O Extremista

 

J.D. Berean

 

Há tempos que venho discordando, contestando e combatendo uma série de desvios doutrinários/litúrgicos que vem crescendo no meio da igreja local da qual eu fazia parte [pentecostalização, emocionalismo, desordem e irreverência durante os cultos, etc.]. Por diversas vezes levei o meu descontentamento e discordância ao conhecimento dos pastores [os quais amo e sou muito grato], que pouco puderam fazer por causa da tal "DEMOcracia" batista [a qual deveria ser "TEOcracia" com administração congregacional, mas isto já é assunto para um outro artigo]. Como não via nenhuma perspectiva de mudança [e nem vontade] por parte da igreja, resolvi, depois de um longo tempo de oração e aconselhamento com outros pastores amigos meus, pedir o meu desligamento do rol de membros.

A minha saída causou uma certa turbulência entre alguns membros fiéis, dentre eles os meus alunos da classe dominical, que levou o pastor a explicar o porquê da minha ausência no posto de professor da classe de catecúmenos, que agora era assumida por ele. A explicação dada foi direta e objetiva: "ele [eu] não aceita as mudanças e a 'modernização' da igreja; vai muito aos extremos, não tem meio termo; é oito ou oitenta" ou é, ou não é; ou seja, é [sou] um extremista!

Após avaliar bem esta declaração, cheguei a uma conclusão: dentro do contexto apresentado, DEUS também é um extremista.

 

Vejamos alguns exemplos:

a) "Eu sei as tuas obras, que nem és frio nem quente. Tomara que foras frio ou quente! Assim, porque és morno e não és frio nem quente, vomitar-te-ei da minha boca." (Apocalipse 3.15 e 16). Há meio termo aqui? Ou se é quente ou se é frio.

b) "Disse-lhe Jesus: Eu sou o caminho, e a verdade, e a vida. Ninguém vem ao Pai senão por mim." (João 14.6).Só se chega ao Pai através de Jesus, não há outro. Ou é ELE ou nada feito!

c) "Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta, e espaçoso, o caminho que conduz à perdição, e muitos são os que entram por ela; E porque estreita é a porta, e apertado, o caminho que leva à vida, e poucos há que a encontrem." (Mateus 7.13 e 14). Só há duas portas, e uma só escolha entre dois extremos: ou a Vida, ou a perdição!

d) "E disse-lhe um: Senhor, são poucos os que se salvam? E ele lhe respondeu: Porfiai por entrar pela porta estreita, porque eu vos digo que muitos procurarão entrar e não poderão." (Lucas 13.23 e 24). Isto que é ser extremista!

e) "Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado." (Marcos 16.16). Ou crê, ou está no inferno! Ou é oito, ou é oitenta!

f) "Porque, se anuncio o evangelho, não tenho de que me gloriar, pois me é imposta essa obrigação; e ai de mim se não anunciar o evangelho!" (1 Coríntios 9.16). Paulo tinha escolha? Ou vai, ou vai!

g) "Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não, porque o que passa disso é de procedência maligna." (Mateus 5.37). Ou é sim, ou é não. Todo o resto procede do diabo! Não seria muito extremo?!

h) "Se alguém vier a mim e não aborrecer a seu pai, e mãe, e mulher, e filhos, e irmãos, e irmãs, e ainda também a sua própria vida, não pode ser meu discípulo." (Lucas 14.26). Foi muito ao extremo, não acha?

i) "E outra vez vos digo que é mais fácil passar um camelo pelo fundo de uma agulha do que entrar um rico no Reino de Deus." (Mateus 19.24). Ou vai, ou racha!

 



Há dois caminhos e dois destinos, e só temos uma escolha: Céu ou inferno! Isto não é ser extremo? Assim concluo, dentro deste raciocínio e contexto, que DEUS é "O Extremista" e nós, como servos que somos, devemos seguir e imitar o Mestre [Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; (Efésios 5.1)]. Assim sendo, sou extremista sim senhor, pois filho de extremista, extremista é!






J.D. Berean

 

 

 


 

Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).



Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ SeparacaoEclesiastFundament/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )