1 João 3:9: Que significa "Qualquer que é nascido de Deus não comete pecado" ?!?!?!




"lQualquer que é nascido de Deus não comete pecado; porque a sua semente permanece nele; e não pode pecar, porque é nascido de Deus."l (1Jo 3:9 ACF)

9 Todo aquelE {*} (já) tendo sido nascido proveniente- de- dentro- de Deus não pratica pecado {NOTA}, porque a semente dEle (Deus) permanece nele (o salvo), e não pode pecar {NOTA}, porque tem sido nascido proveniente- de- dentro- de Deus. {* ver também as notas de 2:19 e 3:9} (1 João 3:9 Bíblia LTT Anotada)



{NOTA: "NÃO PRATICA PECADO ... NÃO PODE PECAR":
A maioria dos estudiosos que lemos diria:

"Após cada verbo no tempo presente em 1Jo 3:6,8,10,14; 5:18:
(A) Deveríamos inserir um asterisco '*; e
(B) Deveríamos inserir uma das duas seguintes notas de rodapé:

(B1): {*‘Lembre que todo tempo presente, em grego, implica sempre (sem nenhuma exceção) que a ação é contínua, ininterrupta, sem parar um segundo. Assim, neste versículo, temos que mentalmente interpolar 3 vezes a palavra 'INCESSANTEMENTE'. Reescreva e entenda o versículo assim: '9 Todo aquele [já] tendo sido nascido proveniente- de- dentro- de Deus CONTINUAMENTE- E- SEM- PARAR UM- SEGUNDO não pratica pecado, porque a semente dEle [de Deus] CONTINUAMENTE- E- SEM- PARAR UM- SEGUNDO permanece nele [o salvo], e CONTINUAMENTE- E- SEM- PARAR UM- SEGUNDO não pode pecar, porque tem sido nascido proveniente- de- dentro- de Deus.'.}
Ou, pelo menos
(B2) {*‘Lembre que todo tempo presente, em grego, implica sempre (sem nenhuma exceção) que a ação é costumeira, usual, habitual, prevalente, ocorrendo na vasta maioria das vezes. Assim, neste versículo, temos que mentalmente interpolar 3 vezes a palavra 'COSTUMEIRAMENTE'. Reescreva e entenda o versículo assim: '9 Todo aquele [já] tendo sido nascido proveniente- de- dentro- de Deus COSTUMEIRAMENTE- E- NA- VASTA- MAIORIA- DAS- VEZES não pratica pecado, porque a semente dEle [de Deus] COSTUMEIRAMENTE- E- NA- VASTA- MAIORIA- DAS- VEZES permanece nele [o salvo], e COSTUMEIRAMENTE- E- NA- VASTA- MAIORIA- DAS- VEZES não pode pecar, porque tem sido nascido proveniente- de- dentro- de Deus.'.}"



- Mas, replicamos, esta tão difundida ideia de que, a todo e cada verbo no tempo presente, sempre deveríamos adicionar ou subtender a palavra "CONTINUAMENTE" (ou, pelo menos, "COSTUMEIRAMENTE") choca-se de frente com vários versículos da Bíblia, tais como:


    "Se dissermos que não pecamos, fazemo-lo mentiroso, e a sua palavra não está em nós." (1Jo 1:10 ACF)   --   O mesmo apóstolo João, na mesma hora em que escreveu esta epístola do verso sob análise neste pequeno estudo, não é cego mas olha para si mesmo e reconhece que, se dissesse que não peca, faria Deus de mentiroso e a Sua Palavra não estaria nele.

    "14 ¶  Porque bem sabemos que a lei é espiritual; mas eu SOU carnal, VENDIDO sob o pecado. 15  Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço. 16  E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. 17  De maneira que agora já não sou eu que faço isto, mas o pecado que HABITA em mim. 18  Porque eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; e com efeito o querer está em mim, mas não consigo realizar o bem. 19  Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero esse faço. 20  Ora, se eu faço o que não quero, já o não faço eu, mas o pecado que HABITA em mim. 21  Acho então esta lei em mim, que, quando quero fazer o bem, o mal está comigo. 22  Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus; 23  Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros. 24  Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte? 25  Dou graças a Deus por Jesus Cristo nosso Senhor. Assim que eu mesmo com o entendimento sirvo à lei de Deus, mas com a carne [SIRVO] à lei do pecado." (Rm 7:14-25 ACF)   --   O próprio apóstolo Paulo reconhece, nestes versos, que era   c-o-n-s-t-a-n-t-e-m-e-n-t-e   carnal, totalmente vendido sob o pecado, que este constantemente   h-a-b-i-t-a-v-a   nele!


Replicamos também: que significa "a ação é costumeira, usual, habitual"? Significa que ocorre mais de 99,9 por cento das vezes? Ou significa, apenas, mais de 98 por cento? Por que não, apenas, mais de 90%? Que significa "a ação é prevalente, ocorrendo na vasta maioria das vezes"? Significa que ocorre mais de 75 por cento das vezes? Ou significa, apenas, mais de 50 por cento? Por que não, apenas, mais de 49,9%? Como saber isto, saber o que Deus quer que entendamos, num assunto de tão suprema importância?  

Replicamos, finalmente, que esta tão difundida ideia de que, a todo e cada verbo no tempo presente, sempre deveríamos adicionar ou subtender a palavra "CONTINUAMENTE" (ou, pelo menos, "COSTUMEIRAMENTE") causa grandes problemas se a tentarmos aplicar consistentemente (sempre e uniformemente):

A) No uso afirmativo, centenas de expressões que se tornariam tais como "At 16:31 ... crê CONTINUAMENTE em o Senhor Jesus Cristo e serás salvo, ..." dariam margem à falsa interpretação de que é possível se crer para a salvação, depois se interromper mesmo que temporariamente de crer, sendo necessária nova salvação; e a pessoa só seria salva se, ao morrer, estivesse em um desses estirões de crer!
B) No uso negativo, também temos centenas de grandes problemas, por exemplo:
Se "Jo 3:18 ... aquele, porém, que não está crendo nEle, já tem sido condenado..." significa "aquele, porém, que de modo incessante não está crendo nEle [cada segundo de sua vida está descrendo 100%], já tem sido condenado", então isentamos todo o mundo, pois todos, durante pelo menos um instante, de algum modo, creem em pelo menos uma coisa de Deus;
Mas, se significa "aquele, porém, que não está crendo nEle de modo incessante [em algum 1 segundo de sua vida não creu algo], já tem sido condenado ", então condenamos todo o mundo, pois todos, durante pelo menos um instante, de algum modo fraquejam em crer pelo menos uma coisa de Deus (lembre de Pedro afundando, negando Cristo, duvidando da ressurreição, etc.).



A coisa não é simples! Seja qual for sua posição doutrinária entre o mais extremo arminianismo e o mais extremo calvinismo, ou em qualquer doutrina, se você consistentemente aplicar essa regra de "contínua ou, pelo menos, costumeiramente" a todo verbo no tempo presente, desde Mat 1:1 até Apoc 22:21, então vai se meter em grandes confusões, terá que gaguejar e retroceder corado de vergonha... Toda esta "regra inflexível do grego" é IMPOSSÍVEL de ser usada inflexivelmente, tem que ser uma ficção, não pode ter imperado na mente grega!



- Qual a solução? Cremos que é traduzir exatamente como João Ferreira de Almeida, como os tradutores da King James Bible, etc. (sem pormos milhares de "costumeiramente" na Bíblia), mas simplesmente entendermos que:


1) A passagem se refere ao NOVO HOMEM que existe em cada crente (mesmo que temporariamente acompanhado do velho homem). Note que segurança há nesse entendimento, pois o que é gerado de Deus (o novo homem) não peca nem sequer pode pecar. Oh, as palavras do Hino 375 do Cantor Cristão!

Que segurança, sou de Jesus
Eu já desfruto o gozo da luz
Sou por Jesus herdeiro de Deus
Ele me leva à glória dos céus

[coro]
Canta minh'alma, canta ao Senhor
Rende-lhe sempre ardente louvor
Canta minh'alma, canta ao Senhor
Rende-lhe sempre ardente louvor

Ao Seu amor eu me submeti
E extasiado então me senti
Anjos descendo trazem dos céus 
Ecos da excelsa graça de Deus


2) E, ao mesmo tempo, a passagem em foco, 1Jo 3:9, também antecipa nosso abençoado ESTADO ESCATOLÓGICO na bem aventurança da eternidade futura (quando para sempre estaremos livres do homem velho e do pecado). Esta interpretação se harmoniza com o contexto [1Jo 2:28-3:10] circundando a passagem, que contrasta a nova contra a velha natureza do crente, em uma antecipação escatológica: Quando deixarmos este corpo atual, todos nós, os salvos, literalmente não teremos a menor possibilidade de pecar. Oh, as palavras do Hino 508 do Cantor Cristão!


Eu avisto uma terra feliz,
Onde irei para sempre morar;
Há mansões nesse lindo país,
Que Jesus foi p’ra nós preparar.

Vou morar, vou morar
Nessa terra, celeste porvir! (bis)

Cantarei nesse lindo país
Belos hinos ao meu Salvador,
Pois ali viverei bem feliz,
Sem angústias, tristezas, nem dor.

Vou cantar, vou cantar
Nessa terra, celeste porvir! (bis)

Deixarei este mundo afinal
Para ir a Jesus adorar;
Nessa linda cidade real,
Mil venturas sem fim vou gozar.

Vou gozar, vou gozar
Nessa terra, celeste porvir! (bis)

}





Hélio de Menezes Silva

 



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em http://BibliaLTT.org, com ou sem notas.



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ SoteriologiaESantificacao/
retorne a http://solascriptura-tt.org/)