Salvação Pelo Senhorio


(Lordship Salvation)

http://www.jesus-is-savior.com/Books,%20Tracts%20&%20Preaching/Printed%20Books/Dr%20Jack%20Hyles/Salvation/lordship_salvation.htm

Pr.
Jack Hyles, (1926-2001)

(Pastor of First Baptist Church of Hammond, Indiana, por mais de 42 anos)


Traduzido por Pr. Robert Tully (Igreja Batista Metropolitana (Independente), Maceió, pastor@batistametropolitana.com )

Hélio de Menezes acrescentou algumas explicações entre colchetes [ ];



Colossenses 2:16, 17, “Portanto, ninguém vos julgue pelo comer, ou pelo beber, ou por causa dos dias de festa, ou da lua nova, ou dos sábados, que são sombras das coisas futuras, mas o corpo é de Cristo.

O que exatamente é Salvação pelo Senhorio? É uma doutrina adotada por alguns que dizem que "é preciso receber Jesus Cristo como Salvador e também [simultânea e plenamente, recebê-Lo como] Senhor, para se ser salvo". [Mas] uma análise cuidadosa desta doutrina mostrará que ela não é nada mais do que SALVAÇÃO POR OBRAS mostrando sua cara feia. Essa doutrina acrescenta, à "salvação pela fé, e apenas fé", algo que o homem precisa fazer, e isso é [diariamente ter ["sufiente"] sucesso em] fazer de Jesus o Senhor de sua vida.

Aqueles que adotam esta doutrina muitas vezes começam fazendo isso por bons motivos. Eles estão cansados de um cristianismo precário e vidas cristãs superficiais. Eles se encontram com outros que concordam com eles, e nesse companheirismo em lamentação causada pelo desapontamento ao examinar a vida do povo de Deus, suas lamentações se tornam doutrina. Eles não percebem que estão acrescentando obras à salvação. Eles adotam clichês espirituais tais como "se Cristo não é [constantemente evidenciado como] o [absoluto] Senhor de todos [os aspectos e segundos e centímetros de sua vida], Ele não será Senhor de nada". Em seguida vão adotar outros pequenos clichês como: "Não colha frutas verdes", “fé facilitada", etc. O desapontamento (e muitas vezes nojo) que sentem da superficialidade de muitos cristãos leva-os a ir tão longe em seu desdém que eles acabam ensinando heresia.
Eles gostam de falar sobre o retorno ao cristianismo do Novo Testamento. Bem, a verdade é que as pessoas não mudaram desde o Novo Testamento. Havia cristãos superficiais naquela época assim como temos hoje.
Por exemplo, olhe para I Coríntios 3:1-4, "E eu, irmãos, não vos pude falar como a espirituais, mas como a CARNAIS, como a MENINOS EM CRISTO. Com leite vos criei, e não com carne, porque ainda não podíeis, nem tampouco ainda agora podeis, Porque ainda sois CARNAIS; pois, havendo entre vós inveja, contendas e dissensões, não sois porventura CARNAIS, e não andais segundo os homens? Porque, dizendo um: Eu sou de Paulo; e outro: Eu de Apolo; porventura não sois CARNAIS?” Aqui temos menção de cristãos carnais. Jesus certamente não era o Senhor de suas vidas. No entanto, eles são chamados bebês dentro de Cristo [se estão dentro de Cristo, são salvos!].

I Coríntios 5: 1-5, "Geralmente se ouve que há entre vós FORNICAÇÃO, e fornicação tal, que nem ainda entre os gentios se nomeia, como é haver quem possua a mulher de seu pai. Estais ensoberbecidos, e nem ao menos vos entristecestes por não ter sido dentre vós tirado quem cometeu tal ação. Eu, na verdade, ainda que ausente no corpo, mas presente no espírito, já determinei, como se estivesse presente, que o que tal ato praticou, Em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, juntos vós e o meu espírito, pelo poder de nosso Senhor Jesus Cristo, Seja, este tal, entregue a Satanás para destruição da carne, para que o espírito seja salvo no dia do Senhor Jesus." Aqui está um membro da igreja, e o Senhor disse que o seu espírito seria salvo no dia do juízo. Que testemunho trágico! Ele, como Ananias, Safira e outros, tinham cometido o pecado para morte. Certamente Cristo não era o Senhor de sua vida.
 
II Tessalonicenses 3: 6,14,15 - “Mandamo-vos, porém, irmãos, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, que vos aparteis de todo o IRMÃO que anda desordenadamente, e não segundo a tradição que de nós recebeu.” “Mas, se alguém não obedecer à nossa palavra por esta carta, notai o tal, e não vos mistureis com ele, para que se envergonhe. Todavia não o tenhais como inimigo, mas admoestai-o como IRMÃO.”
 
- Jesus era o Senhor da vida de quando este estava em Sodoma? Claro que não, mas Deus o chamou de "justo". Isso não significa que ele era justo em seu comportamento, mas ele era justo em sua POSIÇÃO diante de Deus, porque ele era um crente.
- Jesus foi o Senhor da vida de Davi quando este pecou?
- Jesus foi o Senhor da vida de PEDRO quando este negou o Senhor, negou a fé e negou a igreja?
- Jesus foi o Senhor da vida de ABRAÃO quando este fugiu para o Egito por causa da falta de fé?
- Jesus foi o Senhor da vida de MOISES quando este perdeu sua entrada na Terra Prometida por causa de seu pecado de golpear a rocha duas vezes?
- Jesus foi o Senhor da vida de JACÓ quando este esteve em Harã todos aqueles anos?
 
Na realidade há uma doutrina chamada o SENHORIO DE CRISTO, e a Bíblia está cheia de advertências, argumentos e exortações para que OS [que já são] FILHOS DE DEUS cedam ao Senhorio Dele.
Romanos 12: 1 “Rogo-vos, pois, IRMÃOS, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.
Romanos 6-12, 13: "Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas concupiscências; nem tampouco apresenteis os vossos membros ao pecado por instrumentos de iniqüidade; mas apresentai-vos a Deus, como vivos dentre mortos, e os vossos membros a Deus, como instrumentos de justiça.”
Gálatas 5:16: “Digo, porém: Andai em Espírito, e não cumprireis a concupiscência da carne.
Gálatas 6: 10-17, "Então, enquanto temos tempo, façamos bem a todos, mas principalmente aos domésticos da fé. Vede com que grandes letras vos escrevi por minha mão. Todos os que querem mostrar boa aparência na carne, esses vos obrigam a circuncidar-vos, somente para não serem perseguidos por causa da cruz de Cristo.  Porque nem ainda esses mesmos que se circuncidam guardam a lei, mas querem que vos circuncideis, para se gloriarem na vossa carne. Mas longe esteja de mim gloriar-me, a não ser na cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, pela qual o mundo está crucificado para mim e eu para o mundo. Porque em Cristo Jesus nem a circuncisão, nem a incircuncisão tem virtude alguma, mas sim o ser uma nova criatura. E a todos quantos andarem conforme esta regra, paz e misericórdia sobre eles e sobre o Israel de Deus. 17 Desde agora ninguém me inquiete; porque trago no meu corpo as marcas do Senhor Jesus.”


A admoestação
[da Bíblia] aos não salvos é para que eles [creiam biblicamente e] recebam Cristo como SALVADOR.
A admoestação
[da Bíblia] àqueles que já [creram biblicamente e] receberam Cristo como Salvador é que O recebam como SENHOR.


Agora, aqui estão algumas observações sobre a Salvação pelo Senhorio.
 
1. Em última análise, a Salvação pelo Senhorio é a salvação pelas obras, que está em contraste direto com o ensino das Escrituras.
Tito 3:5: “Não pelas obras de justiça que houvéssemos feito, mas segundo a sua misericórdia, nos salvou pela lavagem da regeneração e da renovação do Espírito Santo,” .
Romanos 3:28, “Concluímos, pois, que o homem é justificado pela fé sem as obras da lei.”
 Romanos 4:2, “Porque, se Abraão foi justificado pelas obras, tem de que se gloriar, mas não diante de Deus.”
Efésios 2: 8,9 “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;”.
Romanos 4-5 “Mas, àquele que não pratica, mas crê naquele que justifica o ímpio, a sua fé lhe é imputada como justiça.”

 
2. Se alguém precisa aceitar Cristo como Senhor de sua vida para ser salvo, necessariamente remove-se o crescimento na graça. Se [todos] os [verdadeiros] salvos já entregaram suas vidas a Cristo como Senhor na salvação, então não haveriam bebês em Cristo ... Mas a simples verdade é que há, sim, bebês em Cristo.
I Coríntios 3: 1,E eu, irmãos, não vos pude falar como a espirituais, mas como a carnais, como a meninos em Cristo.”
I Pedro 2: 2: “Desejai afetuosamente, como meninos novamente nascidos, o leite racional, não falsificado, para que por ele vades crescendo;”

3. Para que adotarmos a [doutrina da] Salvação pelo Senhorio precisaríamos também adotar a doutrina da PERDA DA SALVAÇÃO. Se alguém precisa fazer de Jesus o seu Senhor para ser salvo, então quando ele voltar atrás a uma posição aonde Jesus não é mais seu Senhor, a lógica do argumento da Salvação pelo Senhorio nos levaria a crer que ele não é mais salvo.
Isso nos faria duvidar:
- da salvação de Pedro, quando ele negou o Senhor;
- da salvação de Barnabé, quando teve contenção com Paulo; e
- da salvação de Jonas, quando deixou a vontade de Deus;
etc.

 
4. O Salvação pelo Senhorio não faz provisão de [não admite a existência de] o cristão carnal. Nenhum de nós tem prazer na carnalidade de um cristão, mas o fato é que a Bíblia ensina que existem tais pessoa. Em I Coríntios 3:1 temos o cristão carnal e o cristão espiritual. "E EU, irmãos, não vos pude falar como a espirituais, mas como a CARNAIS, como a meninos em Cristo.” [Se estão em Cristo, são salvos.] O mundo é dividido entre salvos e perdidos. Os salvos são divididos entre carnais e espirituais. Não me agrada que existam cristãos carnais, mas devo aceitar o fato de que eles existem.
 
5. A Salvação pelo Senhorio remove a graça e anula os versículos mais simples da Bíblia a respeito da salvação.
João 3:15, “Para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”
João 3:16 “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”
João 3:36 “Aquele que crê no Filho tem a vida eterna; mas aquele que não crê no Filho não verá a vida, mas a ira de Deus sobre ele permanece.”
João 5:24: “Na verdade, na verdade vos digo que quem ouve a minha palavra, e crê naquele que me enviou, TEM a vida ETERNA, e NÃO entrará em condenação, mas passou da morte para a vida.
João 1: 11,12, “Veio para o que era seu, e os seus não o receberam. Mas, a todos quantos o receberam, deu-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome;”
Efésios 2: 8, 9: “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Não vem das obras, para que ninguém se glorie;”.

Todos esses versículos claramente nos dizem que a salvação vem de crer; ou seja é pela na obra consumada no Calvário.
 
6. A salvação é por receber, não por dar.
João 1:12, “Mas, a todos quantos o receberam, DEU-lhes o poder de serem feitos filhos de Deus, aos que crêem no seu nome” . Na salvação Deus é Quem está dando, não o homem. O homem recebe. Deus dá Seu Filho.
João 3:16: “Porque Deus amou o mundo de tal maneira que deu o seu Filho unigênito, para que todo aquele que nele crê não pereça, mas tenha a vida eterna.”. Deus a vida eterna.
João 10:28, “E dou-lhes a vida eterna, e nunca hão de perecer, e ninguém as arrebatará da minha mão”. Deus nos dá todas as coisas [nos salva pela graça, e pela graça, unilateralmente nos preserva salvos].
Romanos 8:32: “Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como nos não dará também com ele todas as coisas?”
Para ser crente, alguém aceita o que Deus deu. Para ser um discípulo aceita que é preciso ele dar.
A salvação vem do sacrifício de Cristo. O discipulado vem do sacrifício do indivíduo.
A salvação depende da fidelidade de Deus. Discipulado depende da minha fidelidade.
Portanto, a salvação não pode ser perdida. Discipulado, sim, pode ser perdido.
 
Ocasionalmente, alguém dirá: "Você pode ser salvo se 'der seu coração' a Jesus". Agora, eu acho que as pessoas que usam esta declaração são sinceras, e muitas foram salvas em resposta a Seu apelo, mas tecnicamente alguém é salvo, não porque ele 'dá seu coração' a Jesus; alguém é salvo porque [crê biblicamente e] recebe Jesus e Seu dom gratuito da vida eterna.

7. A Salvação pelo Senhorio faz da salvação um comércio ou um acordo ou talvez até mesmo um suborno. Isso removeria a simples aceitação de Cristo para a vida eterna e se tornaria em Deus nos dando algo se lhe dermos alguma coisa em troca. Em efeito, Deus nos diria: "Dai-me algo, e eu vos darei algo, negociaremos, e sereis salvos". A salvação não consiste em eu dr algo a Deus e Deus [em retribuição] me dando algo; salvação é Deus me dando algo e eu [simplesmente] recebendo. Romanos 6:23 “Porque o salário do pecado é a morte, mas o dom gratuito de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus nosso Senhor”.



A fim de compreender o senhorio de Cristo, vamos observar o seguinte:
 
1. O homem não salvo está na carne e o pecado está nele.
 
2. Ele recebe a Cristo. Cristo entra nele. Colossenses 1:27: “Aos quais Deus quis fazer conhecer quais são as riquezas da glória deste mistério entre os gentios, que é Cristo EM vós, esperança da glória”.
 
3. Quando Cristo entra, o velho homem não sai. Embora Cristo esteja nele, a velha natureza também está.
Romanos 7: 15-17, “Porque o que faço não o aprovo; pois o que quero isso não faço, mas o que aborreço isso faço. E, se faço o que não quero, consinto com a lei, que é boa. De maneira que agora já não sou eu que faço isto, mas o pecado que habita em mim.” Há o homem novo e há o velho, [ambos] dentro do crente.
Romanos 7:22, 23: "Porque, segundo o homem interior, tenho prazer na lei de Deus; Mas vejo nos meus membros outra lei, que batalha contra a lei do meu entendimento, e me prende debaixo da lei do pecado que está nos meus membros.”
 
4. O novo homem precisa de um novo ambiente. Por isso, ele está EM Cristo.
2 Coríntios 5:17, "Assim que, se alguém [está] EM Cristo, nova criatura [é]; as [coisas] velhas [já] passaram; eis que tudo se fez novo."
Efésios 2:6, “E nos ressuscitou juntamente com ele e nos fez assentar nos lugares celestiais, EM Cristo Jesus;”

O termo "em Cristo" ou seu equivalente é mencionado mais de 130 vezes no Novo Testamento.
 
5. Agora que estou em Cristo, muitas coisas me são disponibilizadas.
Efésios 1: 3: “Bendito o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o qual nos abençoou com todas as bênçãos espirituais nos lugares celestiais em Cristo;” .
I Coríntios 3:21 “Portanto, ninguém se glorie nos homens; porque tudo é vosso;” .
Romanos 8:32: “Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como nos não dará também com ele todas as coisas?”

 
6. Embora estas coisas estejam disponíveis para mim, elas não são forçadas sobre mim, embora eu conviva com elas.
Notem que eu já estou em Cristo, e agora que estou nEle, essas coisas [abaixo listadas] estão disponíveis para mim, mas eu preciso escolher tê-las.

Uma dessas coisas é a comunhão com Deus.
Efésios 2:13, "Mas agora em Cristo Jesus, vós, que antes estáveis longe, já pelo sangue de Cristo chegastes perto.”

Outra é um andar no Espírito.
I João 2: 6, "Aquele que diz que está nele, também deve andar como ele andou.”

Outra é Sua aprovação.
Romanos 16:10 “Saudai a Apeles, aprovado em Cristo. Saudai aos da família de Aristóbulo.”

Outra é o crescimento espiritual.
Colossenses 2: 7, “Arraigados e edificados nele, e confirmados na fé, assim como fostes ensinados, nela abundando em ação de graças.” .

Outra é a maturidade espiritual
Colossenses 1:28, “A quem anunciamos, admoestando a todo o homem, e ensinando a todo o homem em toda a sabedoria; para que apresentemos todo o homem perfeito em Jesus Cristo;”

Outra é a santificação [progressiva].
I Coríntios 1:2, “À igreja de Deus que está em Corinto, aos santificados em Cristo Jesus, convidados- ordenados [para serem] santos, com todos os que em todo o lugar invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso:” (King James Bible, traduzida)

[2Co 3:18 Mas todos nós, com rosto descoberto, refletindo como um espelho a glória do Senhor, somos transformados de glória em glória na mesma imagem, como pelo Espírito do Senhor.

Cl 3:10 E vos vestistes do novo, que se renova para o conhecimento, segundo a imagem daquele que o criou;

Fp 3:12 Não que já a tenha alcançado, ou que seja perfeito; mas prossigo para alcançar aquilo para o que fui também preso por Cristo Jesus.

]


Todas essas coisas estão disponíveis para o CRENTE. Todos estão à sua disposição, visto que que nenhuma estavam antes que viesse a Cristo. Quando alguém se torna uma nova criatura e entrou em Cristo, estas e muitas outras coisas foram colocadas à sua disposição. Ora, na medida que alguém se aproveita dessas coisas que estão à sua disposição, Cristo é o seu Senhor. Naturalmente, o bebê cristão não aproveitar-se-á de todas as coisas que estão ao seu dispor mais do que o bebê em casa não aproveitará da máquina de lavar ou do carro da família. No entanto, à medida que aproveitamos cada vez mais as coisas que Cristo fez por nós, crescemos em graça e Jesus torna-se mais o Senhor de nossas vidas.
 
Talvez o maior cristão que já viveu foi o apóstolo Paulo. Ao falar de si mesmo, ele disse: "miserável homem que eu sou." Ele se chamava “principal" dos pecadores. Ele disse que as coisas que ele queria fazer, ele não fazia, e as coisas que ele não queria fazer, ele fazia. Provavelmente Jesus era mais Senhor da vida de Paulo do que qualquer outra pessoa que já viveu, mas o próprio Paulo disse que ele ainda não tinha chegado ao ponto em que o Senhor era de fato [real, plenamente] o senhor da vida dele.
 
Em conclusão, observe a vaidade e o orgulho no testemunho de alguém que crê que sua salvação é pelo Senhorio.

- Ele está dizendo: "Eu [estou em posição superior à sua, pois] eu fiz de Jesus meu Senhor". Com isso ele quer dizer que Jesus controla [toda] a sua vida e ele é totalmente rendido a Ele. Mas que declaração para uma pessoa fazer sobre si mesmo!
- Por outro lado, observe a humildade no testemunho da pessoa que diz: "Eu sou salvo [apenas] porque [cri e] recebi Cristo como meu Salvador". Ele está falando de uma salvação que ele não merecia. Ele não fez nada para receber a tal [salvação], exceto [biblicamente crer e] receber ao Salvador.

[Sua salvação] foi um PRESENTE [nada mais e nada menos que um presente maravilhoso e de valor infinito, mas gratuitamente dado, sem condições adicionais, sem exigências adicionais, ser "cordões sutilmente amarrados"] Considerando que, se é preciso dar algo a Deus para obter algo em troca, ele e Deus fizeram uma TRANSAÇÃO [COMERCIAL] e sua salvação é MERECIDA.




Pr. Jack Hyles, (1926-2001)

(Pastor of First Baptist Church of Hammond, Indiana por mais de 42 anos)


Traduzido por Pr. Robert Tully (Igreja Batista Metropolitana (Independente), pastor@batistametropolitana.com

Hélio de Menezes acrescentou algumas explicações entre colchetes [ ];





Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em http://BibliaLTT.org, com ou sem notas.



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)


(retorne a http://solascriptura-tt.org/ SoteriologiaESantificacao/
retorne a http://solascriptura-tt.org/)