Os Propósitos da Dor


Tirado de uma mensagem em vídeo (Purpose Of Pain) pregada pelo
Pr. Adrian Rogers

 

"Por isso convinha que em tudo fosse semelhante aos irmãos, para ser misericordioso e fiel sumo sacerdote naquilo que é de Deus, para expiar os pecados do povo.    Porque naquilo que ele mesmo, sendo tentado, padeceu, pode socorrer aos que são tentados." Hebreus 2:17-18

Todos experimentamos dor, e até sofrimento, em algum momento em nossas vidas. Embora a nossa reação natural à dor seja evitá-la, se livrar dela ou procurar anestesiá-la; precisamos perceber que Deus permite a dor. De fato, nosso sofrimento é um sinal do amor de Deus. Deixe-me explicar.

Depois que Adão e Eva pecaram, após a infecção e a doença do pecado virem a este mundo, Deus disse-lhes: "maldita [é] a terra por causa de ti; ..." (Gênesis 3:17). Ele não disse, "para tua punição", mas, "por causa de ti, para teu bem-estar". A pior coisa que poderia ter acontecido a eles teria sido se eles tivessem vivido no paraíso com uma natureza pecaminosa e serem imunes à dor, porque a dor é o sinal de que algo está errado e precisa ser consertado.



I. Dor Protege.

Dr. Paul Brand, um grande missionário médico, trabalhou com leprosos e viu o sofrimento por que passavam. Um dos problemas com a lepra é que o leproso não pode mais sentir dor nas partes leprosas de seu corpo, e o Dr. Brand explicou como isto é uma tragédia. Ele disse: "Se eu tivesse o poder de eliminar a dor humana, eu não iria exercer esse direito. O valor da dor é enorme.".

Existe uma finalidade protetora da dor. Dr. Brand disse que quando uma pessoa saudável tem uma perna ferida, ele desenvolve um modo de andar que faz com que ele não coloque [todo] seu peso sobre ela. Um leproso às vezes desgasta- destrói uma parte ferida de seu corpo porque ele não sente dor. Ele pode [sem notar] deixar um cigarro ir queimando sua pele até destruí-la, e nunca sentir isso. Ele não tem a dor para protegê-lo. Você vê, a dor é um sinal do amor de Deus. Agradeça a Deus pela dor. Ela nos diz que algo está errado e nos protege de danos.



II. Dor Unifica

Há também um propósito unificador da dor. O sofrimento unifica o corpo. Dr. Brand disse: "Eu posso dizer a saúde de um corpo humano por sua reação à dor. Se o corpo não reagir à dor, eu sei que algo está terrivelmente errado.".

Você já atingiu seu polegar com um martelo? A primeira coisa que você faz é agarrá-lo com a [outra] mão. Então, você o enfia na sua boca. Finalmente, você faz uma pequena dança [de dor]. Eu não sei o que seus joelhos têm a ver com o seu polegar, mas você tem que fazer aquela dança. Quando um membro sofre, cada membro sofre com ele.

O que isso diz sobre a igreja? É a dor que nos unifica como uma igreja. A Bíblia diz quando um membro sofre, cada membro sofre com ele (1 Coríntios 12:26). Nós somos ajuntados pelo sofrimento. Dr. Brand disse: "Você pode dizer algo sobre a saúde de uma igreja, pelo fato de [o seu povo] responder aos [que estão] feridos, indefesos, sem-teto, quebrantados, machucados, maltratados, sangrando e empobrecidos. O corpo é um corpo saudável quando responde à dor.




III. Dor [nos] Corrige

Finalmente, há uma finalidade corretiva da dor. Ela nos diz que algo está errado. Se não sentíssemos dor, não saberíamos que estávamos doentes e não buscaríamos uma solução [da raiz da dor].

Vivemos na geração, hoje, que sente dor, mas ao invés de tentar resolver a dor [na sua causa], procuramos um sedativo. Essa é a razão pela qual muitos estão nas drogas. É por isso que algumas pessoas olham para o álcool ou se envolvem em um caso de adultério. Outros vêem televisão e vivem em um mundo de faz de conta porque a televisão pode ser o maior sedativo de todos. Mas, por mais que tentemos evitá-la, precisamos da dor para nos dizer que existe uma infecção, uma doença. Isto deve ser tratado.

Você está sofrendo? Há dor? Você tem um coração partido? Esta passagem em Hebreus [2:17-18] nos lembra que Jesus também sofreu e, portanto, entende nossas dores. Ele esteve lá e sentiu nossa dor. Ele veio à Terra e se tornou um homem para ser um sumo sacerdote fiel, para que Ele possa compreender e ter compaixão. Ao invés de tentar fugir de nossa dor com sedativos, precisamos recorrer ao nosso compassivo Salvador para suportar nossa dor e sofrimento.




Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em http://BibliaLTT.org, com ou sem notas.



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ Sermoes/
retorne a http://solascriptura-tt.org/ )