2 Séries de Artigos: sobre a imperdibilidade da salvação, depois analisando 101 passagens que somente aparentemente parecem conflitar com isso



Amadíssimo irmão em Cristo, salvo pelo mesmo sangue que me salvou, e destinado ao mesmo glorioso destino eterno a que Deus me destinou:

Considere o assunto que poderia ter qualquer um desses títulos:

·         Impossibilidade de quem realmente creu (de modo bíblico e no Jesus bíblico) (portanto foi salvo), passar a não crer ou, de qualquer outro modo, se perder.

·         Certeza da salvação: Já posso eu ter, agora, absoluta certeza de que serei salvo e passarei a eternidade com Deus? Minha salvação eterna já é uma certeza absoluta, incapaz de ser mudada, diminuída, ou perdida?

·         Segurança da salvação: Posso eu já estar absolutamente seguro de minha salvação eterna?

·         Imperdibilidade da salvação: Há algum ser, circunstância, evento, pecado, escorregão, queda (por breve ou mediano ou grande tempo, ou de algum certo tipo,ou grau) que me possa fazer perder algo da salvação?

·         Perseverança do Salvador em garantidamente, Ele, manter salvo quem já creu [biblicamente]

·         Uma vez (biblicamente) salvo, sempre salvo


Não se pode pensar de nenhum, nenhum outro assunto nem de longe tão importante para o bem eterno do crente!

Este assunto é tão sumamente importante que rogo que você me permita-me enviar, em íntegra, a cada dia, 1 de 13 artigos que escrevi/selecionei sobre o assunto (quem quiser ler e ponderar tais artigos, o faça, e quem não quiser ler ou não gostar do que leu, o faça):

Uma Vez Salvo ... 
1 É A Salvação Segura E Incapaz De Ser Perdida? - Hélio 
2 Pode O Crente Perder Sua Salvação? -- Adenauer. 
3 Seguranca Eterna Dos Filhos De Deus, a - FEA 
4 80 Razões Pelas Quais O Crente Não pode Perder sua Salvação - Dawson. 
5 Certeza de Salvacao, a, - Ensino A Duvidoso Critico -- A. Aloisio 
6 Duvidar da Salvacao E Ter Conflitos na Vida Crista -- D. Cloud 
7 Garantia da Salvacao Eterna, a -- P. Ruckman (.doc, 231 kb)
8       Salvacao Eterna Do Crente, a -- L. A. Silva 
9 215 Negacoes Contra a Biblia, Se a Salvacao Pudesse Ser Perdida -- M. Jurna 
CANCELEI     Irá Cristao Suicida Para o Ceu? -- ChistianAnswers.net 
10 Crente Suicida ou Adultero ou Pecadorzao -- Helio 
11  22 - Imperdibilidade da Salvação-Provas - Hélio
12 31 - a Completude da Salvação - Hélio





**********************************




*****************************************



Amadíssimo irmão em Cristo;
- salvo pelo mesmo precioso sangue sem pecado do mesmo Cristo que me salvou;
- com a mesma salvação incapaz de ser perdida, irreversível, posto que garantida pelo mesmo Deus fiel que garante a minha salvação, mesmo não conseguindo eu ser fiel como deveria e gostaria;
- e destinado ao mesmo glorioso destino eterno a que Deus me destinou:

terminamos de ver uma série de 12 artigos demonstrando, à luz das Escrituras:

·         Impossibilidade de quem realmente creu (de modo bíblico e no Jesus bíblico) (portanto foi salvo), passar a não crer ou, de qualquer outro modo, se perder.

·         Certeza da salvação: Já posso eu ter, agora, absoluta certeza de que serei salvo e passarei a eternidade com Deus? Minha salvação eterna já é uma certeza absoluta, incapaz de ser mudada, diminuída, ou perdida?

·         Segurança da salvação: Posso eu já estar absolutamente seguro de minha salvação eterna?

·         Imperdibilidade da salvação: Há algum ser, circunstância, evento, pecado, escorregão, queda (por breve ou mediano ou grande tempo, ou de algum certo tipo,ou grau) que me possa fazer perder algo da salvação?

·         Perseverança do Salvador em garantidamente, Ele, manter salvo quem já creu [biblicamente]

·         Uma vez (biblicamente) salvo, sempre salvo

Não se pode pensar de nenhum, nenhum outro assunto nem de longe tão importante para o bem eterno do crente! E oro a Deus que tenha ficado meridianamente claro à mente e docemente incorporado ao coração de cada leitor esta verdade tão maravilhosa, que a nossa salvação está segura dentro das infinitamente poderosas mãos de Deus, não depende das forças das nossas mãos, ALELUIA!!!!




Mas há pelo menos 101 passagens na Bíblia que, mal interpretadas, à primeira vista dão a aparência (somente a aparência) de que a preservação da salvação inicialmente nos dada pela graça de Deus depende, agora, pelo menos parcialmente, de nossas (sim, nossas) obras, esforços e fidelidade alcançarem um certo grau mínimo de intensidade, ou tipo, ou duração. (ninguém sabe definir pela Bíblia, quais são esses tipos, graus ou duração, mas acho muito engraçado que todos acham que seus pecadinhos são insignificantes pecadinhos veniais e que os dos outros é que são terríveis pecadões mortais)
Portanto, é também de suma importância para cada crente estudar essas 101 passagens aparentemente ensinando que nós podemos perder a salvação antes nos dada gratuitamente pela graça de Deus, estudá-las com todo empenho, honestidade e sinceridade, mas também partindo do princípio de que Deus nunca se contradiz nem sequer em metade da metade de uma só palavra, e temos que estudar as passagens nebulosas ou aparentemente contraditórias:

- à luz de passagens absolutamente claras e explícitas sobre o mesmo assunto;
- examinando contexto e contexto e contexto e contexto; contexto mediato (próximo) e imediato (em outros capítulos da Bíblia).
- reconhecendo que não há nenhum verso explícito no NT (particularmente na parte de Romanos a Filemon, a parte escrita para se aplicar sempre e somente aos crentes das igrejas locais) que diga que "Fulano de Tal, que real e biblicamente creu no dia tal e é membro da assembleia local que se reúne na rua ... ao invés de ir para o céu para onde Deus já o tinha destinado a ir, Esse Deus agora mudou o destino eterno de tal homem de modo a ele ir para o Inferno;"
- reconhecendo que salvação, sempre, de eternidade a eternidade, sempre foi, é e será somente e plenamente pela graça de Deus através da bíblica do homem no prometido Salvador encontrado na Bíblia, fé no Palavra Eterno que Tomou Carne (portanto, fé em cada palavra da Palavra Escrita de Deus), salvação sem ajuda de obras, toda a glória sendo devida e dada a Deus e nenhuma ao homem;
- mas reconhecendo também que, mesmo sendo Deus imutável, Ele, na Sua soberania, inegavelmente escolheu dividir o tempo em dispensações (cada uma tendo muitas coisas em comum com as outras, a salvação sendo sempre pela graça através da fé, mas tendo cada dispensação alguns aspectos distintivos pela qual Deus se relaciona com a humanidade; por exemplo, no VT o crente judeu devia fazer sacrifícios e guardar leis sobre dias e alimentos e vestes e higiene etc., que agora Deus não exige o crente cumprir exatamente do mesmo modo), reconhecendo também que, em cada dispensação (sejam elas em número de duas ou de sete ou mesmo de mais), Deus pode ter estabelecido que alguma específica obra seria consequência que nunca poderia faltar no salvo (como consequência da salvação e não como sua causa!!!) como prova exterior de sua fé interior e de sua salvação já definida (por exemplo, no VT, quem rebeldemente recusasse ser circuncidado, recusasse oferecer sacrifícios, recusasse deixar de comer sangue, recusasse deixar de comer porco, etc., com toda certeza nunca tinha crido em Deus e no prometido Redentor, não era salvo, mas hoje nenhuma evidência dessas citadas é "prova provada" ou "prova indispensável" para a salvação); alguém pode odiar e nunca usar a palavra dispensações, mas concorda com esses fatos, essas específicas diferenças entre o tratamento de Deus para com os judeus do VT e seu tratamento para conosco, os salvos do NT;
- reconhecendo que nem todas as palavras "salvar" e salvação se referem à salvação eterna do indivíduo, mas, dependendo do contexto, podem se referir a cura de doenças, libertação de inimigos e perigos, libertação de correntes e prisões, etc.). As palavras "eleger", "eleição", "eleitos", dependendo do contexto, também podem ser usadas para escolhas para ofícios e tarefas, e não somente a salvação. Etc., etc., etc.;
- sempre temos que usar as mais honestas e sinceras e consistentes e sãs regras de interpretação a mais literal possível, mas sem gerar contradições, antes harmonizando-as pelas regras de tão sã hermenêutica; particularmente temos que sempre analisar contexto, contexto, contexto, contexto; e comparar Escritura com Escritura.


Por isso tudo, permitam-me enviar em íntegra, a cada dia, 1 de 19 artigos (numerados de A até S) que escrevi/selecionei, no total eles analisam com suficiente profundidade pelo menos 101 passagens bíblicas agrupadas em 19 categorias, passagens que, à primeira vista, dão a aparência (somente a aparência) de que a salvação (estamos mais interessados em particularizar para a dispensação em que agora vivemos, a dispensação das assembleias locais) é:
- insegura,
-incerta,
- pode ser perdida,
- ninguém pode ter certeza de que está salvo até que saia deste corpo pecaminoso e compareça diante de Deus!!! (E dEle receba o veredito final e definitivo).
Permitam-me demonstrar que nem sequer uma só dessas 101 passagens é prova provada de que pelo menos um salvo (particularmente na atual dispensação das assembleias locais) teve seu nome apagado do "Livro da Vida do Cordeiro" porque Deus de alguma forma falhou ao escrevê-lo no rol dos eleitos e predestinados desde antes da fundação da terra e escritos nesse maravilhoso livro, ou Deus se arrependeu de tê-lo escrito lá. Permitam-se enviar em íntegra esses 19 artigos (novamente, quem quiser ler e aceitar o conteúdo de tais artigos, o faça, e quem não quiser ler ou não gostar do que leu, não os leia nem goste deles, isso fica entre cada um e Deus):

Análise de 101 versos que não implicam perda de salvação (como muitos erroneamente ensinam ), mas são sobre:

A - os Falsos Mestres - Willmington
B - os Nunca Salvos - Willmington
C - os Galardões - Willmington
D - a Usabilidade do Crente - Willmington
E- a Disciplina do Crente por Deus - Willmington
F - os Frutos - Willmington
G - o Crente Confuso com Doutrina - Willmington
H - o Pecado Para Morte - Willmington
I - o Pecado Imperdoável - Willmington
J - os Judeus Na Tribulação - Willmington
K - os Gentios em contraste contra Israel - Willmington
L - o Testemunho de Igrejas Locais - Willmington
M - o Mero Assentimento Intelectual, que nunca salvou - Willmington
N - a Destruição de Jerusalém por Nabucodonozor - Willmington
O - Assuntos Específicos - Willmington
P - o Livro da Vida - Willmington
Q - Pessoas Específicas - Willmington

R - [teste e] Convicção, Segurança na Salvação Imperdível e Eterna - Hélio
S - o Livro da Vida - Hélio
EXTRA: He 6:4-6; 10:26-31 Não Desprovam Que Nossa Salvação é Segura, Imperdível (incapaz de ser perdida)






********************************************

Para facilidade do leitor, Hélio agrupou as 101 passagens na ordem dos livros da Bíblia, cada uma seguida da letra da seção que a trata:

Êxo 32:32-33 P;

Núm 22-24 Q;

1Sa 4:35 Q;
10:6-12 Q;
11:6,13-15 Q;
12:13 Q; 
15:30-31 Q;

Sal 69:28 P;

Eze 3:18-21 N;
33:8 N;

Dan 12:1 P; 

Mat 5:13 F;
7:15-23 A;
10:32-33 B;
12:31-32 I;
13:1-8,18-23 M;
18:23-35,21 O;
22:1-13 J;
24:11 A;
24:13,45-51 J;
24:24 A;
25:1-30 J;

[Mar 3:28-30]

Luc 10:20 P;
11:24-28 M;
[12:10 I]
13:23-30 J;
15:11-32 Q;
22:3,22 Q;

Joã 6:66 M;
6:70-71 Q;
8:31 F;
8:51 B
12:4-6 Q;
13:27 Q;
15:1-6 F; 

Ato 1:24-25 Q;
5:1-11 H;
8:5-25 Q;
13:43 F;
14:22 F;

Rom 6:16;
[8:1 E]
8:13 H;
9:3 P;
11:13-24 K;
14:23 E; 

1Co 3:11-15 C;
5:5 H;
9:27 D;
10:5 D;
11:29 E;
11:30 H;
15:1-2 B;

2Co 5:9-10 C;
11:2-4 G;
11:13-15 A;

Gál 5:4 G;
6:9 C;

Fp 4:3 P;

Col 2:4,8,18 G;
3:24-25 C;

1Te 3:5 G; 

1Ti 1:6,19-20 G;
4:1 A;
5:12 E;
6:20-21 G;

2Ti 2:12 C;
2:18,26 G;
4:10 Q;

Heb 2:1-4 B;
3:11-19 D;
4:1-16 D;
6:4-20 H;
10:26-31 H;
12:14-15 D;
12:16-17 Q;
12:25,29 B;

Tia 1:12 C;
1:13-15 H;
1:26 F;
2:14-26 B;
5:19-20 H;

2Pe 1:9-11 F;
2:1-22 A;
3:16-17 A;

1Jo 2:19 A;
2:24 F;
3:6,8,9;15:8 B;
5:16 H;

2Jo 1:7 A;
1:9 B;
1:18 C;

Judas 1:4,10-16 A;

Apo 2:7,11,17,26 C;
2-3 L;
3:5 P;
3:5,12,21 C;
13:8 P;
17:8 P;
20:12,15 P;
21:27 P;
22:18-19 A;
22:19 P;



********************************************


Preâmbulo para cada uma das 19 mensagens:

Subject: A) Versos que se referem a FALSOS MESTRES (não destroem a Imperdibilidade da Salvação garantida por Deus)

Entre 10 e 25.2.2014, enviamos 12 artigos (procure em
https://br.groups.yahoo.com/neo/groups/solascripturatt/conversations/messages , dentro deste período) provando que a Salvação dada por Deus aos que creram biblicamente no Cristo da Bíblia é incapaz de ser perdida. Com profundidade analisamos muitíssimas dezenas de versículos em prova disso, sendo uns 50 deles em um contexto que ninguém pode discordar que é o da salvação eterna, são declarações explícitas a que ninguém pode dar outro sentido, declarações irrefutáveis e incontornáveis de que a salvação é irreversível: uma vez que cremos da maneira bíblica no Cristo da Bíblia, então somos irreversivelmente salvos e guardados pela graça de Deus, para sempre.

Agora, vamos estudar alguns versos que, APARENTEMENTE, à primeira vista, para alguns, fazem Deus ser um mentiroso ao ter garantido infalivelmente preservar nossa salvação. Vamos refutar esta tentativa de fazer de Deus mentiroso. Se alguém porventura insistir que esses versos realmente fazem Deus de mentiroso e contraditório, por implicarem que um verdadeiro salvo por Deus pode abrir a infinitamente poderosa mão dEle e saltar para fora da salvação, peço que:
(a) revise os 12 artigos que enviei e diga o que está brutalmente errado com algo de algum deles quando defende o assunto principal, a imperdibilidade da salvação, e,
(b) em particular, tente me explicar como é que Deus não seria contraditório e mentiroso se o meu crítico tivesse razão em interpretar o verso como ensinando perda de salvação, contra apenas dois versos (eu poderia dar dezenas) irrefutáveis da imperdibilidade da salvação. Explique-me (honestamente, literalmente, sem truques, sem tradições humanas), por favor, Jo 6:37 e Jo 10:28,29:

“Todo o que o Pai me dá virá a mim; e o que vem a mim de maneira NENHUMA o lançarei fora.” (Jo 6:37 ACF)

 “
28  E DOU-lhes a vida ETERNA, e NUNCA hão de perecer, e NINGUÉM as arrebatará da minha mão. 29  Meu Pai, que mas deu, é maior do que todos; e NINGUÉM pode arrebatá-las da mão de meu Pai.” (Jo 10:28-29 ACF)

 

*****************************************************************



Só use as duas Bíblias traduzidas rigorosamente por equivalência formal a partir do Textus Receptus (que é a exata impressão das palavras perfeitamente inspiradas e preservadas por Deus), dignas herdeiras das KJB-1611, Almeida-1681, etc.: a ACF-2011 (Almeida Corrigida Fiel) e a LTT (Literal do Texto Tradicional), que v. pode ler e obter em http://BibliaLTT.org, com ou sem notas.



(Copie e distribua ampla mas gratuitamente, mantendo o nome do autor e pondo link para esta página de http://solascriptura-tt.org)




(retorne a http://solascriptura-tt.org/ SoteriologiaESantificacao/
retorne a http://solascriptura-tt.org/)