Conversão sincera ou [soberbo] ativismo religioso?
 
Evangelho do reino ou evangelho de aparências?









“Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, não pode ver o reino de Deus. Jo 3:3”
 
 “Na verdade, na verdade vos digo que, se o grão de trigo, caindo na terra, não morrer, fica ele só; mas se morrer, dá muito fruto. Jo 12:24”

 
 
 
Quais são as causas que levam muitas pessoas a não se converterem?   
 
Poderíamos pensar em  muitos atributos que levaria a muitos a não se  converterem, mas enfocando bem o assunto, podemos dizer sem receios, que a  principal causa é sem sombra de duvidas é a soberba. Porque a soberba?  Analisemos o que é a soberba do ponto de vista analítico e Bíblico. Soberba:  Orgulho excessivo; arrogância; altivez; presunção de ser mais e saber mais  de que outros...  Dicionário da Língua Portuguesa do Ministério da Educação  e Cultura.
 
Do ponto de vista bíblico analisemos o que levou a queda de lúcifer e a queda do homem.
 
Em Isaias 14.13 vemos a soberba nascendo no coração de Lúcifer. Lúcifer  almejando ser como Deus, Soberano, Independente, ou seja a criatura querendo  ser independente do Criador, seguindo a sua própria vontade. Em Gênesis 3  4-5 vemos a tentação tocar o coração de Eva, “sereis como Deus” Eva tomou do  fruto e deu também a seu marido, e ele comeu. Ai vê-se a soberba, o desejo  ardente de ser independente; a criatura se vira contra aquele que o criou.
 
  A soberba se dá por muitas características: altivez, desejo autoritário de  reinar e ser destacado entre todos; desejo de comandar seus próprios  caminhos, impulsos e sentimentos sem levar em consideração Deus e os outros.  Da soberba vem o adjetivo - orgulho, e o que é orgulho? Orgulho é o fruto de  um coração doentio, que faz um conceito muito elevado de si mesmo, amor  próprio, desejo ardente de sentir-se superior aos outros. O orgulho é a  ambição de viver em busca de prestigio por motivos egoístas. Sentimento de  divindade pessoal.
 
Estudando a Palavra de Deus vemos muitas coisas que o Senhor abomina, mas em  relação à soberba podemos dizer sem receios que a soberba é a causa  principal da não-conversão, pois a Palavra de Deus diz em Tiago 4.6  “Antes,  ele dá maior graça. Portanto diz: Deus resiste aos soberbos, mas dá graça  aos humildes.”  Vemos que Deus da graças ao humilde, mas resiste ao soberbo.  Pensemos na Graça, o que é a Graça de Deus? A Graça é o que liberta o  pecador, dando-lhe a vida eterna, a Graça de Deus liberta do engano, das  trevas, da ignorância 2Pe 3:18 – Pela Garça somos justificados Tt 3:7  –  Pela Graça de Deus somos salvos Tt 2:11 - Hb 4:16, pois a Graça é impagável,  levando em conta somente o amor de Deus. O homem sem a Graça de Deus esta  eternamente perdido Hb 10:29 – A Graça de Deus vem pela misericórdia de Deus   sendo levado aos homens pelas Boas Novas do Evangelho. A Graça é também o  que transforma o homem.
 
Jesus disse: Ide e pregai o evangelho a toda criatura, Marcos 16.15  Mas  como pode o soberbo ouvir as boas novas, sendo que seu orgulho lhe sega o  entendimento? 
 
Neste caso podemos dizer sem duvidas, todo homem é egoisticamente soberbo,  então como penetrar a Palavra no coração do homem? Romanos 3 10-12. Neste  caso faz se necessário à providência de Deus, pois como poderia o homem que  não busca a Deus, achar a Deus? Deus usa de vários meios, vários chamarizes  para trazer o homem, e um destes meios é a dor, o infortúnio e a miséria,  Deus muitas vezes permite que o homem chegue ao fundo do poço Salmo 51 .
 
Mas infelizmente notamos que nem todos que são chamados se voltam para Deus,  muitos ao invez de se voltarem para Ele se revoltam mais ainda quando estão  passando pela adversidade. Muitos por causa da soberba se fecham no seu  próprio mundo não dando conta que foi o amor de Deus que permiti tudo aquilo  para chamar atenção e quebrantar o soberbo coração do homem. Como poderia um  filho agindo errado o pai tratá-lo com elogios e afetos e não o  repreendendo? Somente estaria consentido em seu erro! Mas Deus em seu amor  repreende a quem ama. 
 
 O soberbo nega a verdade... O soberbo busca a elevação do próprio ser; no  entanto, em casos, nega a própria verdade quando esta se opõem a sua razão,  pelo motivo de não se rebaixar se a nada. O arrogante pode ser hipócrita,  por tentar simular virtudes que não possui realmente.
 
 O soberbo segue ao mundo porque o mundo satisfaz suas vontades:
 
 Os soberbos por não terem a Graça de Deus, não podem amar, perdoar ,  compreender e viver em união: O soberbo por ser auto-suficientes não  necessita de amar, perdoar e viverem em união.
  
O soberbo aceita a Palavra de Deus somente no que lhe agrada:
  
Os soberbos são pessoas infelizes:  Jô 36.11
  
Os soberbos são cegos:
 
Ob 1:3  A soberba do teu coração te enganou, como o que habita nas fendas  das rochas, na sua alta morada, que diz no seu coração: Quem me derrubará em  terra?
  
Os soberbos são meros religiosos: Os soberbos vão a igreja mas não ouvem a Palavra por considerarem que já sabem tudo.
 
 O soberbo é egoísta vive pra si mesmo:
  
O soberbo não se sujeita as autoridades:
 
 A graça de Deus transforma, mas a soberba priva da graça:
 
 O soberbo será entregue a sua própria vontade: Romanos 1.18-32
 
 Os soberbos padecerão eterna destruição:
 
Is 2:12  Pela Palavra de Deus vemos os que buscaram e escolheram seguir a sua própria vontade se destruíram.
 
 
 
“A pessoa que nasceu de novo é aquela que reconheceu em Jesus o amor de Deus  e humildemente aceitou o perdão por meio do sacrifício de Cristo, porque  reconheceu em si mesma a impotência diante do pecado.É aquela que morreu  para sua vontade, para o seu orgulho. Esta é uma nova criatura, que vive no  amor de Deus, obediente a Palavra e compromissada com a verdade.” 
 
 
 
 
 
2 Pedro 3.9-10 / 1João 1.5-7
 
 
 
Diac. Jair Vieira.
 



Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ Sermoes/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )