Glorificação, adoção completada, a salvação final do crente, no arrebatamento, com corpo glorificado, glorioso, celestial, incorruptível, eterno, semelhante ao de Cristo, em glória, kabod, doxa.

21. GLORIFICAÇÃO

VERSOS CHAVE: Rom 8:30; 5:2; 8:18; 1Co 15:43; Col 3:4; 1Pe 5:1.
   E aos que predestinou a estes também chamou; e aos que chamou a estes também justificou; e aos que justificou a estes também glorificou. (Romanos 8:30)
   ... temos entrada pela fé ... e nos gloriamos na esperança da glória de Deus. (Romanos 5:2)

   ... as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada. (Romanos 8:18)
   Semeia-se em ignomínia, ressuscitará em glória. Semeia-se em fraqueza, ressuscitará com vigor
. (1 Coríntios 15:43)
  
... também vós vos manifestareis com Ele em glória. (Colossenses 3:4)
  
... eu, que sou ... e participante da glória que se há de revelar: (1 Pedro 5:1)

1. Glorificação é:

o futuro recebimento de absoluta e definitiva perfeição (física + mental + espiritual) por todos os crentes Rom 8:22-23; 1Co 15:41-44,51-55; 2Co 5:1-4; ler depois: 4:14-18; Judas 1:24-25; 

Os usos de "glória" ("kabod" e "doxa"), e a Bíblia como um todo, indicam que o corpo glorificado do crente será perfeito, sobrenatural e supremamente enriquecido e capacitado a servir a Deus em uma posição designada para radiar o brilho da graça, das riquezas, do poder, da bondade e do amor, enfim de todos os atributos de Deus, para que, pelos séculos dos séculos, Ele (totalmente e exclusivamente) seja admirado, magnificado, adorado e louvado por todos os anjos, homens, e criação.

   22 ... toda a criação geme e está juntamente com dores de parto até agora. 23 E não só ela, mas nós mesmos, que temos as primícias do Espírito, também gememos em nós mesmos, esperando a adoção, a saber, a redenção do nosso corpo. (Romanos 8:22-23)
   42 ... Semeia-se o corpo em corrupção; ressuscitará em incorrupção. 43 Semeia-se em ignomínia, ressuscitará em glória. Semeia-se em fraqueza, ressuscitará com vigor. 44 Semeia-se corpo natural, ressuscitará corpo espiritual. Se há corpo natural, há também corpo espiritual. (1 Coríntios 15:41-44)
   52 ... os mortos ressuscitarão incorruptíveis, e nós seremos transformados. 53 Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade ...
(1 Coríntios 15:51-55)
      1 ¶ ...
se a nossa casa terrestre deste tabernáculo se desfizer, temos de Deus um edifício, uma casa não feita por mãos, eterna, nos céus. 2 ... gememos, desejando ser revestidos da nossa habitação, que é do céu; ... 4 ... para que o mortal seja absorvido pela vida. (2 Coríntios 5:1-4)

2. Tempo da glorificação

Começará no Arrebatamento e continuará através de toda a eternidade 1Co 15:51-53 (acima); 1Te 4:13-18.

   ... 15 ... 16 Porque o mesmo Senhor descerá do céu com alarido, e com voz de arcanjo, e com a trombeta de Deus; e os que morreram em Cristo ressuscitarão primeiro. 17 Depois nós, os que ficarmos vivos, seremos arrebatados juntamente com eles nas nuvens, a encontrar o Senhor nos ares, e assim estaremos sempre com o Senhor .... (1 Tessalonicenses. 4:13-18)

3. Propósito da glorificação

A glorificação completa a justificação e a santificação:
a. No passado, Cristo, como o Profeta, nos salvou definitivamente da penalidade do pecado, através da justificação.
b. No presente, Cristo, como o Sacerdote, nos está salvando progressivamente do poder do pecado, através da santificação.
c. No futuro, Cristo, como o Rei, nos salvará definitiva e completamente da presença do pecado, através da glorificação.

   Repetimos:
O propósito do glorificação do corpo do crente é radiar o brilho da graça, das riquezas, do poder, da bondade e do amor, enfim de todos os atributos de Deus, para que, pelos séculos dos séculos, Ele (totalmente e exclusivamente) seja admirado, magnificado, adorado e louvado por todos os anjos, homens, e criação.

4. Resultados da glorificação

(leia pelo menos tudo que citarmos em 1Co 15)

O corpo glorificado, do crente, será:
a. Como o de Cristo 1Co 15:49; Fp 3:21; 1Jo 3:2.

   E, assim como trouxemos a imagem do terreno, assim traremos também a imagem do celestial. (1 Coríntios 15:49)
   Que transformará o nosso corpo abatido, para ser conforme o seu corpo glorioso, segundo o seu eficaz poder de sujeitar também a si todas as coisas. (Filipenses 3:21)
   Amados, agora somos filhos de Deus, e ainda não é manifestado o que havemos de ser. Mas sabemos que, quando ele se manifestar, seremos semelhantes a ele; porque assim como é o veremos. (1 João 3:2)
b. De carne e osso 1Co 15:50. (Nosso corpo será como o de Cristo ressurreto. Na encarnação, Cristo tomou carne e sangue Heb 2:14; mas, depois de ressurreto, só diz ter carne e ossos, sem mencionar sangue Luc 24:39! Portanto, tudo indica que não teremos sangue).
   ... a carne e o sangue não podem herdar o reino de Deus, nem a corrupção herdar a incorrupção. (1 Coríntios 15:50)
   E, visto como os filhos participam da carne e do sangue, também Ele participou das mesmas coisas, ...  (Hebreus 2:14)
   Vede as minhas mãos e os meus pés, que sou eu mesmo; apalpai-me e vede, pois um espírito não tem carne nem ossos, como vedes que eu tenho. (Lucas 24:39)
c. Reconhecível 1Co 13:12. Foram fácil e imediatamente reconhecidos depois de mortos (mesmo sem a ajuda de fotografias, pinturas, etc.): Samuel pela pitonisa; Moisés e Elias na transfiguração de Cristo; Lázaro e o rico e Abraão; Cristo e os 12 apóstolos em Apocalipse, etc.
   Porque agora vemos por espelho em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei como também sou conhecido. (1 Coríntios 13:12)
d. Espiritual. Submisso e controlado, harmônico e cooperador com o Espírito Santo de Deus e o espírito santificado do salvo glorificado 1Co 15:44-49, ao contrário do atual corpo Rom 7:18,22-24; ler depois: Mar 14:38; Gál 5:17. "Espiritual" provavelmente significa que sua vida será dada pelo espírito (já vimos que tudo indica que nosso corpo glorificado não terá sangue. Inclinamo-nos a pensar: a vida de Cristo é quem fluirá em nossos vasos, e não o sangue, e dará vida ao nosso corpo?).
   44 Semeia-se corpo natural, ressuscitará corpo espiritual ... 47 O primeiro homem, da terra, é terreno; o segundo homem, o Senhor, é do céu. ... ... 49 E, assim como trouxemos a imagem do terreno, assim traremos também a imagem do celestial. (1 Coríntios 15:44-49)
   18 ... eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem algum; e com efeito o querer está em mim, mas não consigo realizar o bem. ... 22 ... segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus; 23 Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros. 24 Miserável homem que eu sou! quem me livrará do corpo desta morte? (Romanos 7:18, 22-24)
e. Celestial 1Co 15:46-49 (acima), em contraste com o corpo atual, terrestre. Em 2Co 5:1-2 Deus nos fala de um "edifício proveniente de Deus" e "nossa morada proveniente do céu".
   1 ... se a nossa casa terrestre deste tabernáculo se desfizer, temos de Deus um edifício, uma casa não feita por mãos, eterna, nos céus. 2 E por isso também gememos, desejando ser revestidos da nossa habitação, que é do céu; (2 Coríntios 5:1-2)
f. Não limitado pelo tempo, massa, gravidade, espaço, "leis da natureza". Será como o corpo ressurreto de Cristo, que:
   - Atravessou a montanha do sepulcro (a pedra foi retirada para assombro dos guardas e para que as mulheres e demais discípulos pudessem ver e entrar, não para que Cristo pudesse sair, Ele já atravessara as faixas de pano e as paredes de pedra);
   - Instantaneamente desapareceu da casa de Cléofas e de sua esposa Maria, em Emaús Luc 24:31;
   - Simultaneamente (ou num pequeno espaço de tempo) apareceu instantaneamente aos 10 apóstolos, 12,4 km distante e sob portas fechadas Joã 20:19; e
   - 8 dias depois, apareceu instantaneamente aos 11 apóstolos sob portas fechadas Joã 20:26.
   Abriram-se-lhes então os olhos, e o conheceram, e ele desapareceu-lhes. (Lucas 24:31)
   Chegada, pois, a tarde daquele dia, o primeiro da semana, e cerradas as portas onde os discípulos, com medo dos judeus, se tinham ajuntado, chegou Jesus, e pôs-se no meio, e disse-lhes: Paz seja convosco. (João 20:19)
   E oito dias depois estavam outra vez os seus discípulos dentro, e com eles Tomé. Chegou Jesus, estando as portas fechadas, e apresentou-se no meio, e disse: Paz seja convosco. (João 20:26)
g. Eterno 2Co 5:1.
   ... se a nossa casa terrestre deste tabernáculo se desfizer, temos de Deus um edifício, uma casa não feita por mãos, eterna, nos céus. (2 Coríntios 5:1)
h. Glorioso 1Co 15:43; Rom 8:18. Semelhante ao de Cristo como visto na transfiguração (Mat 17:2) e como visto  glorificado no céu (Apo 1:13-16).

Os usos de "glória" ("kabod" e "doxa"), e a Bíblia como um todo, indicam que o corpo glorificado do crente será perfeito, sobrenatural e supremamente enriquecido e capacitado a servir a Deus em uma posição designada para radiar o brilho da graça, das riquezas, do poder, da bondade e do amor, enfim de todos os atributos de Deus, para que, pelos séculos dos séculos, Ele (totalmente e exclusivamente) seja admirado, magnificado, adorado e louvado por todos os anjos, homens, e criação.
   Semeia-se em ignomínia, ressuscitará em glória. Semeia-se em fraqueza, ressuscitará com vigor. (1 Coríntios 15:43)
   ... as aflições deste tempo presente não são para comparar com a glória que em nós há de ser revelada. (Romanos 8:18)
   E transfigurou-se diante deles; e o seu rosto resplandeceu como o sol, e as suas vestes se tornaram brancas como a luz. (Mateus 17:2)
   13 E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro. 14 E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo; 15 E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas. 16 E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece. (Apocalipse 1:13-16)
i. Incorruptível, imperecível 1Co 15:42,53-54. Portanto, um corpo que permanecerá para sempre, não sujeito a doença, morte, envelhecimento e degradação.
   .... Semeia-se o corpo em corrupção; ressuscitará em incorrupção. (1 Coríntios 15:42)
   53 Porque convém que isto que é corruptível se revista da incorruptibilidade, e que isto que é mortal se revista da imortalidade. 54 ... Tragada foi a morte na vitória. (1 Coríntios 15:53-54)
j. Poderoso 1Co 15:43, que nunca se cansa mas sempre faz poderosas proezas no serviço de Cristo Apo 22:3-5.
   ... Semeia-se em fraqueza, ressuscitará com vigor. (1 Coríntios 15:43)
   3 ... e nela estará o trono de Deus e do Cordeiro, e os seus servos o servirão. 4 E verão o seu rosto, e nas suas testas estará o seu nome. 5 E ali não haverá mais noite, e não necessitarão de lâmpada nem de luz do sol, porque o Senhor Deus os ilumina; e reinarão para todo o sempre. (Apocalipse 22:3-5)

organizado por Hélio de Menezes Silva, 2002.


Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB), autêntica herdeira da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753) e traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma) como o Textus Receptus. Para começar a ter uma idéia da gravidade de muitas das MILHARES de deturpações de todas as modernas "Bíblias" alexandrinas (baseadas no Texto dos incessantes Críticos), em relação às Bíblias do TR, leia, por EXEMPLO, http://solascriptura-tt.org/Bibliologia-Traducoes/AAlmeidaAtualizadaExposta-Helio.htm
http://solascriptura-tt.org/Bibliologia-PreservacaoTT/ExpondoErrosNVI-Jun2000-Emidio.htm



(retorne a http://solascriptura-tt.org/SoteriologiaESantificacao/ 00-Soteriologia-Curso-Helio-index.htm
retorne a http://solascriptura-tt.org/SoteriologiaESantificacao/
retorne a http://solascriptura-tt.org/)