O Que Significa Ser Um Sacrifício Vivo?


http://GotQuestions.org




Em Romanos 12:1, Paulo diz:
“ROGO-VOS, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional.” (Rm 12:1 ACF). A admoestação de Paulo para
os crentes em Roma foi a de se oferecerem em sacrifício a Deus, não como um sacrifício no altar (tal como a Lei Mosaica exigia ser o sacrifício de
animais), mas como um sacrifício vivo.
O dicionário define sacrifício como "Qualquer coisa consagrada e oferecida a Deus."
Como crentes, perguntamo-nos como é que nós nos consagramos e oferecemos a Deus como sacrifício vivo?


Sob a Velha Aliança, Deus aceitou o sacrifício de animais. Mas estes foram apenas uma sombra prenunciadora [e apontando] para o sacrifício do Cordeiro de Deus, Jesus Cristo. Por causa do Seu sacrifício perfeitamente completo e final, de uma só vez para sempre tendo Ele sido sacrificado [e morrido em nosso lugar e em nosso favor] sobre a cruz, então os sacrifícios do Antigo Testamento tornaram-se obsoletos e não mais têm nenhum efeito [ou serventia] (Hebreus 9:11-12). Para nós, os que estamos em Cristo pela Sua graça através de fé salvadora, a única adoração aceitável é esta: ilimitadamente [e diariamente] oferecermos nós mesmos ao Senhor [tudo de nós, sem nenhuma reserva]. Sob o controle de Deus, o corpo ainda não resgatado do crente pode e tem que ser cedido, entregue a Ele como um instrumento de justiça (Romanos 6:12-13; 8:11-13). Tendo em conta o perfeitamente completo e final sacrifício de Jesus por nós, isso é a única coisa "razoável" [que podemos fazer].

Como um sacrifício vivo pode ser percebido, no sentido prático? O versículo (Romanos 12:2) que se segue [ao versículo iniciador deste estudo] nos ajuda a compreender: Somos um sacrifício a Deus ao não nos conformarmos com este mundo.
O mundo é definida para nós em 1João 2:15-16 como
“a concupiscência da carne, a concupiscência da dos olhos, e a soberba da vida.” Tudo o que o mundo tem a oferecer pode ser reduzido a essas três coisas.

A concupiscência da carne envolve tudo que apela aos nossos apetites [físicos] e inclui excessivo desejo por [um ou muitos] alimentos, por bebida [mesmo não alcoólica], por sexo, e por qualquer outra coisa que satisfaça [uma ou muitas] necessidades físicas.

A concupiscência dos olhos inclui principalmente a cobiça do materialismo, cobiçando [,fortemente desejando] [uma ou muitas] coisas que vemos que não temos, e invejando aquelas pessoas que têm o que tanto desejamos [mas não temos nada ou não temos tanto quanto queremos].

A soberba da vida é definida por qualquer ambição pelo que faz inchar o nosso ego ou nos coloca como superiores a algumas pessoas, nas nossas próprias vidas.

Como podem os crentes NÃO se conformarem com o mundo? Por serem
"transformados pela renovação do vosso entendimento." (Rm 12:2)
Fazemos isso principalmente através do poder da Palavra de Deus para nos transformar.
Precisamos
   ouvir (Romanos 10:17),
   ler (Apocalipse 1:3),
   estudar (Atos 17:11),
   memorizar (Salmo 119:9-11),
   e meditar (Salmo 1:2-3) a Escritura.
A Palavra de Deus, ministrada nos nossos corações pelo Espírito Santo, é o único poder na Terra que pode nos transformar
das coisas do mundo para a verdadeira espiritualidade. Na verdade, é tudo que precisamos para sermos feitos
"perfeitos e perfeitamente habilitados para toda boa obra" (2 Timóteo 3:16, ACF). O resultado é que seremos capazes de experimentar "... qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus." (Romanos 12:2 b).
É a vontade de Deus para cada crente que ele seja um sacrifício vivo para Jesus Cristo.



Traduzido por Valdenira N.M.S., Nov. 2010.

“11 Mas, vindo Cristo, o sumo sacerdote dos bens futuros, por um maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos, isto é, não desta criação, 12 Nem por sangue de bodes e bezerros, mas por seu próprio sangue, entrou uma vez no santuário, havendo efetuado uma eterna redenção.” (Hb 9:11-12 ACF)

“11 Mas, havendo vindo o Cristo, o sumo sacerdote das boas coisas que estão vindo, através do maior e mais perfeito tabernáculo, não feito por mãos (isto é, não desta criação), 12 Nem através do sangue de bodes e bezerros mas através do Seu próprio sangue, de uma vez por todas entrou para os santos lugares (celestiais), havendo obtido uma eterna redenção para nós.” (Hb 9:11-12 LTT)

“12 Não reine, portanto, o pecado em vosso corpo mortal, para lhe obedecerdes em suas concupiscências; 13 Nem tampouco apresenteis os vossos membros ao pecado por instrumentos de iniqüidade; mas apresentai-vos a Deus, como vivos dentre mortos, e os vossos membros a Deus, como instrumentos de justiça.” (Rm 6:12-13 ACF)

 “11 E, se o Espírito daquele que dentre os mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dentre os mortos ressuscitou a Cristo também vivificará os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito que em vós habita. 12 De maneira que, irmãos, somos devedores, não à carne para viver segundo a carne. 13 Porque, se viverdes segundo a carne, morrereis; mas, se pelo Espírito mortificardes as obras do corpo, vivereis.” (Rm 8:11-13 ACF)

“E não sede conformados com este mundo, mas sede transformados pela renovação do vosso entendimento, para que experimenteis qual seja a boa, agradável, e perfeita vontade de Deus.” (Rm 12:2 ACF)

“15 Não ameis o mundo, nem o que no mundo há. Se alguém ama o mundo, o amor do Pai não está nele. 16 Porque tudo o que há no mundo, a concupiscência da carne, a concupiscência dos olhos e a soberba da vida, não é do Pai, mas do mundo.” (1Jo 2:15-16 ACF)

“De sorte que a fé é pelo ouvir, e o ouvir pela palavra de Deus.” (Rm 10:17 ACF)

 “Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.” (Ap 1:3 ACF)

 “Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim.” (At 17:11 ACF)

 “9 ¶ Com que purificará o jovem o seu caminho? Observando-o conforme a tua palavra. 10 ¶ Com todo o meu coração te busquei; não me deixes desviar dos teus mandamentos. 11 ¶ Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti.” (Sl 119:9-11 ACF)

 “2 Antes tem o seu prazer na lei do SENHOR, e na sua lei medita de dia e de noite. 3 Pois será como a árvore plantada junto a ribeiros de águas, a qual dá o seu fruto no seu tempo; as suas folhas não cairão, e tudo quanto fizer prosperará.” (Sl 1:2-3 ACF)

 




Todas as citações bíblicas são da ACF (Almeida Corrigida Fiel, da SBTB). As ACF e ARC (ARC idealmente até 1894, no máximo até a edição IBB-1948, não a SBB-1995) são as únicas Bíblias impressas que o crente deve usar, pois são boas herdeiras da Bíblia da Reforma (Almeida 1681/1753), fielmente traduzida somente da Palavra de Deus infalivelmente preservada (e finalmente impressa, na Reforma, como o Textus Receptus).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)



(retorne a http://solascriptura-tt.org/VidaDosCrentes/ ComDeus/

(retorne a http://solascriptura-tt.org/ VidaDosCrentes/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )