A Tragédia de uma VIDA DESPERDIÇADA

(The tragedy of a wasted life)

Paul J. Levin
Traduzido por Valdenira N. M. S., 2001



. . .

Rogo-vos, pois, irmãos, pela compaixão de Deus, que apresenteis os vossos corpos em sacrifício vivo, santo e agradável a Deus, que é o vosso culto racional. (Romanos 12:1)

Um triste, velho senhor, morrendo de câncer, contou a um pastor esta história trágica:

"Anos atrás, na Suécia, Deus me chamou para pregar - e para isso concordei, SE Ele me ajudasse a vender a minha fazenda. 
No dia seguinte, um senhor veio e me fez uma oferta, mas eu hesitei, dizendo que ele deveria voltar amanhã.

"Depois de orar, eu prometi a Deus que seria um pregador SE o comprador da fazenda concordasse em tomar a minha responsabilidade como o superintendente da Escola Dominical. O homem disse, 'É exatamente a chance que tenho querido.' Ele me pagou pela fazenda, mas ao invés de eu usar o dinheiro para me preparar para o ministério, mudei-me [com minha família] para os Estados Unidos da América.

"No meu primeiro ano na América: Minha esposa morreu, me deixando com cinco crianças; Logo depois disso, minha filha mais velha morreu; Mas eu ainda não me rendi à vontade de Deus; eu pregava de vez em quando, mas não obedeci Deus no meu tempo integral; perdi um bom negócio, precisei declarar falência e precisei sair da comunidade. 

"Então, entrei no negócio de ferramentas e prosperei por um tempo. Mas um dos meus próprios filhos, que me ajudava  no trabalho, começou um roubo sistemática da caixa. Mais uma vez eu fui forçado a declarar a falência do negócio.

"Estas coisas não ocorreram acidentalmente. Sei que foram a mão de Deus. Agora estou morrendo de câncer - e tenho somente três meses mais de viver." Em prantos, ele disse, "Eu sei que sou salvo, mas (oh a perda!) em breve serei levado à presença de Deus para prestar contas de uma vida inteira de desobediência."



Que tragédia! Tempo, talentos, tesouro e testemunho desperdiçados eternamente. Ele poderia ter sido o 'Moody' da Suécia.

1. TEMPO DESPERDIÇADO. 

Pense em quantos anos este homem desperdiçou! [Quase toda uma vida! Quase totalmente!]

Tempo perdido é tempo perdido eternamente. A vida é curta demais para ser gastada egoisticamente. Não importa quanto tempo tu vives, mas [sim] como tu vives este tempo. Isto é o que realmente importa e conta, no final [de tudo]. 

David Brainerd, o grande missionário para os índios americanos (agora chamados de 'as primeiras nações'), morreu quando somente fez 29 anos de vida. Mas a total entrega da vida dele para fazer a vontade de Deus; o peso no coração que sentia pelas almas dos homens; suas horas de agonia em oração intercessora, nos desafiam até hoje. Ele realizou tanto durante sua vida curta, porque não viveu para si mesmo, "mas para Aquele que por eles morreu e ressuscitou." (2 Coríntios 5:15)

O amor de Cristo compeliu Brainerd a seguir os passos de seu Mestre, o qual sempre podia dizer "E aquele que me enviou está comigo. O Pai não me tem deixado só, porque eu faço sempre o que lhe agrada." (João 8:29). No tribunal de julgamento por Cristo, todos nós vamos ter que prestar contas pelo precioso tempo que gastamos em rebelião contra a vontade de Deus. 


2. TALENTOS DESPERDIÇADOS

O que conta não é o número [nem a intensidade] de talentos que tu possuis, mas como os usas. Tu podes usá-los de modo vergonhosamente pecador, tolamente os deixando morrer [de desnutrição] debaixo da pilha de lixo das coisas pequenas e até mesquinhas que devoram e destroem seu tempo valioso e sua atenção; Ou tu podes sabiamente os desenvolver para a glória e serviço de Deus. "E, quanto fizerdes por palavras ou por obras, fazei tudo em nome do Senhor Jesus, dando por ele graças a Deus Pai. (Colossenses 3:17)". Que direito tu tens de usar mal os talentos, dons, habilidades e dádivas de Deus, ao invés de usá-los para produzir fruto e testemunho para o teu Senhor? 

3. TESOURO DESPERDIÇADO

Submissão total inclui a carteira e o talão de cheques. Deus entregou e confiou contigo o dinheiro para que tu possas conhecer a alegria de usar ele para aumentar a rapidez do Evangelho chegar até o pagão, evangelizar mundialmente pela página escrita, ajudar pregadores e outros obreiros cristão lutando na batalha, aliviar santos sofrendo na pobreza e carência, e em muitas outras maneiras ajudar e apoiar a obra de Deus. A alma liberal desfrute a exultação e alegria que a pessoa religiosa, que aja como alguém com a mão de vaca e super fechada, nunca conhecerá. Se todos os filhos de Deus colocassem seus tesouros nos pés machucados do seu Senhor vivo, cada fase da obra do Evangelho prosperaria sem mendigar, suplicar, tentar levantar os fundos que freqüentemente marcam e caracterizem a obra Cristã hoje em dia.

4. ENTREGA A TI MESMO, A DEUS

O que estás fazendo com teu tempo, talentos, e tesouro? Queres que Deus abençoe tua vida e use teu testemunho? Então encorajo-te: Dobra teus joelhos e encurva-te diante dEle, agora, e diz: "Querido Senhor Jesus, eu te agradeço por Te teres dado a Ti mesmo, por e para mim. Sei que estás vivo dentre os mortos, e exaltado como Senhor de todas as coisas. Aqui e agora, na melhor maneira que conheço, eu me submeto, de todo o meu ser, sem hesitação ou reservas, de uma vez para sempre, totalmente a Ti.  Faz com minha vida o Teu bem-querer, agora e para sempre. Pela Tua graça, irei onde Tu dirigiste, farei o que Tu mandaste, e serei o que Tu escolheste. Farei a Tua vontade [exatamente] como Tu revelaste, para a Tua glória."




(retorne à página ÍNDICE de www.solascriptura-tt.org/VidaDosCrentes/ComDeus)