A Eterna Segurança do Crente Nascido de Novo

 

Por Dr. Curtis Hutson

(10 de julho de 1934 - 5 de março de 1995) foi um pastor Batista Fundamentalista Independente e editor do Jornal A Espada do Senhor (1980-1995).

 

Quase em todos os lugares que eu vou, encontro pessoas incomodadas porque não estão seguras sobre sua salvação. Elas pensam que por causa de seus pecados, negligência, ou sua falta de perseverança até o fim, ou qualquer outra razão, elas podem perder a sua salvação.

Aqueles que pensam que são salvos agora, mas poderiam perder sua salvação mais tarde têm um de dois problemas: Primeiro, eles estão confiando em algum grau em suas obras para salvá-los; Ou segundo, eles não entendem que, confiando em Jesus Cristo como Salvador, seu destino está nas mãos de Deus.

Talvez tenham tomado a palavra de alguém em quem confiam. Ou eles não estudaram a Bíblia com cuidado e não percebem que Deus determinou que todos os que creem Nele tem a vida eterna e irão para o Céu quando morrerem.

O primeiro grupo, são aqueles que acreditam que por levar uma vida sem frutos resultará na perda de sua salvação, na verdade acreditam que precisam ter uma vida de obras que torne claro para ela e todos a sua volta que é salva. De alguma forma essas pessoas não entenderam completamente que Jesus Cristo pagou totalmente por todos os nossos pecados quando Ele morreu na cruz e que nossa conduta de más ou boas obras não têm nada a ver com a salvação.

É claro que devemos viver em obediência; Entendendo que Deus tem maneiras de lidar com filhos desobedientes. Somos salvos confiando em Jesus Cristo como Salvador. João 3:36 diz: “Quem crê no Filho tem a vida eterna” ...

Efésios 2: 8,9 torna isso claro: “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus”.

O segundo grupo precisa estudar cuidadosamente o que a Bíblia diz sobre a segurança do crente. Com isso em mente, deixe-me compartilhar com você vários ensinamentos.

 

1. DEUS PROMTEU E DEUS PRODUZIU A

VIDA ETERNA

 

João 3: 14-16 diz:

“E, como Moisés levantou a serpente no deserto, assim importa que o Filho do homem seja levantado; Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.
Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna”.

Novamente, em Tito 1, versículo 2, lemos: “Em esperança da vida eterna, a qual Deus, que não pode mentir, prometeu antes dos tempos dos séculos”;

Quando Deus promete algo, Ele coloca Sua Palavra e sua Honra em inventaria. Se Ele não produziu o que Ele prometeu, Ele sacrificaria Sua Palavra, Honra e Integridade. Mas o que Deus prometeu Ele produziu.

A Bíblia diz em I João 5: 10,11:

“Quem crê no Filho de Deus, em si mesmo tem o testemunho; quem a Deus não crê mentiroso o fez, porquanto não creu no testemunho que Deus de seu Filho deu”.

João 10: 27-29 diz:

“As minhas ovelhas ouvem a minha voz, e eu conheço-as, e elas me seguem; E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão. Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e ninguém pode arrebatá-las da mão de meu Pai”.

E lemos em Romanos 6:23:

“Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor”.

Deus prometeu e Deus produziu a vida eterna para o crente.

 

II. O CRENTE TEM EXATAMENTE

O QUE DEUS PROMETEU

E PRODUZIU

 

Muitas Escrituras tornam inequivocamente claro que o homem que CRÊ em Jesus Cristo como Salvador “TEM” a vida eterna. João 5:24 diz: 

“Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida”.

Observe que a Bíblia não diz: "Quem crê no Filho terá ..." Diz, "TEM" Isso é tempo presente. Isso significa que o homem que está confiando em Jesus Cristo completamente para a salvação tem a vida eterna agora. Não é algo que Deus prometeu a ele, desde que ele satisfaça certas condições adicionais. É algo que ele tem no momento em que acredita em Cristo.

Mas observe que Jesus vai um pouco mais longe no que diz respeito em que temos a vida eterna. Ele o torna duplamente seguro em João 5:24: 

“Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, tem a vida eterna, e não entrará em condenação, mas passou da morte para a vida”.

Além de dizer que o crente tem a vida eterna no momento que ele acredita, Jesus Cristo acrescenta a promessa de que ele não entrará em condenação; Isto é, a sentença de pecado nunca será colocada sobre o crente novamente.

O criminoso condenado é um homem que foi preso, julgado e condenado. Ele está sob a sentença. Ele está condenado. A sentença pelo pecado é a morte. Romanos 6:23 diz: "O salário do pecado é a morte ..." Essa morte é descrita na Bíblia como a segunda morte, o lago de fogo. Apocalipse 20:14: "A morte e o inferno foram lançados no lago de fogo, esta é a segunda morte".

Mas agora Jesus diz que o homem que crê em Cristo não só teve a sentença anulada, como ele não é condenado; Mas Ele ainda promete que "não entrará em condenação ...". Isso quer dizer que A SENTENÇA DO PECADO NUNCA MAIS SERÁ COLOCADA SOBRE O CRENTE.

O Senhor Jesus Cristo vai ainda mais longe em João 5:24 e diz:  "... mas passou da morte para a vida". Não que ele vai passar da morte para a vida. O homem que crê no Senhor Jesus Cristo já passou da morte para a vida. João 3:36 diz: “Aquele que crê no Filho tem a vida eterna”. Aqui está também a palavra "TEM". O que crê no Filho tem a vida eterna agora. A vida eterna não é algo que Deus Promete para o futuro, mas é a possessão presente de cada crente.

A palavras "eterno" não significa uma curta duração. Ela não significa vida por um dia, uma semana, um mês, um ano, nem mesmo cem anos. Mas eles significam vida para todo sempre toda a eternidade.

A palavra "eterno" em João 5:24 e João 3:36, que descreve a vida do crente, é a mesma palavra "eterna" em Romanos 16:26 que descreve a duração de Deus, "... de acordo com o mandamento do Deus eterno ". Se Deus mesmo é eterno, então a vida do crente é eterna.

Mais de quarenta e cinco vezes os termos "vida eterna" e "eternidade" são usados ​​na Bíblia. Se o crente tem alguma coisa, ele tem a vida eterna; Pois isso é precisamente o que Deus prometeu e Deus a produziu.

III. DEUS NÃO APENAS DÁ VIDA ETERNA, MAS PROMETE QUE OS CRENTES NUNCA HÃO DE PERCER.

 

João 10:28 diz:

“E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão”.

Quando você procura a palavra "nunca" que ocorre em João 10:28 na Concordância de Strong, na página 715, você descobre que ela vem de quatro diferentes palavras gregas, que em inglês são OUME, EIS, HO e AION.  Examinando cada uma dessas palavras, por sua vez, na Concordância de Strong, você descobre que OUME (# 3364) significa, "de modo algum, nunca, nunca". O termo EIS (# 1519) significa, lugar, tempo, propósito. "HO Q3588) significa" macho, fêmea ou (mesmo) neutro " 
"Perpetuamente, eternamente".

Coloque os significados de todas estas palavras de raiz juntas; E você encontra literalmente o que Cristo disse quando disse "nunca" aqui neste versículo, ela traz consigo uma garantia muito poderosa - mais do que a palavra "nunca" normalmente leva consigo em nossas mentes.

Olhando para João 10:28 com esta luz adicional, poderíamos escrevê-la desta forma e dar-lhe a ênfase que Cristo fez quando Ele falou: "E eu lhes dou a vida eterna, e eles nunca = [EM QUALQUER MOMENTO, EM QUALQUER LUGAR, EM QUALQUER MOMENTO, POR QUALQUER FINALIDADE, SEJA MASCULINO OU FÊMININO, PERPETUALMENTE, ETERNAMENTE] hão de perecer...

IV. OS CRENTES SÃO MANTIDOS SALVOS POR DEUS, ELES NÃO SE MANTÊM SALVOS

A Bíblia torna claro de novo e de novo que o crente é mantido por Deus. Se tivéssemos que nos manter, eu admitiria que poderíamos nos perder novamente e provavelmente continuaríamos perdidos.

Não, não podemos nos manter. Graças a Deus, somos mantidos pelo próprio Deus! Em II Timóteo 1:12 diz: 

“Por cuja causa padeço também isto, mas não me envergonho; porque eu sei em quem tenho crido, e estou certo de que é poderoso para guardar o meu depósito até àquele dia”.

Aqui o apóstolo diz: "Estou certo (isto é, estou completamente convencido) de que ele é capaz de guardar o que lhe tenho confiado".

É meu dever confiar em Jesus Cristo como Salvador. E é Sua a promessa de manter-me salvo. I Pedro 1: 3-5 diz:

Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo que, segundo a sua grande misericórdia, nos gerou de novo para uma viva esperança, pela ressurreição de Jesus Cristo dentre os mortos, Para uma herança incorruptível, incontaminável, e que não se pode murchar, guardada nos céus para vós, Que mediante a fé estais guardados na virtude de Deus para a salvação, já prestes para se revelar no último tempo,

Nestes versículos nos é dito que a herança é reservada para nós e estamos reservados ou mantidos para esta herança. A Bíblia diz: "Para uma herança incorruptível ...". Isso significa que não vai corromper, não vai decair. Vai durar. Ele estará lá quando chegarmos lá. Pedro continua: "Para uma herança incorruptível e incontaminável, e que não se pode murchar...".

Houve ocasiões na Terra quando os homens receberam uma grande herança; Mas quando os advogados, os tribunais e o Estado estavam concluídos, a maioria das heranças tinham se perdido. Mas aqui a Bíblia diz que nossa herança "não perde". Então ele continua: "... guardada no céu para você". Estar guardada no céu. Ninguém pode toma-la. É de quem confiou em Jesus Cristo como Salvador.

Não é apenas a herança reservada no céu para você; A Bíblia diz: "Que é mantido pelo poder de Deus pela fé para a salvação ...". A palavra "salvação" aqui denota nossa redenção final, quando somos salvos da própria presença do pecado, ou seja, quando Jesus Cristo vem por nós e nós O vemos e somos feitos exatamente como Ele.

Não, o crente não pode e não pode manter-se. Ele é mantido por Deus. João 10:28 diz: "E eu lhes dou a vida eterna, e eles nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão”. O crente está na mão de Deus. E a Bíblia diz que ninguém pode arrancá-lo da mão de Deus.

Há vários anos eu estava discutindo a segurança eterna com outro pregador. No decorrer da conversa, leio João 10:28, "... ninguém os arrebatará da minha mão".

O pregador interrompeu e disse: "Sim. Mas a Bíblia não diz que não podemos sair de Sua mão".

Eu respondi: "Não se constrói doutrina sobre o que a Bíblia não diz, mas devemos construí-la sobre o que a Bíblia diz". Eu continuei, "a Bíblia diz, “ninguém isso quer dizer “nenhuma pessoa” as arrebatará da minha mão.” Você é uma pessoa, não é?

- Sim, sim - disse ele.

"Nesse caso, você também não poderia se arrancar da mão dele mesmo que queira, porque a Bíblia diz ninguém, nenhuma pessoa, nenhum homem, nenhuma criatura.

João 6:39 diz:

“E a vontade do Pai que me enviou é esta: Que nenhum de todos aqueles que me deu se perca, mas que o ressuscite no último dia”.

É a vontade de Deus é que nenhuma pessoa salva jamais será perdida. Ele diz que "não perderá nada". E uma vez que somos pelo menos algo, isso significa que nunca mais podemos ser perdidos.

Colossenses 3: 3 diz:

“Porque já estais mortos, e a vossa vida está escondida com Cristo em Deus”.


De acordo com este versículo, o crente está sob duplo fechamento revestido.

Ouvi um velho pregador ilustrar este versículo dizendo:

"Suponha que você tivesse três barris - um barril grande, um barril de tamanho médio e um barril pequeno. Você pega o barril pequeno, e coloca no barril de tamanho médio, em seguida, coloque o médio no barril grande. Em seguida, para chegar ao pequeno barril você teria que abrir o grande e o barril de tamanho médio. Ele continuou dizendo: "Deus é o grande barril, Jesus é o barril de tamanho médio, e eu sou o barril pequeno, minha vida está escondida com Cristo em Deus". E ele gritou: "Antes que o Diabo pudesse chegar até mim, ele teria que quebrar o grande barril e o barril de tamanho médio. E antes que ele pudesse fazer isso, eu já teria fugido para Glória!"  

 

V. JESUS ​​É O SALVADOR

Ele é referido como "Salvador" pelo menos vinte e quatro vezes no Novo Testamento. Tito 2:13 diz:

Aguardando a bem-aventurada esperança e o aparecimento da glória do grande Deus e nosso Salvador Jesus Cristo;

Agora, o que é um Salvador? Suponha que você esteja se afogando. Lá você está no meio do oceano. Suponha que alguém lhe lançou um livro intitulado Três lições fáceis sobre como nadar. Será que ele seria um Salvador? Não. Talvez você possa chamá-lo de educador ou qualquer outra coisa, mas você não poderia chamá-lo de Salvador.

Suponha que outro homem veio, saiu de seu barco, pulou e foi até onde você está se afogando e demonstrou vários cursos de natação, mostrando-lhe exatamente como nadar. Será que ele seria um Salvador? Claro que não. Ele pode até ser um bom exemplo, e dar uma boa demonstração, mas ele não é um Salvador.

E se ele o colocasse no seu barco, o secasse, lhe desse roupas secas, o alimentasse, o levasse a dez milhas da costa e o jogasse de novo no oceano? Será que ele seria um Salvador? Absolutamente não!

Um Salvador é aquele que o leva com segurança até a costa. Quando Deus diz que Ele te dá vida eterna e Ele nunca te expulsará ou te perderá, Ele quer dizer isso, porque Ele é o verdadeiro Salvador.

Se você não confia em Cristo como seu Salvador, se você não colocar o seu caso em Suas mãos e totalmente depender Dele para levá-lo para o Céu, então você não vai. João 3:36 diz:

“Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida, mas a ira de Deus sobre ele permanece.”

Por outro lado, se você confia em Cristo como seu Salvador, nEle somente e nada mais, então você irá para o Céu, porque Ele é o Salvador.

Ele não é quem ensina como salvar a si mesmo; Ele é quem te salva. Lucas 19:10, diz:

 "Porque o Filho do homem veio buscar e salvar o que se havia perdido".

Não há um versículo na Bíblia que ensine que Deus coloca o crente numa posição para ser salvo, desde que ele faça outras coisas. Não há! A Bíblia diz que Ele salva o crente. Romanos 10:13 diz: "Porque todo aquele que invocar o nome do Senhor será salvo".

A SEGURANÇA ETERNA NÃO É UMA DOUTRINA TOTALMENTE SEPARADA DA SALVAÇÃO. SE VOCÊ NÃO É SALVO PARA SEMPRE, ENTÃO VOCÊ NÃO É SALVO.

VI. JESUS ​ MORREU POR TODOS

NOSSOS PECADOS

 

Muitos daqueles que acreditam que você pode perder a salvação dizem que você a perde por algum pecado que comete depois de ter sido salvo.

Alguns anos atrás eu tive uma experiência que eu não acredito que vou esquecer. Era quinta-feira à noite, e eu estava ganhando almas. Eu tinha sido convidado para fazer uma visita em um determinado endereço.

Quando bati em uma porta, fui recebido por um cordial cavalheiro. Quando entrei, vi que havia quatro outros homens presentes.

Eu tinha estado lá apenas alguns minutos quando um dos homens disseram: "Oh, você é um batista, então você acredita que uma vez salvo, salvo para sempre. “Sabia que você está errado sobre isso." Então eu entendi que os homens eram pregadores e que eu tinha sido convidado para aquela casa simplesmente para discutir sobre segurança eterna.

Eu disse: “Eu não uso a expressão 'uma vez salvo, salvo para sempre.” Mas sim eu acredito na segurança eterna do crente nascido de novo, isto é, o homem que confiou em Jesus Cristo como Salvador está seguro. Ele nunca pode perder a salvação ".

"Eles argumentaram, “Oh sim, ele pode perde a salvação.” Eu citei um número de versos, e eles citaram outros versos de volta para mim.

Depois de algum tempo eu perguntei, “Bem, se um homem poderia ser perdido depois que ele é salvo, o que ele teria que fazer para perde a salvação?"

Imediatamente um deles respondeu: "Sai para o pecado." E os outros concordaram.

Eu disse: "Tudo bem, você está dizendo que se um homem voltar ao pecado depois que ele é salvo, então ele está perdido."

- Sim. Isso mesmo - foi a resposta rápida deles.

Responda então: primeiro, você me convidou sua casa esta noite para discutir sobre segurança eterna, não é?

“Sim está certo.”

"Você sabia que a noite de quinta-feira é a noite em que eu sempre vou ganhar almas, não é?"

"Sim nós sabemos."

"Você não acha que seria bom se você tivesse me deixado ganhar almas esta noite em vez de me convidar aqui para discutir a segurança eterna?" Eles concordaram que sim. Eu continuei: "Vocês homens são pregadores. Vocês não acham que teria sido bom se vocês tivessem ido ganhar alma em vez de preparar esta reunião comigo?" Eles concordaram que teria sido bom.

Eu abri minha Bíblia para Tiago 4:17 e li: "Aquele, pois, que sabe fazer o bem e não o faz, comete..." E eu lhes pedi para lerem a última palavra. Gaguejaram um momento e citaram outros versos. Eu disse: "Não. Não. Eu quero que você me diga o que Tiago 4:17 diz, 'Ao que sabe fazer o bem, e não o faz, O que ele é? ' Finalmente, um deles disse: "Pecador".

"Então, de acordo com este versículo, você está pecando agora, porque você sabe que teria sido bom se você tivesse ido ganhar alma e se você tivesse me permitido ir em frente com minhas visitas esta noite para ganhar almas. “Todos vocês são pecadores, e de acordo com o vosso ensino, todos vocês estão perdidos.”

"Oh, não", eles disseram, "Não, não".

- Mas vocês admitiram que estão pecando.

"Oh, nós sabemos disso, mas", disse um deles, "ainda não temos pecado suficiente para perde a salvação".

Eu sorri e disse: "Pegue esta Bíblia e mostre-me onde ela ensina quanto pecado você tem que se cometer para perder a salvação". É claro que não encontraram tal verso.

A verdade é que Jesus Cristo morreu por todos os nossos pecados. Primeiro Pedro 2:24 diz: "Levando ele mesmo em seu corpo os nossos pecados sobre o madeiro...". Isaías 53: 6 diz: "mas o Senhor fez cair sobre ele a iniquidade de nós todos.” E II Coríntios 5:21 diz: “Àquele que não conheceu pecado, o fez pecado por nós; para que nele fôssemos feitos justiça de Deus”.

Todo pecado que eu cometi ou que venha a cometer foi colocado sobre Jesus há dois mil anos, e Ele morreu na cruz para pagar a minha dívida pecaminosa e sofrer pelos meus pecados.

Eu disse isso a uma senhora, e ela disse: "Eu posso entender como Ele morreu por meus pecados passados, mas eu não consigo entender como Ele morreu por meus pecados futuros que eu ainda não cometi ainda".

Eu sorri e disse: "Senhora, quando Jesus Cristo morreu, todos os seus pecados foram futuros, você ainda não tinha nascido".

"Eu acho que você está certo", disse ela.

Eu disse: "Eu sei que estou certo, a menos que você seja uma senhora muito velha".

Ela riu e disse: "Bem, eu não sou tão velha assim."

Deus Todo-Poderoso me tratou como um pecador há dois mil anos, quando Ele derramou Sua ira sobre Jesus Cristo, como Jesus levou meus pecados em Seu próprio corpo sobre o madeiro.

Depois de confiar em Jesus Cristo como Salvador, Deus nunca mais lidará com você como um pecador. Todo o Seu trato a partir desse ponto será de pai para filho.

 

VII. DEUS CASTIGA O FILHO QUE PECA

“Porque o Senhor corrige o que ama, E açoita a qualquer que recebe por filho. Se suportais a correção, Deus vos trata como filhos; porque, que filho há a quem o pai não corrija? Mas, se estais sem disciplina, da qual todos são feitos participantes, sois então bastardos, e não filhos”. Hebreus 12:6-8



Observe nesses versículos as palavras "filho" e "filhos". Note a expressão, "Deus trata com você como filho."

A partir do momento em que você confia em Jesus Cristo como seu Salvador, Deus nunca mais lidará com você como um pecador. A partir desse momento, Ele tratará você como um filho. E a Bíblia claramente diz: "Ele castiga todo filho a quem recebe". Se o crente pecar depois de ser salvo, Deus o castigará.

Às vezes, esse castigo toma a forma de enfermidade ou mesmo de morte, como no caso de I Coríntios 11:30: "Por causa disto há entre vós muitos fracos e doentes, e muitos que dormem."

Nem toda a doença é castigo. Mas em muitos casos é. A disciplina de Deus toma várias formas que eu não terei espaço para discutir neste artigo. Mas eu quero dizer neste ponto: O castigo nunca é pagamento pelo pecado. O castigo é um treinamento para um infantil. Deus pode castigá-lo. Mas Jesus Cristo pagou pelos seus pecados no Calvário há dois mil anos.

Deixe-me dar-lhe uma ilustração.

Suponha que eu diga ao meu filho:

“Filho, não jogue bola no jardim da frente. Você pode quebrar a grande janela de vidro do vizinho da frente. "

Enquanto estou em uma reunião, meu filho me desobedece, joga bola no jardim da frente e quebra a janela. Quando chego em casa, pergunto: "Filho, você quebrou aquela janela?"

“Sim, pai, foi eu.”

- Tudo bem, eu lhe disse que eu iria lhe punir se você quebrasse a janela não foi?

- Sim, senhor.

"Então eu vou ter que fazer o que eu te disse. Agora vem comigo."

Levo o meu filho para o quarto de trás e dou-lhe uma boa surra. Agora pergunto a palmada paga pela janela? 

Absolutamente não. Não Importa o quanto eu espancar o menino, ele nunca vai pagar pela janela. Quando eu terminar de castiga-lo, eu terei que ir ver quanto custa uma janela, e pagar o homem para substituir a janela do vizinho. Eu castiguei meu menino, mas eu quem paguei pela janela.

Se o crente pecar depois de ser salvo, Deus o castigará. Mas o castigo não é o pagamento pelo pecado. Jesus Cristo pagou por nossos pecados há dois mil anos quando Ele morreu na cruz.

Não há um espaço para questões hipotéticas. Eu fui perguntado uma e outra vez, "Mas e se ...?" E se ...? "Um homem me perguntou um dia:" E “se” um homem entrar em grande pecado público, e então no caminho para casa bater seu carro em um poste de telefone e morrer antes que ele tenha tempo para confessar seu pecado e acertar com Deus? Quer dizer que o homem é salvo? Eu disse: "Sim, se ele tivesse confiado em Jesus Cristo como seu Salvador, ele está salvo. Ele pode ter ido ao Céu com um rosto envergonhado, mas ele foi salvo". Devo dizer o que a Bíblia diz: "Quem crê no Filho, TEM a vida eterna".

O homem continuou: "Mas ele não teve tempo de acertar com Deus, e Deus não teve tempo de castigá-lo". Eu disse: "O que você quer dizer, 'Deus não teve tempo de castigá-lo'? Ora Ele o matou!"

1 Coríntios 5: 5 diz:

"Seja, este tal, entregue a Satanás para destruição da carne, para que o espírito seja salvo no dia do Senhor Jesus." 

A morte prematura de um crente é o último castigo.

 

Tradução e adaptação: Willams Santos

IBBF de Soledade-PB

 



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em http://BibliaLTT.org, com ou sem notas.



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ SoteriologiaESantificacao/
retorne a http://solascriptura-tt.org/)