuras; e Eu vos receberei.

    Mesmo que vejamo-nos como pequenos, podemos pelo menos "morrer de pé, combatendo", podemos usar todas as nossas forças erguendo a voz em protesto, e nos livrarmos do pecado da cumplicidade pelo silêncio, omissão, e covardia ...

    Nada há mais inútil do que tentar lidar com o erro exceto pulando para fora dele, rompendo e separando-se dele o mais radicalmente possível...

    Cada crente julgue por si mesmo; mas, da nossa parte, nós já colocamos mais alguns fortes ferrolhos e traves na nossa porta, e demos ordens para conservar sempre as correntes e cadeados bem travados. Porque, sob o disfarce de implorar a amizade de nós, os servos, há aqueles que nos rodeiam com o alvo de gravemente roubar e ferir nosso Senhor... Mat 7:15; Atos 20:29.



    (retorne à PÁGINA ÍNDICE de SolaScripturaTT / SeparacaoEclesiastFundament)