Conversão é arrependimento + fé. Arrependimento, originado em Deus (que usa meios), é indispensável para salvação, é mudança no intelecto, emoções e volição (vontade) do pecador, se expressa na confissão e abandono do pecado.

Quinze das FACETAS DA GRAÇA DE DEUS, CONCEDIDAS NO INSTANTE DA SALVAÇÃO

(Quanto às imersão [batismo], selo, penhor, habitação, e outras obras do Espírito Santo no instante da salvação, ver "Pneumatologia")

Pelas próximas páginas, meditemos em 15 (18, com suas subdivisões) palavras-chave concernentes à salvação. Elas se referem às maravilhosas facetas da graça de Deus que são concedidas (todas elas, sem faltar nenhuma) em conjunto e em um só instante, o da salvação:

01. conversão (= arrependimento + )
02. substituição (a morte vicária de Cristo)
03. reconciliação
04. propiciação (e expiação) (a morte expiatória e propiciatória de Cristo)
05. remissão (perdão)
06. redenção (resgate, libertação)
07. regeneração (novo nascimento, nova criatura)
08. imputação (da justiça de Cristo)
09. união
10. adoção (como filho de Deus)
11. oração
12. justificação
13. santificação
14. glorificação
15. preservação


Examinemos cada uma dessas palavras-chave: 

Na salvação, todos esses maravilhosos aspectos da graça de Deus são concedidos de forma irreversível, infalível, incapaz de ser perdida. Mas:
   - alguns são atos (i.é instantâneos) finais, definitivos e já completos (impossíveis de adição), completados no instante da salvação: conversão [= arrependimento + ], substituição, reconciliação, expiação e propiciação, remissão, redenção, regeneração, imputação, união, adoção judicial, acesso e comunhão pela oração, justificação, santificação judicial, glorificação judicial, e preservação judicial;
   - outros são processos (i.é progressivos) somente decretados e iniciados na salvação, e que se desenvolverão durante toda nossa vida, alcançando completude e perfeição somente quando nos reunirmos ao Cristo: santificação progressiva - experimental e preservação progressiva - experimental. Então e eternamente, receberemos a santificação completada e a preservação completada;
   - outros são atos que infalivelmente serão efetivados, mas somente quando recebermos nosso corpo glorificado: adoção completada e glorificação completada.

08. CONVERSÃO (= arrependimento + fé)

As Escrituras nunca pedem ao homem para efetuar sua própria substituição, expiação, propiciação, remissão, redenção, regeneração, imputação da justiça de Cristo, união com Cristo, adoção, justificação, glorificação, e preservação (somente Deus pode conceder-lhe estes dons).
Mas, ao chamar o homem (alguns irresistivelmente, outros resistivelmente, como veremos em "chamamento"), Deus (toda a glória seja a Ele, nenhuma ao homem!) usa meios (ver "Fontes e meios levando ao arrependimento", abaixo) para capacitar o homem (morto em pecados) a ouvir e a responder (no chamado resistível a capacitação é temporária), a  arrepender-se, a voltar-se para Deus. Por isso as Escrituras  amorosa e insistentemente convidam e convocam, gravemente exigem e ordenam o homem a converter-se (Eze 33:9-11; Joe 2:12-13; Mat 18:3; Ato 3:19;  ler depois: Pro 1:23; Isa 31:6; 59:20; Eze 14:6; 18:32; Heb 6:1; Tia 5:20), a reconciliar-se com Deus e orar a Ele.

Conversão se refere a uma dupla mudança de direção: o convertido o é DE algum rumo e destino PARA outro. O primeiro aspecto (mudança DE ...) está associado ao arrependimento, e o segundo (mudança PARA ...) à .

A seqüência lógica (não temporal, pois são simultâneos) é
   arrependimento & fé IMPLICAM justificação e todas as outras 12 das 15 facetas da graça de Deus, e que, por sua vez IMPLICAM vida eterna,
e não a seqüência reversa (ler depois: Rom 5:1,9; Rom 5:17-18).

Não existe verdadeiro arrependimento sem verdadeira fé (não se pode verdadeiramente odiar e voltar as costas ao pecado, sem ao mesmo tempo verdadeiramente amar e se voltar para Deus).
Reversamente, não existe verdadeira fé sem verdadeiro arrependimento (não se pode verdadeiramente amar e se voltar para Deus, sem ao mesmo tempo verdadeiramente odiar e voltar as costas ao pecado). Arrependimento e fé estão indissociavelmente ligados! Não há um sem o outro!

Vamos aos dois componentes da conversão: arrependimento e fé:

   9 Mas, se advertires o ímpio do seu caminho, para que dele se converta, e ele não se converter do seu caminho, ele morrerá na sua iniqüidade; mas tu livraste a tua alma. ... 11 Dize-lhes: Vivo eu, diz o Senhor DEUS, que não tenho prazer na morte do ímpio, mas em que o ímpio se converta do seu caminho, e viva. Convertei-vos, convertei-vos dos vossos maus caminhos; pois, por que razão morrereis, ó casa de Israel? (Ezequiel 33:9-11)

   12 ¶ Ainda assim, agora mesmo diz o SENHOR: Convertei-vos a mim de todo o vosso coração; e isso com jejuns, e com choro, e com pranto. 13 E rasgai o vosso coração, e não as vossas vestes, e convertei-vos ao SENHOR vosso Deus; porque ele é misericordioso, e compassivo, e tardio em irar-se, e grande em benignidade, e se arrepende do mal. (Joel 2:12-13)

   E disse: Em verdade vos digo que, se não vos converterdes e não vos fizerdes como meninos, de modo algum entrareis no reino dos céus. (Mateus 18:3)
[Nota de Hélio: a parábola se refere especificamente ao "reino dos céus", portanto não tem necessariamente que afetar a imperdibilidade da salvação na presente dispensação da igreja.Ver nota sobre Reino de Deus e sobre Reino dos Céus, em "Assuntos Específicos"]


   Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, (Atos 3:19)

    1 Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo;  9 Logo muito mais agora, tendo sido justificados pelo seu sangue, seremos por ele salvos da ira. (Romanos 5:1,9)

08.1 Arrependimento

a. Arrependimento não é:

   (1) não é auto-reforma (a mera e inútil tentativa de, pelo próprio poder e esforço, se virar uma nova página na vida).
   (2) não é mero remorso (o ato de meramente se lamentar o fruto, as conseqüências do crime que se cometeu, mas não sua raiz, o crime em si mesmo). Dois exemplos bíblicos de remorso sem real arrependimento: Esaú (Heb 12:17) e Judas Iscariotes Mat 27:3.
   (3) não é penitência (a tentativa de se compensar os pecados através das boas obras e até do sofrimento de auto punição).

   "Remorso é [mera] tristeza em vista das conseqüências do pecado, mas arrependimento repudia e condena o pecado que produziu tais conseqüências. Nos olhos do arrependido estão lágrimas; nos seus lábios está confissão; na sua mente está o mesmo pensar de Deus (a respeito do pecado); seu coração é possuído por contrição; suas mãos se apossam de Cristo; seu caminho é o de afastamento do pecado;  sua atitude é de humildade [consciência da sua fraqueza]." (citado por Bancroft, sem ficar claro qual o autor).

   Esaú: "Porque bem sabeis que, querendo ele ainda depois herdar a bênção, foi rejeitado, porque não achou lugar de arrependimento, ainda que com lágrimas o buscou." Heb 12:17. 
(Para entender melhor o background disto, leia Gen 27)

   Judas: "Então Judas, o que o traíra, vendo que Jesus fora condenado, trouxe, arrependido, as trinta moedas de prata aos príncipes dos sacerdotes e aos anciãos," Mateus 27:3.
Isto não foi real arrependimento [como estamos definindo, teologicamente], foi somente remorso, e a prova disto está em Mat 27:5 "E ele, atirando para o templo as moedas de prata, retirou-se e foi-se enforcar." Judas não quis se arrepender do seu pecado, nem humilhar-se e confessá-lo a Cristo, nem procurar ou pedir ou aceitar Seu perdão. Contraste com Pedro, que negara a Cristo.

b. Arrependimento é:

uma mudança sincera e real, tremenda, operada por Deus (não por desejo, iniciativa ou pressão humana) em 3 áreas conjuntas:

(1) Intelectualmente: tremenda - sobrenatural - real mudança no pensamento (Mat 21:29; ler depois: Luc 15:18; 18:13; Ato 2:36-40) e no ponto de vista do pecador em relação:

   - a si mesmo: passa a reconhecer-se abominável, perdido, sem desculpa, o pior e mais desgraçado e condenado pecador, e (o que é pior) sem nenhuma defesa e sem nenhum poder contra sua natureza pecaminosa. Este reconhecimento é o "conhecimento do pecado", de Rom 3:20; ler depois: Rom 1:32; Jó 42:5-6; Sal 51:3; Luc 15:17-18;

   - ao seu pecadO: este passa a ser reconhecido como culpa indesculpavelmente terrível e pessoal (ler depois: Sal 51:1-10);

   - à revelação divina que já tenha recebido (seja a revelação incompleta [interna] através da sua consciência, seja a revelação incompleta [externa] através da observação da criação, seja a revelação completa, através da Palavra de Deus): passa a crer, aceitar e obedecer a toda a revelação, de todo coração;

   - a Deus: passa a ser reconhecido como o Santíssimo que exige perfeição e que infalivelmente executa justiça;

   - ao Senhor Jesus Cristo: passa a ser crido e obedecido como o Messias e o Salvador (ler depois: Ato 2:14-40), o Deus, o Senhor (total dono e controlador).

   Ele, porém, respondendo, disse: Não quero. Mas depois, arrependendo-se, foi. (Mateus 21:29)

   ... pela lei vem o conhecimento do pecado. (Romanos 3:20)

   ¶ <<Salmo de Davi para o músico-mor, quando o profeta Natã veio a ele, depois dele ter possuído a Bate-Seba>> 
1 Tem misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das tuas misericórdias. 2 Lava-me completamente da minha iniqüidade, e purifica-me do meu pecado. 3 Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim. 4 Contra ti, contra ti somente pequei, e fiz o que é mal à tua vista, para que sejas justificado quando falares, e puro quando julgares. 5 Eis que em iniqüidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe. 6 Eis que amas a verdade no íntimo, e no oculto me fazes conhecer a sabedoria. 7 ¶ Purifica-me com hissope, e ficarei puro; lava-me, e ficarei mais branco do que a neve. 8 Faze-me ouvir júbilo e alegria, para que gozem os ossos que tu quebraste. 9 Esconde a tua face dos meus pecados, e apaga todas as minhas iniqüidades. 10 Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto. (Salmos 51:1-10)

2) Emocionalmente (ler depois: Mat 21:32; 27:3): tremenda - sobrenatural - real mudança no coração, em real e profundo entristecer-se (2Co 7:9-10; Sal 38:18) pelo seu pecadO, passando a odiá-lo (Sal 97:10) e passando a anelar por perdão e libertação de si mesmo (ler depois: Sal 51:1), passando a amar a revelação divina que já tenha recebido, e ao Senhor Jesus Cristo Mat 11:20-21.

   Agora folgo ... porque fostes contristados para arrependimento; pois fostes contristados segundo Deus; ... (2 Coríntios 7:9-10)
   Porque eu declararei a minha iniqüidade; afligir-me-ei por causa do meu pecado. (Salmos 38:18)
   Vós, que amais ao SENHOR, odiai o mal. ... (Salmos 97:10)
   20 Então começou ele a lançar em rosto às cidades onde se operou a maior parte dos seus prodígios o não se haverem arrependido, dizendo: 21 Ai de ti, Corazim! ai de ti, Betsaida! porque, se em Tiro e em Sidom fossem feitos os prodígios que em vós se fizeram, há muito que se teriam arrependido, com saco e com cinza. (Mateus 11:20-21)

3) Volitivamente: tremenda - sobrenatural - real mudança na vontade e no propósito, firmemente deliberando tomar direção oposta ao seu pecadO, e submeter-se e obedecer à revelação de Deus a qual já tenha recebido e vier a receber, e ao Senhor Jesus Cristo Luc 15:18-20; ler depois: Mat 21:29-30; 1Te 1:9; Ato 2:38; Rom 2:4.

Deve-se perceber que, aqui, dissemos pecadO (a natureza pecaminosa do homem) e não meramente alguns / muitos / todos os pecadoS (os incontáveis terríveis frutos daquela natureza). O verdadeiro arrependimento envolve o profundo e sobrenatural ódio e desejo e decisão de abandonar total e definitivamente a natureza pecaminosa,
em particular sua rebelião e insubmissão à revelação divina que já tinha recebido (seja a revelação incompleta, através da sua consciência (seu interior) e da observação da criação (seu exterior), seja a revelação completa, através da Palavra de Deus), rebelião e insubmissão a Jesus Cristo (como Deus, Salvador e Senhor). Veja o que é  esta convicção de rebelião, e veja quem a traz: "7... o Consolador ... 8 E, quando ele vier, convencerá o mundo do pecado, e da justiça e do juízo. 9 Do pecado, porque não crêem em mim; 10 Da justiça, porque vou para meu Pai, e não me vereis mais; 11 E do juízo, porque já o príncipe deste mundo está julgado." João 16:7-11.

   18 Levantar-me-ei, e irei ter com meu pai, e dir-lhe-ei: Pai, pequei contra o céu e perante ti; 19 Já não sou digno de ser chamado teu filho; faze-me como um dos teus jornaleiros. 20 E, levantando-se, foi para seu pai; ... (Lucas 15:18-20)
   Ele, porém, respondendo, disse: Não quero. Mas depois, arrependendo-se, foi. (Mateus 21:29)
   Porque eles mesmos anunciam de nós qual a entrada que tivemos para convosco, e como dos ídolos vos convertestes a Deus, para servir o Deus vivo e verdadeiro, (1 Tessalonicenses. 1:9)

c. Imprescindibilidade do Arrependimento:

não é reconhecida como o deveria ser: muitos convidam - pressionam o perdido a receber Cristo e a crer, sem jamais mencionarem arrependimento e lhe mostrarem quão repugnante é seu pecado, quanto ofende a Deus, quanto ele é perdido e necessita um Salvador, quão desesperadamente necessita se arrepender.


Mas, na Palavra de Deus, arrependimento foi exigido:

- Através do ministério dos profetas do VT; ler depois: Deu 30:10; 2Re 17:13; Jer 8:6; Eze 14:6; 18:30. Arrependimento é indispensável em todas as dispensações e para todos os homens de todas as nações; ler depois: Ato 17:30.

   E o SENHOR advertiu a Israel e a Judá, pelo ministério de todos os profetas e de todos os videntes, dizendo: Convertei-vos de vossos maus caminhos, e guardai os meus mandamentos e os meus estatutos, conforme toda a lei que ordenei a vossos pais e que eu vos enviei pelo ministério de meus servos, os profetas. (2 Reis 17:13)
   Portanto dize à casa de Israel: Assim diz o Senhor DEUS: Convertei-vos, e tornai-vos dos vossos ídolos; e desviai os vossos rostos de todas as vossas abominações; (Ezequiel 14:6)
   Portanto, eu vos julgarei, cada um conforme os seus caminhos, ó casa de Israel, diz o Senhor DEUS. Tornai-vos, e convertei-vos de todas as vossas transgressões, e a iniqüidade não vos servirá de tropeço. (Ezequiel 18:30)
   Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, e em todo o lugar, que se arrependam; (Atos 17:30)

- Através do ministério de João Batista: Mat 3:2, 8; ler depois: Mar 1:15.

   2 ... Arrependei-vos, porque é chegado o reino dos céus. ... 8 Produzi, pois, frutos dignos de arrependimento; (Mateus 3:2, 8)
[Ver nota sobre Reino de Deus e sobre Reino dos Céus, em "Assuntos Específicos"]

- Através do ministério de Jesus: Mat 9:13; Luc 13:3-5,7; 24:47 (comissão após Sua ressurreição); ler depois: Mat 4:17.

   ...  eu não vim a chamar os justos, mas os pecadores, ao arrependimento. (Mateus 9:13)
   ... se não vos arrependerdes, todos de igual modo perecereis. (Lucas 13:5)
   ... haverá alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento. (Lucas 15:7)
   E em seu nome se pregasse o arrependimento e a remissão dos pecados, em todas as nações, começando por Jerusalém. (Lucas 24:47)

- Através do ministério dos doze: Mar 6:12.

   E, saindo eles, os doze, pregavam que se arrependessem. (Marcos 6:12)

- Através do ministério de Pedro: Ato 2:38; 3:19.

   E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; (Atos 2:38)
   Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, (Atos 3:19)

- Através do ministério de Paulo: Ato 26:20; 17:30; ler depois: Ato 20:21; Rom 3:25.

   Antes anunciei primeiramente aos que estão em Damasco e em Jerusalém, e por toda a terra da Judéia, e aos gentios, que se emendassem e se convertessem a Deus, fazendo obras dignas de arrependimento. (Atos 26:20)
   Mas Deus, não tendo em conta os tempos da ignorância, anuncia agora a todos os homens, e em todo o lugar, que se arrependam; (Atos 17:30)

- No desejo de Deus para com todos os homens (em todas as dispensações e contextos): 2Pe 3:9; ler depois: Ato 17:30, acima.

   O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se. (2 Pedro 3:9)

Arrependimento é o início do início, é o fundamental do fundamental; ler depois: Mat 21:32; Heb 6:1. Não há salvação sem arrependimento! (Reler Luc 13:2-5). Não há pregação do Evangelho escondendo a indispensabilidade de arrependimento!

   Porque João veio a vós no caminho da justiça, e não o crestes, mas os publicanos e as meretrizes o creram; vós, porém, vendo isto, nem depois vos arrependestes para o crer. (Mateus 21:32)
   Por isso, deixando os rudimentos da doutrina de Cristo, prossigamos até à perfeição, não lançando de novo o fundamento do arrependimento de obras mortas e de fé em Deus, (Hebreus 6:1)

d. Arrependimento real sempre se expressa:

(1) Na confissão do pecado
- Confissão a DEUS (em última análise, todo pecado é contra Deus!) Sal 32:3-5; ler depois: Sal 38:18; 51:3-4; Luc 15:21; 18:13; 1Jo 1:9.

- Confissão ao PRÓXIMO Tia 5:16; ler depois: Mat 5:23-24; Luc 19:8-9. (A confissão ao próximo deve ser exatamente tão pública quanto a ofensa, nem mais nem menos. E, se houver a menor sombra de possibilidade, deve ser feita restauração [Zaqueu, em Luc 19:8].) 

(2) Na firme aspiração- com- decisão de abandono do pecado Pro 28:13; ler depois: Isa 55:7; Mat 3:8,10; 1Ts 1:9; Ato 26:18. (Não temos que alcançar a perfeita impecabilidade, que é inalcançável nesta vida, mas devemos odiar o pecado e de toda mente+ coração + decisão aspirar abandoná-lo e vencê-lo, aspirar servir a Deus e não ao pecado.)

   3 Quando eu guardei silêncio, envelheceram os meus ossos pelo meu bramido em todo o dia. ... 5 Confessei-te o meu pecado, e a minha maldade não encobri. Dizia eu: Confessarei ao SENHOR as minhas transgressões; ... (Salmos 32:3-5)
   3 Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim. 4 Contra ti, contra ti somente pequei, e fiz o que é mal à tua vista, para que sejas justificado quando falares, e puro quando julgares. (Salmos 51:3-4)
   Confessai as vossas culpas uns aos outros, e orai uns pelos outros, para que sareis. ... (Tiago 5:16)
   23 Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti, 24 Deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem e apresenta a tua oferta. (Mateus 5:23-24)
   O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia. (Provérbios 28:13)

e. Fonte e meios levando ao arrependimento:

(1) Visto pelo lado divino, arrependimento é outorgado só e totalmente por Deus: Ato 11:18; ler depois: 2Tm 2:24-25; Ato 5:30-31; 3:26; 11:18

   ... Na verdade até aos gentios deu Deus o arrependimento para a vida. (Atos 11:18)
   E ao servo do Senhor não convém contender, mas sim, ser manso para com todos, apto para ensinar, sofredor; Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade, (2 Timóteo 2:24-25)
   ... para dar a Israel o arrependimento e a remissão dos pecados. (Atos 5:30-31)

(2) Visto pelo lado humano, arrependimento é realizado através de meios:

   - O ministério da Palavra (Ato 2:37,38,41; ler depois: Luc 16:30-31; 2Tm 2:24-25 [acima]; Ato 26:19-20; Gál 6:1; 1Te 1:5-6,9-10), particularmente a pregação do evangelho (ler depois: Mat 12:41; Luc 24:47; 2Tm 2:25).

   37 ... Que faremos, homens irmãos? 38 E disse-lhes Pedro: Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; ... De sorte que foram batizados os que de bom grado receberam a sua palavra; ... (Atos 2:37-38, 41)
   ... 31... Se não ouvem a Moisés e aos profetas, tampouco acreditarão, ainda que algum dos mortos ressuscite. (Lucas 16:30-31)
   Os ninivitas ressurgirão no juízo com esta geração, e a condenarão, porque se arrependeram com a pregação de Jonas. E eis que está aqui quem é mais do que Jonas. (Mateus 12:41)
   E em seu nome se pregasse o arrependimento e a remissão dos pecados, em todas as nações, começando por Jerusalém. (Lucas 24:47)

   - Reconhecimento da benignidade de Deus para com suas criaturas. Rom 2:4; ler depois: 2Pe 3:9; Luc 6:35; Efé 4:32; 1Pe 2:3.

  ... a benignidade de Deus te leva ao arrependimento (Romanos 2:4)
   O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns a têm por tardia; mas é longânimo para conosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se. (2 Pedro 3:9)

   - Repreensão e castigo por Deus Ato 3:19; ler depois: Heb 12:6,10-11; Apo 3:19.

   Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, (Atos 3:19)

   - Tristeza segundo Deus 2Co 7:8-11.

   .... 9 Agora folgo, não porque fostes contristados, mas porque fostes contristados para arrependimento; pois fostes contristados segundo Deus; de maneira que por nós não padecestes dano em coisa alguma. 10 Porque a tristeza segundo Deus opera arrependimento para a salvação, da qual ninguém se arrepende; ... (2 Coríntios 7:8-11)

   - Percepção da santidade de Deus Jó 42:5-6.

   5 Com o ouvir dos meus ouvidos ouvi, mas agora te vêem os meus olhos. 6 Por isso me abomino e me arrependo no pó e na cinza. (Jó 42:5-6)



Mas milagres (ler depois: Mat 11:20-21), mesmo de ressurreições (ler depois: Luc 16:30-31), são insuficientes para produzir arrependimento!

   20 Então começou ele a lançar em rosto às cidades onde se operou a maior parte dos seus prodígios o não se haverem arrependido, dizendo: Ai de ti, Corazim! ... (Mateus 11:20-21)
   29 ... Disse-lhe Abraão: Têm Moisés e os profetas; ouçam-nos. ...31 ... Se não ouvem a Moisés e aos profetas, tampouco acreditarão, ainda que algum dos mortos ressuscite. (Lucas 16:28-31)

f. Seguem-se ao arrependimento:

(além das coisas que se seguem à fé, ver artigo "Fé"):
- Alegria no céu Luc 15:7-10; ler depois: 2Pe 3:9 (acima); e
- Perdão Isa 55:7; ler depois: Luc 24:47 (acima); Mar 1:4; Ato 2:38; 3:19.


Atenção: Embora o pecador não possa ser salvo sem se arrepender, ele não é salvo porque se arrependeu. Arrependimento é condição, mas não é causa da salvação.
Arrependimento não é uma satisfação prestada a Deus, mas sim uma condição do coração, necessária antes que se possa crer para salvação.

   7 Digo-vos que assim haverá alegria no céu por um pecador que se arrepende, mais do que por noventa e nove justos que não necessitam de arrependimento. ... [Parábola das dracmas] (Lucas 15:7-10)
   Deixe o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e se converta ao SENHOR, que se compadecerá dele; torne para o nosso Deus, porque grandioso é em perdoar. (Isaías 55:7)
   Apareceu João batizando no deserto, e pregando o batismo de arrependimento, para remissão dos pecados. (Marcos 1:4)
   ... Arrependei-vos, e cada um de vós seja batizado em nome de Jesus Cristo, para perdão dos pecados; e recebereis o dom do Espírito Santo; (Atos 2:38)
   Arrependei-vos, pois, e convertei-vos, para que sejam apagados os vossos pecados, e venham assim os tempos do refrigério pela presença do Senhor, (Atos 3:19)

organizado por Hélio de Menezes Silva, 2002.


Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB), autêntica herdeira da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753) e traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma) como o Textus Receptus. Para começar a ter uma idéia da gravidade de muitas das MILHARES de deturpações de todas as modernas "Bíblias" alexandrinas (baseadas no Texto dos incessantes Críticos), em relação às Bíblias do TR, leia, por EXEMPLO, http://solascriptura-tt.org/Bibliologia-Traducoes/AAlmeidaAtualizadaExposta-Helio.htm
http://solascriptura-tt.org/Bibliologia-PreservacaoTT/ExpondoErrosNVI-Jun2000-Emidio.htm


 

(retorne a http://solascriptura-tt.org/SoteriologiaESantificacao/ 00-Soteriologia-Curso-Helio-index.htm
retorne a http://solascriptura-tt.org/SoteriologiaESantificacao/
retorne a http://solascriptura-tt.org/)