Não Calvinismo Nem Arminianismo:
Tabela Comparativa

"Cri e Recebi, Agora Deus É O Preservador Da Minha Eterna Salvação."


Hélio de Menezes Silva





PERGUNTA: Hélio, por que David Cloud e Dave Hunt (e o insignificante você) se envergonham de se apresentar como "arminianos de 4 pontos" (que só diferem dos arminianos plenos porque creem "uma vez que cri, Deus (Ele e não eu) me preservará salvo eternamente, não importam minhas fraquezas e infidelidades, as quais me trarão dolorosas disciplinas, a perda da usabilidade por Deus, e a perda de comunhão, de galardões e coroas, mas nunca a perda da minha salvação que está garantida totalmente dentro das onipotentes mãos de Deus.")

RESPOSTA:
Para mim, a diferença chave e distintiva entre o menos mal calvinista batista atual (coincidindo com Spurgeon) e o menos mal arminiano metodista típico atual está 95% na letra P de TULIP:
1) O menos mal calvinista batista atual dirá que "o verdadeiro salvo não pode perder a sua salvação";
2) O menos mal arminiano atual dirá que "um verdadeiro salvo pode perder a salvação se se desviar" (uma pessoa da minha igreja me disse que viu um testemunho de um pentecostal que afirmou ter perdido e reganho a salvação 23 vezes em 12 meses)

Então, mesmo se um homem concorda com 4 pontos do arminianismo mas afirma (1), mesmo que seja com alguns detalhes diferentes dos muitos graus de calvinistas, então de nenhum modo possível eu o chamaria de arminiano em nenhum grau, ele simplesmente não é arminiano no mais importante ponto disso, portanto n-ã-o é arminiano (mesmo que também não seja calvinista). Se ele não se dá o nome de quase-arminiano, de arminiano de 4 pontos, se fica tão indignado se é chamado por esses nomes, vamos respeitá-lo e à sua palavra.

Reversamente, mesmo se um homem concorda com 4 pontos do calvinismo mas afirma (2), mesmo que seja com alguns detalhes diferentes dos muitos graus de arminianismo, então de nenhum modo possível eu o chamaria de calvinista, nem de calvinista de 4 pontos, ele simplesmente não é calvinista no mais importante ponto disso, portanto n-ã-o  é calvinista (mesmo que também não seja arminiano). Se ele não se dá o nome de quase-calvinista, de calvinista de 4 pontos, se fica tão indignado se é chamado por esses nomes, vamos respeitá-lo e à sua palavra.

Não acho que Cloud e Hunt sejam arminianos de 4-pontos, mas não sei se porventura o são e se gostariam de ser chamados disso. Só sei de mim. Não sou arminiano de 4 pontos (nem mesmo de 3, nem 2, nem sequer 1 ponto), nem sou calvinista de 4 pontos (nem mesmo de 3, nem 2, nem sequer 1 ponto), e desagrada-me muito ser tratado por quaisquer desses 10 títulos.

Que não sou arminiano, veja nos grupos, fóruns, e sites arminianos como eles me odeiam com ódio de Caim, porque defendo "uma vez que cri, Deus (Ele e não eu) me preservará salvo eternamente, não importam minhas fraquezas e infidelidades, as quais me trarão dolorosas disciplinas, a perda da usabilidade por Deus, e a perda de comunhão, de galardões e coroas, mas nunca a perda da minha salvação que está garantida totalmente dentro das onipotentes mãos de Deus."


 

CALVINISMO

 

 

ARMINIANISMO

 

Posição do [insignificante] Hélio

 

DEUS É SOBERANO [em todos os aspectos da salvação do homem]

 

 

Não existe Livre-Arbítrio,

mas  sim Livre-Agência.

 

O HOMEM É O ÚNICO RESPONSÁVEL [em todos os aspectos da salvação do homem]

 

 

O homem possui Livre-Arbítrio,

ou livre escolha.

 

DEUS É SOBERANO, MAS CHAMA A TODOS E OS HABILITA A UMA ESCOLHA.


    - Deus é Onipotente e Soberano 1Cr 29:11-12. Mas Deus não pode fazer nada contrário à Sua natureza- caráter- o que revelou ou prometeu na Sua Palavra. 
    E por que razão Ele não poderia, na Sua soberania, ter decretado conceder poder de escolha ao homem em um assunto que Deus quis, assumindo-se que Deus anunciou esta concessão na Bíblia? 
    Isso não O faria menos soberano, nem menos Deus. 

    
1Cr 29:11-12  11 Tua [é], SENHOR, a magnificência, e o poder, e a honra, e a vitória, e a majestade; porque Teu [é] tudo quanto [] no céU e na terra; Teu [é], Ó SENHOR, o reino, e Tu Te exaltaste por cabeça sobre todos. 12 riquezas e glória [vêm] de diante de Ti, e TU DOMINAS SOBRE TUDO, e na Tua mão [] força e poder; e na Tua mão [está] o engrandecer e o dar forças a todos. 

    A questão não é a Soberania de Deus (cremos nela), é se Ele, na Sua soberania, decidiu e fez escrever o que estudaremos abaixo, por exemplo, fez escrever que, quanto à salvação da alma, Ele AMOU a TODOS, ou fez escrever o contrário disso? Jo 3:16. 

    Jo 3:16 Porque de tal maneira AMOU Deus ao MUNDO que ao Seu Filho, o [Seu] unigênito , deu, a fim de que TODO AQUELE (homem) [que está] crendo  para dentro dEle (o Filho) não se faça perecer, mas tenha [a] vida eterna.  

 

 

Vontade Escrava

(Total Depravação ou Inabilidade Humana)

 

 

Devido à queda, o homem é incapaz de, por si mesmo, crer de modo salvador no Evangelho. Como resultado da transgressão de Adão, os homens são nascidos em pecado e são, por natureza, espiritualmente mortos; portanto, para se tornarem filhos de Deus e entrarem no Seu reino precisam nascer de novo, do Espírito. O pecador está espiritualmente morto, cego e surdo para as coisas de Deus. Seu coração é enganoso e desesperadamente corrupto. Sua vontade não é livre, pois está escravizada à sua natureza má; por isso ele não irá - e não poderá jamais - escolher o bem e não o mal em assuntos espirituais. Por conseguinte, é preciso mais do que simples assistência do Espírito para se trazer um pecador a Cristo. É preciso a regeneração, pela qual o Espírito vivifica o pecador e lhe dá uma nova natureza. A fé não é algo que o homem dá (contribui) para a salvação, mas é ela própria parte do dom divino da salvação. É o dom de Deus para o pecador e não o dom do pecador para Deus. 

 

Vontade Livre

(Depravação Parcial ou Habilidade Humana)

O homem é dotado de vontade livre. Com a queda de Adão a raça humana foi apenas contaminada pelo pecado e não morreu espiritualmente. Deus elege ou reprova na base da fé prevista ou da incredulidade. O homem nunca é de tal modo corrompido pelo pecado que não possa crer salvificamente no Evangelho, uma vez que este lhe seja apresentado. Embora a natureza humana tenha sido seriamente afetada pela queda, o homem não ficou reduzido a um estado de incapacidade total. Deus, graciosamente, capacita todo e qualquer pecador a arrepender-se e crer, mas o faz sem interferir na liberdade do homem. Todo pecador possui uma vontade livre (livre arbítrio), e seu destino eterno depende do modo como ele usa esse livre arbítrio. A liberdade do homem consiste em sua habilidade de escolher entre o bem e o mal, em assuntos espirituais. Sua vontade não está escravizada pela sua natureza pecaminosa. O pecador tem o poder de cooperar com o Espírito de Deus e ser regenerado ou resistir à graça de Deus e perecer. O pecador perdido precisa da assistência do Espírito, mas não precisa ser regenerado pelo Espírito antes de poder crer, pois a fé é um ato deliberado do homem e precede o novo nascimento. A fé é o dom do pecador a Deus, é a contribuição do homem para a salvação. 

 

O homem é TOTALMENTE PECAMINOSO, MAS TODOS SÃO HABILITADOS etc., POR DEUS, QUANDO TODOS SÃO CHAMADOS.


    TODO o homem é TOTALMENTE PECADOR Sl 143:2; Is 53:6; Rm 3:9-12,23, sim. 

    Sl 143:2 E não entres em juízo com o Teu servo, porque à Tua vista não se achará justo NENHUM [homem] vivente. 
    
Is 53:6 TODOS nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu próprio caminho; mas o SENHOR fez cair sobre Ele a iniquidade de nós TODOS. 
    
Rm 3:9-12  9 O quê, pois (, se conclui)? Somos nós (os judeus) mais excelentes (do que os gentios)? De maneira nenhuma, pois [] previamente- demonstramos todos (tanto judeus como gregos) [eles] estar[em] debaixo d[o] pecado; 10 Como tem sido escrito: "Não há UM justo, nem mesmo UM []. 11 Não há [NINGUÉM] que [está] entendendo; não há [NINGUÉM] que [está] buscando a Deus. 12 TODOS se extraviaram, simultânea- juntamente se fizeram inúteis. Não há [NINGUÉM] (que está continuamente) praticando [o] bem, não há nem UM []. 
    
Rm 3:23 Porque TODOS (os homens) pecaram e destituídos estão da glória de Deus, 

    Mas TODO o homem, ao ouvir a Palavra é capacitado e HABILITADO PARA entender, se interessar, escolher (ou não) se arrepender- CRER- receber Cristo Is 1:18; Dt 30:19; Js 24:15. 

    Is 1:18 VINDE agora, e arrazoemos juntos, diz o SENHOR: ainda que os vossos pecados sejam como a escarlata, eles se tornarão tão brancos como a neve; ainda que sejam vermelhos como o carmesim, se tornarão como a [branca] lã. 
    
Dt 30:19 O céU e a terra tomo hoje por testemunhas contra vós outros, [de que] tenho colocado diante de ti a vida e a morte, a bênção e a maldição; ESCOLHE pois a vida, para que vivas, tu e a tua semente, 
    
Js 24:15 Porém, se vos parece mal [aos vossos olhos] servir ao SENHOR, ESCOLHEI hoje a quem sirvais; se aos deuses a quem serviram vossos pais, que [estavam] além do rio, ou aos deuses dos amorreus, em cuja terra habitais; porém eu e a minha casa serviremos ao SENHOR. 

    Portanto, MORTE espiritual em Ef 2:1, etc., não significa imobilidade, inconsciência, INCAPACIDADE quanto tudo (ridículo), mas apenas significa separação de Deus, não é inabilidade para entender, etc., ver também Dt 4:29-31; Is 55:1-4,6-9; Mt 11:28-30; Lc 9:23-26; At 3:18-21; Ap 22:17. 

    
Ef 2:1 [Ele] (Deus) a *vós* [vivificou] , estando [vós] MORTOS * nas ofensas e nos pecados  "mortos" (espiritualmente) não significa INCAPAZES de TUDO (ridículo!), mas significa separados de Deus. 

    
Dt 4:29-31  29 Então dali BUSCARÁS ao SENHOR teu Deus, e [O] ACHARÁS, quando O BUSCARES de todo o teu coração e de toda a tua alma. 30 Quando [estiverdes] em tribulação, e todas estas coisas vierem sobre ti, então nos últimos dias  voltarás para o SENHOR teu Deus, e sereis obedientes à Sua voz.  31 (Porquanto o SENHOR teu Deus [é] Deus misericordioso), e Ele não te desamparará, nem te destruirá, nem Se esquecerá da aliança de teus pais, que lhes jurou. 
    
Is 55:1-4  1 "Ó vós, todos os que tendes sede, VINDE às águas, e vós, que não tendes dinheiro, VINDE, comprai, e comei; sim, VINDE, comprai, sem dinheiro e sem preço, suco de uva  e leite.  2 Por que gastais o dinheiro naquilo [que] não [é] pão? E o [produto] do vosso trabalho naquilo [que] não pode satisfazer? Ouvi-Me atentamente, e comei o que [é] bom, e a vossa alma se deleite com a gordura. 3 Inclinai os vossos ouvidos, e vinde a Mim; ouvi, e a vossa alma viverá; porque convosco farei [uma] aliança perpétua, [dando-vos] as seguras misericórdias (da aliança) de Davi. 4 Eis que Eu O dei por Testemunha aos povos, como Líder e Governador dos povos. 
    
Is 55:6-9  6 BUSCAI ao SENHOR enquanto Ele [ainda] pode ser achado, INVOCAI-O enquanto Ele [ainda está] perto. 7 ABANDONE o ímpio o seu caminho, e o homem maligno os seus pensamentos, e RETORNE ao SENHOR, que Se compadecerá dele; TORNE para o nosso Deus, porque grandioso [é] em  perdoar.  8 Porque os Meus pensamentos não [são] os vossos pensamentos, nem os vossos caminhos os Meus caminhos, diz o SENHOR. 9 Porque assim [como] os céus [são] mais altos do que a terra, assim [são] os Meus caminhos mais altos do que os vossos caminhos, e os Meus pensamentos [mais altos] do que os vossos pensamentos. 
    
Mt 11:28-30  28 VINDE até Mim, todos [vós] os [que estais] arduamente- trabalhando e tendo sido sobrecarregados, e *Eu* vos darei descanso. 29LEVANTAI- E- CARREGAI o Meu jugo sobre vós, e APRENDEI proveniente- de- junto- de Mim: porque manso sou, e humilde de coração. Então, encontrareis descanso para as vossas almas. 30 Porque o Meu jugo suave [é], e o Meu fardo leve é."  
    
Lc 9:23-26  23 E dizia a todos [eles]"Se qualquer  [homem] DESEJAR VIR EM- SEGUIMENTO- A Mim, NEGUE a si mesmo, e LEVANTE- E- CARREGUE [sobre si] a sua cruz a cada dia, e SIGA-Me.  24 Porque todo- e- qualquer- homem que QUEIRA a sua vida salvar, a perderá; todo- e- qualquer- homem, porém, que perca a sua vida por causa de (o seu amor a) Mim, *este* a salvará. 25 Porque [em] que é beneficiado um homem [se] havendo ganhado o mundo inteiro, mas a si mesmo havendo feito perecer ou havendo-se perdido? 26 Porque, todo- e- qualquer- homem que se envergonhe de Mim e das Minhas palavras, dele o Filho do homem Se envergonhará quando vier na Sua própria glória, e [na] de o [Seu] Pai, e [na] dos santos anjos. 
    
Ap 22:17 o Espírito (Santo) e a noiva (Me) dizem: 'VEM TU !' E aquele [que O está] ouvindo, que diga: 'VEM TU !' E aquele [que está] tendo sede, VENHA ELE; e [todo] aquele [que está] QUERENDO, RECEBA ele a água d[a] vida, de graça.  

 

 

Eleição Incondicional

(Pré-determinada)

 

A escolha divina de certos indivíduos para a salvação, antes da fundação do mundo, repousou tão somente na Sua soberana [arbitrária e caprichosa] vontade. A escolha de determinados pecadores feita por Deus não foi baseada em qualquer resposta ou obediência prevista da parte destes, tal como fé ou arrependimento. Pelo contrário, é Deus quem dá a fé e o arrependimento a cada pessoa a quem Ele escolheu. Esses atos são o resultado e não a causa da escolha divina. A eleição, portanto, não foi determinada nem condicionada por qualquer qualidade ou ato previsto no homem. Aqueles a quem Deus soberanamente elegeu, Ele os traz, através do poder do Espírito, a uma voluntária aceitação de Cristo. Desta forma, a causa última da salvação não é a escolha que o pecador faz de Cristo, mas a escolha que Deus faz do pecador.

 

 

Eleição Condicional

(Prevista)

 

A eleição divina daqueles que serão salvos alicerça-se sobre o fato da previsão divina de que eles haverão de crer, por sua própria deliberação. A escolha divina de certos indivíduos para a salvação, antes da fundação do mundo, foi baseada na Sua previsão (presciência) de que eles responderiam à Sua chamada (fé prevista). Deus selecionou apenas aqueles que Ele sabia que iriam, livremente e por si mesmos, crer no Evangelho. A eleição, portanto, foi determinada ou condicionada pelo que o homem iria crer. A fé que Deus previu e sobre a qual Ele baseou a Sua escolha não foi dada ao pecador por Deus (não foi criada pelo poder regenerador do Espírito Santo), mas resultou tão somente da vontade do homem. Foi deixado inteiramente ao arbítrio do homem o decidir quem creria e, por conseguinte, quem seria eleito para a salvação. Deus escolheu aqueles que Ele sabia que iriam, de sua livre vontade, escolher a Cristo. Assim, a causa última da salvação não é a escolha que Deus faz do pecador, mas a escolha que o pecador faz de Cristo.

 

 

 

 

Não Há Eleição/ Predestinação para Salvação Eterna, Mas Para Bênçãos (1Ts 5:9 refere-se à não entrada na ira da Tribulação)

SE TIVESSE HAVIDO ELEIÇÃO ESPIRITUAL, TERIA SIDO APÓS ANTEVISÃO DA RESPOSTA AO CHAMADO POR DEUS.

 

 

Aos que PRÉ-CONHECEU (anteviu) que creriam, Deus os ELEGEU para, em consequência do crer, salvá-losSalvação depende apenas de CRER 1Pe 1:2; Lc 7:50; Ef 2:8-9 (isto PROVA que crer, exercer fé, N-Ã-O é obra, como nos acusam os seguidores de Padre Agostinho e Calvino). 
    
1Pe 1:2 (eleitos) COMO RESULTADO Do pré-conhecimento de Deus ([o] Pai), N[A] santificação de [o] Espírito (Santo)EM CONSEQUÊNCIA D[a]  obediência  e aspersão d[o] sangue de Jesus Cristo: Graça e paz vos sejam multiplicadas!  
    Lc 7:50 Disse Ele, porém, à mulher: "A tua  [] tem salvado a ti; vai tu para dentro d[a] paz."  
    Ef 2:8-9  8 (Porque por- operação- da graça (de Deus) sois [aqueles] (já) tendo sido salvos, por meio da ). E isto não [é] proveniente- de- dentro- de vós mesmos, [é] dom de Deus, 9 NÃO [É] PROVENIENTE- DE- DENTRO- DAS OBRAS, a fim de que não (possa acontecer que) algum homem se vanglorie;  {isto PROVA que crer, exercer fé, N-Ã-O é obra, como nos acusam os seguidores de Padre Agostinho e Padre-Melhorado Calvino

A sequência de Rm 8:29-30 + Jo 1:12 + 2Co 5:17 é: pré-conheceu (viu de antemão) o homem --> predeterminou- quanto- fronteiras (do lote eterno) --> chamou --> Jesus crido e recebido --> declarou justo e fez filho e nova criatura e glorificou o homem.

    Rm 8:29-30  29 Porque, aos [homens] a quem Ele (o Deus) PRÉ-CONHECEU , também os Predeterminou- Quanto- Fronteiras (do lote eterno) [para serem] conformados à apresentação- físico- corporal de o Seu Filho, a fim de ser Este (o Seu Filho) [o] primeiro- nascido entre muitos irmãos.  
30 
E, aos [homens] a quem Ele (o Deus) predeterminou- quanto- fronteiras (do lote eterno), a estes também CHAMOU
aos que chamou, a estes também DECLAROU JUSTOS
aos que declarou justos, a estes também GLORIFICOU.
  

    Jo 1:12 A tantos, porém, quantos O receberam, Ele (o Palavra) deu a estes [a] autoridade para ser[em] [tornados os] filhos de Deus, 
(a deu) àqueles [que estão] crendo  para dentro de o nome dEle (o Palavra) 

    2Co 5:17 Assim que, se algum homem [está] dentro de [o] Cristo, 
uma nova- e- diferente criatura 
[é]  [ele]: 
as 
[coisas] velhas [] passaram
eis que têm sido feitas novas todas as coisas
 

 

Expiação/Redenção

Limitada ou Particular

(Salvação Eficaz)

 

 

A obra redentora de Cristo foi intencionada para salvar somente os eleitos e, de fato, assegurou a salvação destes. Sua morte foi um sofrimento substitucionário da penalidade do pecado no lugar de certos pecadores específicos. Além de remover o pecado do Seu povo, a redenção de Cristo assegurou tudo que é necessário para a sua salvação, incluindo a fé que os une a Ele. O dom da fé é infalivelmente aplicado pelo Espírito a todos por quem Cristo morreu, deste modo, garantindo a sua salvação

 

Expiação/Redenção

Universal ou Geral

(Salvação Não Assegurada)

 

 

Cristo morreu por todos os homens, em geral, e em favor de cada um, em particular, embora somente os que crêem sejam salvos. A morte de Cristo não garantiu a salvação para ninguém, pois não garantiu o dom da fé para ninguém (e nem mesmo existe tal dom); o que ela fez foi criar a possibilidade de salvação para todo aquele que crê.

A obra redentora de Cristo tornou possível a salvação de todos, mas na verdade não assegurou a salvação de ninguém. Embora Cristo tenha morrido por todos os homens, em geral, e em favor de cada um, em particular, somente aqueles que creem n’Ele são salvos. A morte de Cristo capacitou a Deus perdoar pecadores na condição de que creiam, mas na verdade não removeu (expiou) o pecado de ninguém. A redenção de Cristo só se torna efetiva se o homem escolhe aceitá-la

 

EXPIAÇÃO/ PROPICIAÇÃO OFERECIDA A TODOS, CRIDA E APROVEITADA POR POUCOS.


Jesus morreu vertendo Seu sangue como uma expiação e propiciação para benefício e em lugar de TODOS os homens SEM EXCEÇÃO Is 53:6; Jo 3:16-17; 1:29; Rm 11:32; 1Jo 2:2; He 2:9. 

    Is 53:6 Todos nós andávamos desgarrados como ovelhas; cada um se desviava pelo seu próprio caminho; mas o SENHOR fez cair sobre Ele a iniquidade de nós TODOS. 
    
Jo 3:16-17  16 Porque de tal maneira amou Deus ao MUNDO que ao Seu Filho, o [Seu] unigênito , deu, a fim de que TODO AQUELE (homem) [que está] crendo  para dentro dEle (o Filho) não se faça perecer, mas tenha [a] vida eterna.  17 Porque Deus não enviou o Seu Filho para dentro do MUNDO a fim de que condene o MUNDO, mas a fim de ser o MUNDO salvo através dEle (o Filho). 
    
Jo 1:29 No dia seguinte, vê João a Jesus vindo até ele, e diz: "Eis o Cordeiro de Deus, Aquele (Cordeiro) [que] (completa e definitivamente) [está] levantando- e- carregando- (sobre Si) para- longe o pecado do MUNDO! 
    
Rm 11:32 Porque Deus juntamente- fechou- circundou a todos para dentro da incredulidade , a fim de, para [com] os TODOS, usasse de misericórdia.  
    
1Jo 2:2 *Ele próprio* [a] propiciação é concernente aos nossos pecados, e não somente concernente aos nossos (pecados), mas também concernente aos (pecados) do INTEIRO MUNDO. 
    
Hb 2:9 Aquele (Jesus), porém, ([por] um certo pouco (tempo)) menor  do que [os] anjos (dantes) tendo sido feito... (Agora) vemos Jesus, em razão do sofrimento d[a Sua] morte, com glória e com honra havendo sido coroado. De modo que Ele, pel[a] graça de Deus, para- benefício- e- em- lugar- de TODOS [os homens], provasse [a] morte.  

    Mas somente aqueles que creram tiveram seus pecados efetivamente cobertos- pagos- perdoados- tirados, foram efetivamente salvos Jo 3:18.

    Jo 3:18 Aquele [que está] crendo  para dentro dEle (o Filho) não é condenado; aquele, porém, [que] não [está] crendo [para dentro dEle] (o Filho) já tem sido condenado, porquanto não tem crido para dentro de o nome de o unigênito  Filho de Deus

    Deus tem misericórdia sobre TODOS e ama a TODOS Sl 145:9; Lc 6:36 (devo ter misericórdia somente por poucos?); Mq 7:18; Ef 2:4; Rm 11:32; 1Jo 4:8.

    Sl 145:9 O SENHOR [é] bom para TODOS, e as suas misericórdias [são] sobre TODAS as Suas obras. 
    
Lc 6:36 Sede vós, pois, misericordiosos, como o vosso Pai também é misericordioso. 
    
Mq 7:18 Quem [é] Deus semelhante a Ti, que perdoa a iniquidade, e que passa por cima da transgressão do remanescente da Sua herança? Ele não retém a Sua ira para sempre, porque tem prazer [na Sua] BENIGNIDADE. 
    
Ef 2:4 Deus, porém, riquíssimo sendo em misericórdia, em razão do Seu grande amor com que nos amou, 
    
Rm 11:32 Porque Deus juntamente- fechou- circundou a TODOS para dentro da incredulidade , a fim de, para [com] os TODOS, usasse de MISERICÓRDIA 
    
1Jo 4:8 (Todo) aquele [que] não [está] amando (aos irmãos) não conheceu a Deus; porque Deus amor é. 

    Deus intensamente DESEJA que TODOS os homens sejam salvos 1Tm 2:4; 2Pe 3:9. 

    
1Tm 2:4 O Qual deseja TODOS [os] homens ser[em] salvos e, para dentro do pleno- conhecimento d[a] verdade, vir[em]. 
    2Pe 3:9 Não retarda o Senhor a [Sua] promessa, tal- como alguns por tardia [a] têm; mas Ele é de- longa- paciência para conosco, não desejando alguns se fazer[em] perecer, mas [DESEJANDO] TODOS A[O] ARREPENDIMENTO VIR[EM]. 

    A salvação está disponível e oferecida (sinceramente! Com possibilidade de ser aceita!) a TODOS Jo 3:16; At 2:21; Rm 10:13; 1Tm 2:4.

    Jo 3:16 Porque de tal maneira amou Deus ao MUNDO que ao Seu Filho, o [Seu] unigênito , deu, a fim de que TODO AQUELE (homem) [que está] crendo para dentro dEle (o Filho) não se faça perecer, mas tenha [a] vida eterna.  
    
Rm 10:13 Porque TODO- E- QUALQUER- homem que invocar o nome de o Senhor (Jesus)  será salvo 
    
1Tm 2:4 O Qual deseja TODOS [os] homens ser[em] salvos e, para dentro do pleno- conhecimento d[a] verdade, vir[em]. 

 

 

 

Graça Irresistível

(Chamada Geral e Eficaz)

 

 

 

Além da chamada externa à salvação, que é feita de modo geral a todos que ouvem o evangelho, o Espírito Santo estende aos eleitos uma chamada especial interna (Santa Vocação), a qual inevitavelmente os traz à salvação. A chamada externa (que é feita indistintamente a todos) pode ser, e, freqüentemente é, rejeitada; ao passo que a chamada interna (que é feita somente aos eleitos) não pode ser rejeitada. Ela sempre resulta na conversão. Por meio desta chamada especial o Espírito atrai irresistivelmente pecadores a Cristo. Ele não é limitado em Sua obra de aplicação da salvação pela vontade do homem, nem depende, para o Seu sucesso, da cooperação humana. O Espírito graciosamente leva o pecador eleito a cooperar, a crer, a arrepender-se, a vir livre e voluntariamente a Cristo. A graça de Deus, portanto, é invencível. Nunca deixa de resultar na salvação daqueles a quem ela é estendida.

 

 

 

Graça Resistível

(Apenas Chamada Geral)

 

 

O homem nunca é de tal modo controlado por Deus que não possa rejeitá-lo. O Espírito chama internamente todos aqueles que são externamente chamados pelo convite do Evangelho. Ele faz tudo que pode para trazer cada pecador à salvação. Sendo o homem livre, pode resistir de modo efetivo a essa chamada do Espírito. O Espírito não pode regenerar o pecador antes que ele creia. A fé (que é a contribuição do homem para a salvação) precede e torna possível o novo nascimento. Desta forma, o livre arbítrio limita o Espírito na aplicação da obra salvadora de Cristo. O Espírito Santo só pode atrair a Cristo aqueles que O permitem atuar neles. Até que o pecador responda, o Espírito não pode dar a vida. A graça de Deus, portanto, não é invencível; ela pode ser, e de fato é, freqüentemente, resistida e impedida pelo homem.

 

 

 

GRAÇA OFERECIDA A TODOS, CRIDA E APROVEITADA POR POUCOS, RESISTIDA POR MUITOS.


O chamado de Deus é RESISTÍVEL Pv 1:24-26; Jo 5:39-40; Mt 23:37, mas todo homem pode (ver TTTTTTTT) e tem que atendê-lo e crer, para ser salvo  (mas pode recusar).

Pv 1:24-26  24 Entretanto, porque eu clamei e recusastes; e estendi a minha mão [e] não houve quem desse atenção, 25 Antes REJEITASTES todo o meu conselho, e NÃO QUISESTES a minha repreensão, 26 Também [de minha parte] eu me rirei na vossa perdição [e] zombarei, em vindo o vosso temor. 
    
Jo 5:39-40  39 Examinai  vós as Escrituras, porque vós supondes nelas ter [a] vida eterna, e são elas que [estão] testificando concernente a Mim;  40 NÃO QUEREIS vir a Mim a fim de que [a] vida tenhais! 
    
Mt 23:37 Jerusalém, Jerusalém, a (cidade) [que está] matando os profetas, e matando- por- apedrejamento aqueles tendo sido enviados até ti ! Quantas vezes quis Eu ajuntar os teus filhos, como uma galinha ajunta os pintinhos dela debaixo das asas [dela], e vós NÃO QUISESTES!  

 

 

 

Perseverança dos Santos

(Salvação Eterna)

 

 

 

 

Todos aqueles que são escolhidos por Deus e a quem o Espírito concedeu a fé, são eternamente salvos. São mantidos na fé pelo poder do Deus Todo Poderoso e nela perseveram até o fim.

 

 

 

 

Queda da Graça

(Perda da Salvação)

 

 

 

Depende inteiramente dos crentes manterem-se em um estado de graça, conservando a sua fé; aqueles que falham nesse ponto, desviam-se e se perdem.

Dessa maneira, o arminianismo faz a salvação do indivíduo depender, em última análise, do próprio homem, pois a fé salvadora é encarada, do princípio ao fim, como obra do homem, pertencente ao homem e nunca a Deus".

Aqueles que crêem e são verdadeiramente salvos podem perder sua salvação por não guardar a sua fé. Nem todos os arminianos concordam com este ponto. Alguns sustentam que os crentes estão eternamente seguros em Cristo; que o pecador, uma vez regenerado, nunca pode perder a sua salvação.

 

 

 

 

PRESERVAÇÃO POR DEUS, DA ETERNA SALVAÇÃO DE TODOS QUE CRERAM, NÃO DESFEITA POR FRAQUEZAS E  QUEDAS DELES.


A salvação de quem CREU é PRESERVADA não por ele, mas por 
DEUS Jo 3:18; 10:28-29; Rm 8:28-30,35,38-39; 1Co 5:3-5; Ef 4:30.

    Jo 3:18 Aquele [que está] crendo  para dentro dEle (o Filho) NÃO É CONDENADO; aquele, porém, [que] não [está] crendo [para dentro dEle] (o Filho) já tem sido condenado, porquanto não tem crido para dentro de o nome de o unigênito  Filho de Deus.  
    
Jo 10:28-29  28 [a] vida ETERNA Eu lhes dou; e que, para o sempre, DE MODO NENHUM PEREÇAM, e NINGUÉM AS ARREBATARÁ PARA- FORA- DA MINHA MÃO. 29 O Meu Pai, que [as] tem dado a Mim, maior do que todos é, e NINGUÉM PODE ARREBATÁ-[LAS] PARA- FORA- DA MÃO DO MEU PAI. 
    
Rm 8:28-30  28 [Bem] temos sabido, porém, que, para aqueles [que estão] amando a Deus, todas as coisas co- operam- juntamente  para [o] bem, para aqueles que [estão] sendo chamados- convidados segundo [o] propósito [dEle] (Deus) 29 Porque, aos [homens] a quem Ele (o Deus) pré-conheceu , também os predeterminou- quanto- fronteiras (do lote eterno) [para serem] conformados à apresentação- físico- corporal de o Seu Filho, a fim de ser Este(o Seu Filho) [o] primeiro- nascido entre muitos irmãos.  30 E, aos [homens] a quem Ele (o Deus) predeterminou- quanto- fronteiras (do lote eterno), a estes também chamou; e aos que chamou, a estes também declarou justos; e aos que declarou justos, a estes também glorificou.  
    
Rm 8:35 Quem nos separará para- longe- do amor de o Cristo (a nós)[A] tribulação, ou [a] angústia, ou [a] perseguição, ou [a] fome, ou [a] nudez, ou [o] perigo, ou [a] espada? 
    
Rm 8:38-39  38 Porque tenho sido persuadido de que: nem [a] morte, nem [a] vida, nem [os] anjos, nem [os] principados, nem [as] potestades, nem as coisas tendo- estado- presentes, nem as coisas estando por vir, 39 Nem [a] altura, nem [a] profundidade, nem qualquer outra criatura, poderÁ nos separar para- longe- do amor de Deus (a nós), o qual (amor de Deus) [está] em Cristo Jesus, o Senhor nosso.  
    
1Co 5:3-5  3 Porque *eu*, em verdade, ainda que estando ausente no corpo mas estando presente no espírito, já tenho julgado- determinado, como se estando [eu] presente, que aquele [varão] assim havendo perpetrado isto, 4 Em o nome de o nosso Senhor Jesus Cristo havendo sido juntamente reunidos vós e o meu espírito com o poder de o nosso Senhor Jesus Cristo, 5 Abandonar[mos] o tal a Satanás, para dentro da destruição da CARNE, para- o- resultado- de o espírito vir a ser PRESERVADO dentro do dia de o Senhor Jesus. 
    
Ef 4:30 E não entristeçais o Espírito Santo de Deus, dentro de Quem (dentro de o Espírito Santo) vós fostes SELADOS para [o] dia d[a] redenção.

Uma vez presenteada e recebida a salvação (por ação da graça de Deus, por meio da fé), ela é incapaz de ser perdida, é por Deus preservada mesmo se o crente morrer sem arrependimento e sob disciplina (!) 1Co 3:15, toda a glória seja dada a Deus.

    
1Co 3:15 Se de algum homem a obra será completamente- queimada, ele sofrerá perda; *ele mesmo*, porém, será SALVO (todavia, de modo como que através d[o] fogo). 

 



Uma coisa eu acho espantosa e gozada, nunca canso de me espantar com ela, e não consigo evitar rir (discretamente) dela:

a) os arminianos dizem que se pode perder e reganhar a salvação (sem limites de repetições disso). Por exemplo, se um ancião presbítero de uma igreja Menonita, Missionária Unida, Batista Livre-Arbítrio, Metodista, Exército de Salvação, Holiness/Santidade, Evangélica Wesleyana, Comunidade da Graça, Assembleia de Deus, Quadrangular, Vineyard, Convenção Batista Nacional, Convenção das Igrejas Batistas Independentes, ficar com incontrolável ira contra quem bateu no seu carro, o assassinar, fugir de carro, 10 carros da polícia o perseguirem, ele bater num postão a 160 km por hora e morrer instantaneamente, então todos dirão que ele tinha sido salvo mas perdeu sua salvação e MORREU PERDIDO E VAI PASSAR A ETERNIDADE NO INFERNO.
b) entre os calvinistas, se uma pessoa aparentemente crente e salva, membro de uma igreja local que é subalterna à Igreja (nacional) Presbiteriana do Brasil, ou Presbiteriana Independente do Brasil, ou Presbiteriana Conservadora do Brasil, ou Evangélica Cristo Vive, ou Batista Regular, ou União das Igrejas Evangélicas Congregacionais do Brasil, ficar com incontrolável ira contra quem bateu no seu carro, o assassinar, fugir de carro, 10 carros da polícia o perseguirem, ele bater num postão a 160 km por hora e morrer instantaneamente, então todos dirão que ele nunca tinha sido um eleito, não perdeu sua salvação porque nunca foi eleito, e ele MORREU PERDIDO E VAI PASSAR A ETERNIDADE NO INFERNO.Ao final de tudo, arminianos e calvinistas concordam muito entre si ao equacionarem:
          "Morreu em grave pecado de que não se arrependeu e teve tampo de pedir perdão a Deus"
          =
          "Será lançado à eterna condenação no inferno"

 



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em http://BibliaLTT.org, com ou sem notas.



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ SoteriologiaESantificacao/
retorne a http://solascriptura-tt.org/)