Baterias, ou Não?
Instrumentos, ou Não?
Todo Tipo de Música, ou Não?


Posição de Hélio, Resumo:





Freqüentemente, em belicoso e provocador tom, me é perguntado o equivalente a

“Sr. Hélio, há, em seu site solascriptura-tt.org, artigos de alguns autores com posição um pouquinho diferente de outros autores, sobre música, por isso exijo que o senhor tenha coragem e responda com todas as letras, toda franqueza, Sr. Hélio: Afinal de contas, qual é mesmo a sua posição sobre a música no culto ao Senhor? Mais detalhadamente:

- Quanto às BATERIAS de tambores e quanto outros instrumentos exclusivamente de percussão: você acha que, para se agradar totalmente ao Senhor Deus, ao máximo, nenhum deles pode ser usado, jamais? Ou alguns (quais) deles podem ser usados em certas ocasiões (quais?) e de certas maneiras (quais)?
- Quanto aos INSTRUMENTOS DE MELODIA E HARMONIA: você acha que, para se agradar totalmente ao Senhor Deus, ao máximo, nenhum deles pode ser usado, jamais? Ou alguns (quais) deles podem ser usados em certas ocasiões (quais?) e de certas maneiras (quais)?
- Quanto ao RITMO E ESTILO de música: você acha que, para se agradar totalmente ao Senhor Deus, ao máximo, somente a marcha militar e a valsa sem malícia podem ser usados? Ou alguns (quais) outros das centenas de ritmos e estilos podem ser usados em certas ocasiões (quais?) e de certas maneiras (quais)?”






Eu preparei a seguinte resposta resumo:

1) Grupos só (ou fortemente) de percussão (semelhantes a Olundum) não têm a menor possibilidade de tocar algo com um mínimo de espiritualidade, de nisto estar sob o controle do Espírito Santo do Deus Santo.

2) Teoricamente, algumas raras pessoas poderiam tocar pratos ou um bombão, em um breve momento de raras músicas, e o resultado ainda seria não carnal. Mas, na atual situação, ao menos para evitarmos riscos e progressão e a aparência do mal, é melhor evitarmos totalmente baterias, cuícas, reco-recos, chocalhos, pandeiros, tambores, berimbaus, baixos, guitarras elétricas, e muitos outros instrumentos associados com o mal; é melhor evitarmos ser identificados com a carnal escória Gospel, que não dá frutos de real salvação ao teimarem em adotar (mesmo ferindo consciências mais sensíveis, eles não dão a mínima para isso) ritmos e estilos fortemente identificados com o Diabo, a carne, o paganismo, o vodu, etc. De (1) e (2) podemos concluir que hoje é indispensável que tais instrumentos citados, associados com o mal, completamente inexistam nas boas igrejas;

3) Mas isto não é suficiente, pois pode ser tocada música carnal somente com piano (Ray Charles, etc.), ou somente com órgão, ou somente com qualquer instrumento aceito pelas melhores igrejas de antes do século XX, ou mesmo somente à capela! É indispensável também evitarmos os ritmos sincopados (até mesmo à capela), os ritmos capazes de ser dançados, os ritmos que estimulam a sexualidade e volúpia da carne.
Como eu tenho pouco conhecimento da música ao redor do mundo, só consigo me lembrar de dois ritmos que nunca fazem isto: a marcha militar (“Já refulge a glória eterna de Jesus o Rei dos reis, ..”.) em ritmo majestoso e solene e digno (quer alegre e triunfal, quer mais sereno), e as valsas no estilo alegre ou solene de Strauss e Souza (“Oh, Mestre, o mar se revolta, as ondas nos dão pavor ...”). Mas talvez haja muitos outros ritmos e estilos tão bons, ao redor do mundo. Só sei que não presta nenhum ritmo que, direta ou indiretamente, veio das pagãs tribos africanas ou ameríndias ou orientais, algumas são danças de preparativos sexuais, outras de adoração a demônios. Jazz, samba, rock de todas as nuances, blues, rumba, mambo, merengue, calipso, maxixe, chorinho, baião, aché, lambada, forró, frevo, etc.
Além disso, o canto deve ser “reto”, “plain”, “simples”, sem certos truques tais como “sculpting” ou “sliding” (esculpindo ou deslizando) com a voz.

4) Eu não teria problemas se tivesse que viver numa igreja batista super-fundamentalista que só cantasse (sem instrumentos) belos hinos antigos do cantor cristão e outros hinários antigos, tudo à capela.

5) Mas, após examinar centenas de artigos e livros sobre o assunto e até mesmo escrever alguns deles e traduzir outros, eu continuo tendendo à posição de que não é segura a aplicação de João 4:23 à questão da música e dos instrumentos, pois de modo nenhum isto é garantido pelo contexto. Ora, o que é permitido no Velho Testamento e não é clara e indisputadamente proibido no Novo Testamento, deve ser considerado ainda permitido. Por tudo isso, continuo acreditando que música realmente sacra e tocada à capela é bom e aceitável, mas que também há um bom modo e um bom estilo de tocar boas músicas sacras em bons instrumentos, conforme os princípios que podem ser vistos nos muitos artigos em http://solascriptura-tt.org/LiturgiaMusicaLouvorCulto/  ,
particularmente em “A Musica Santa Na Igreja - Helio”, e em “Musica - Distinguindo os Estilos Sacro E Contemporaneo -- DCloud”, e em “Como Conhecer o Tipo Certo de Música -- Alan Ives.


Minha posição, quanto a música em si (afora letra de perfeita doutrina, compositor e cantor de excelentes testemunhos), é:

Música SANTA que indisputadamente vem do Espírito SANTO; “reta”; quer serena ou jubilosa, mas não sensual nem dançável; e sem baterias e sincopados; sem “sculpting” / “sliding” com a voz; sem instrumentos mal afamados e identificados com danças pagãs/ sexuais.



6) Podem ser postados, no boletim e no site SolaScriptura-TT, artigos defendendo as posições (4) e (5), desde que em tom de amor e respeito um ao outro.




Hélio, 1997.


 



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em BibliaLTT.org, com ou sem notas).



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ LiturgiaMusicaLouvorCulto/
retorne a http:// solascriptura-tt.org/ )